Livros cristãos gratuitos para estudos bíblicos sobre salvação, o Espírito Santo, o Tabernáculo e o Apocalipse de João

HOME  |  MAPA DO SITE  |  CONTATO  |  AJUDA    
Estudos da Bíblia Livros Cristãos
Grátis
e-livros Cristãos
Grátis
Sobre Nós
 



 Os sermões em assuntos importantes por Rev. Paul C. Jong

 

Não Andeis Ansiosos Pela Vossa Vida, Mas Confies no Senhor Somente


< Mateus 6:25-34 >
“Por isso vos digo: nao andeis ansiosos pela vossa vida, quanto ao que haveis de comer ou beber; nem pelo vosso corpo, quanto ao que haveis de vestir. Não é a vida mais do que o alimento, e o corpo mais do que o vestuário? Olhai para as aves do céu; não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros, e contudo, o vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais do que elas? Qual de vós poderá, com as suas preocupações, acrescentar uma única hora ao curso da sua vida? Quanto ao vestuário, por que andais ansiosos? Observai como crescem os lírios do campo. Eles não trabalham nem fiam. Eu, porém, vos digo que nem mesmo Salomão, em toda sua glória, se vestiu como qualquer deles. Se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe e amanhã é lançada no forno, não vestirá muito mais a vós, homens de pequena fé? Portanto, não andeis ansiosos, dizendo: que comeremos? Que beberemos? Ou: com que nos vestiremos? Pois os gentios procuram todas estas coisas. De certo vosso Pai celestial bem sabe que necessitais de todas elas. Mas buscai primeiro o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Portanto, não andeis ansiosos pelo dia de amanhã, pois o amanhã se preocupará consigo mesmo. Basta a cada dia o seu próprio mal.”


Nós, os que nasceram de novo, também estamos propensos a nos preocupar com o futuro até mesmo depois de termos recebido a remissão dos pecados. Essas preocupações dizem respeito a como viver daqui para frente, o que comer, o que vestir, o que fazer para ganhar dinheiro, e como viver a vida. Dessa forma, em nossos corações, nós deixamos a preocupação com o fututo entrar. Eu vejo que aqueles que são jovens dentre os que nasceram de novo se preocupam mais com sua vida no futuro porque não compreendem que Deus os ajuda, e ainda não tiveram a experiência de serem guiados por Deus. Certamente, é muito natural que nos preocupemos já que somos humanos.

Todos que nascem neste mundo trabalham muito duro para si. Eles não vivem pela fé em Deus, e estão habituados a viver confiando na sua própria saúde e nos seus esforços, então depois de nascerem de novo, a primeira coisa que eles se preocupam é com o que vão comer, o que vão beber, e como vão viver. Todavia, o Senhor nos fala sobre o que os nascidos de novo devem pensar primeiro: “buscai primeiro o seu reino e a sua justiça.” Ele diz: “buscai o reino de Deus, a justiça de Deus. Primeiro congregue numa igreja e procure fazer a obra de Deus, do Seu Reino, para salva pessoas. Ore! Então, Eu suprirei todas as suas necessidades na área material e você terá o que comer, o que beber, e saberá como viver.”

Eu também pensei sobre o meu futuro assim que fui liberto dos meus pecados. “Como eu vou viver? O que vou comer? O que vou vestir? O que eu devo fazer na vida?” Eu me preocupei com essas coisas. Se houvessem certas coisas que eu tivesse que fazer, eu então fazia, mas se não houvessem certas coisas específicas para eu fazer, então eu ficava sem saber o que fazer naquela hora. Aqueles que economizaram algum dinheiro antes de receber a remissão de pecados talvez fiquem menos confusos. Contudo, para alguém como eu que esteve na faculdade antes de receber a remissão de pecados é ainda mais complicado. Eu não tinha como não me preocupar como eu viveria nesse mundo.

Os jovens irmãos de nossa igreja, que são estudantes ou inexperientes no mundo real, também poderiam se sentir desanimados ao pensar como eles poderiam viver nesse mundo. O que nós faremos para comer? O que nós vamos vestir? As preocupaçãos são muitas.

Entretanto, o Senhor diz a todos nós: “não se preocupe com essas coisas. É com isso que se preocupam aqueles que ainda não nasceram de novo.” Então nós podemos ter uma certeza em nossos corações: “nosso Senhor nunca deixa de estar ciente da nossa situação. Esse é um problema da nossa realidade, e como não podemos nós nos preocupar com isso? O problema do alimento, das roupas, e um lugar para morar depende do agora. Como não podemos nós nos preocupar com isso?” Contudo, o Senhor nos diz seguramente, o Senhor nos diz: “É com isso que os gentios se preocupam. Não se preocupe como você vai viver? Pense na justiça de Deus primeiro e viva sua vida cumprindo Sua justiça.” O Senhor nos diz: “Olhai para as aves do céu; não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros, e contudo, o vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais do que elas?”

Na verdade, se cremos no que o Senhor diz, não há nada que possamos usar como argumento contra isso. Nós nos preocupamos com nossa vida, mas o Senhor nos adverte de uma maneira direta: “não se preocupe com as coisas materiais. É isso que os gentios procuram. É isso que aqueles que não nasceram de novo procuram. Observai os lírios do campo, como eles crescem; eles não trabalham nem fiam. Se Deus assim veste a erva do campo, que hoje existe, e amanhã é lançada no forno, não vestirá muito mais a vós, homens de pequena fé?”

Amados irmãos em Cristo, como crescem os lírios do campo? Eles começam a brotar naturalmente, crescem e depois florescem? Isto acontece porque Deus os semeia, e dá a eles a luz do sol que eles precisam, e também dá a eles a chuva que os faz florescer. O Senhor disse que Deus cuida da erva do campo, então Ele cuidará muito mais de vocês, que são Seu povo justo.

Amados irmãos em Cristo, existe uma grande diferença entre as preocupações que temos e a certeza que vem da verdadeira Palavra de Deus. Nós nos preocupamos muito com nosso futuro agora, mas não existe muito a fazer já que Ele nos faz calar dizendo:“observai como crescem os lírios do campo.” Deus dá a luz do sol e a chuva para que os lírios cresçam também. Sendo assim, Ele não cuidaria também de nós, que somos Seus filhos? Tenha a fé que confia em Deus. Assim, você poderá ter comunhão com Deus.

O que temos que fazer para ter comunhão com Deus? Não existe outra maneira a não ser acreditar na Palavra de Deus. Quando cremos na Sua Palavra como ela é, podemos então ter comunhão com Ele pela fé. Se Deus nos garante isso, quando cremos nEle segundo Sua Palavra e que Deus irá nos vestir, nos alimentar, e nos ajudar a viver, nós podemos nos achegar a Deus e nos tornar um com Ele, podemos ter comunhão com Ele, e obter respostas segundo a nossa fé.



Observai Como Crescem os Lírios do Campo

Você tem a fé que faz essa confissão? – “Deus faz crescer os lírios do campo. Eu faço parte do povo de Deus, sou filho de Deus, Deus é meu Pai e meu pastor, então eu creio que Ele vai me alimentar e me vestir.” A única maneira de acabar com as preocupações é crendo. “Deus, eu creio em Ti!” Não há palavras mais corretas diante de Deus do que estas. Não há outras palavras que você possa dizer.

Amados irmãos em Cristo, já que o Senhor disse isso, podemos dizer algo mais que sirva de argumento contra isso? Deus nos promete nessa passagem da Bíblia, que Ele proverá todas as nossas necessidades desde que primeiro busquemos Seu reino e Sua justiça. Quando tomamos para nós essa passagem pela fé, não nos resta mais nada a dizer. Nós não podemos mais usar a desculpa de que não temos fé. “Eu cuido da erva do campo. Se é assim, não posso Eu cuidar de vocês? Eu posso cuidar de uma planta o ano todo, se é assim, não posso Eu cuidar dos Meus filhos?” Creia nEle agora.

Se nós cremos nisso, não devemos pensa assim: “a chuva é algo que Deus faz cair dos céus de um jeito ou de outro, e a luz do sol é algo que Ela dá mesmo, e por isso a erva do campo cresce, mas nós não podemos viver apenas da chuva e da luz do sol. Tu não sabes, Deus, como nós temos que trabalhar duro para viver?” É claro que não existe um jeito de Deus não saber disso. Se o Senhor diz que nos conhece a todos, então temos que crer que Deus nos dará habilidade, sabedoria, e bênçãos que nos darão condições de viver nesse mundo também. Se o Senhor tomou como exemplo um lírio para nos dizer que Deus proverá tudo no tempo certo, então podemos acreditar que Deus proverá tudo no tempo certo para nós, que somos filhos de Deus.

O Senhor também nos deu outro exemplo que faz despertar a nossa fé nEle: “Olhai para as aves do céu; não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros, e contudo, o vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais do que elas?” (Mateus 6:26)

Entretanto, algumas pessoas interpretam de uma forma errada e absurda esse versículo, dizendo: “Olhe! Vejam as aves do céu! Como elas são inteligentes! Se nós trabalharmos duro nesse mundo como aquelas aves voando no céu, poderemos viver muito bem nesse mundo.” Eles levantam argumentos como esse. Mas uma vez que essas pessoas não tenham fé, elas criam argumentos como esse: “Ah, se um homem trabalhar duro, ele poderá então ter alimento suficiente e viver em abundância.”

Argumentos como estes são diferentes dos argumentos da fé sobre a qual Deus nos falou. Quem poderia dizer que quando nós trabalhamos duro, não precisamos nos preocupar com o alimento? Porém, alguém fica rico só porque trabalha duro? Não é isso que acontece com todo mundo. Há muitas pessoas que estão trabalhando nos seus empregos por meses e até mesmo por mais de um ano, mas que ainda nem sequer foram pagos.

“Olhai para as aves do céu; não semeiam, não colhem, nem ajuntam em celeiros, e contudo, o vosso Pai celestial as alimenta. Não tendes vós muito mais do que elas?” O que Deus quer dizer neste versículo não é que teremos alimento sempre que trabalharmos duro. O Senhor está dizendo que Deus nosso Pai, quem nos salvou, proverá a nós o que comer, beber e vestir surprindo nossas vidas nesse mundo. Isto significa que Deus irá nos alimentar e nos vestir, nós os justos. Isto significa que Deus irá cuidar de cada justo que vive para anunciar o evangelho. O ponto central desse versículo é: “sendo vocês Meus filhos, eu vou deixar que vocês passem fome, ou não vestirei vocês? Sendo vocês Meus filhos, enquanto vocês estiverem vivendo nesse mundo, enquanto vocês tiverem a vida de vocês, enquanto vocês tiverem que trabalhar nesse mundo, Eu não cuidarei de vocês?”

Eu também achava um absurdo quando eu lia esse versículo antes de ter nascido de novo. Mas isso não acontece mais. Quando eu encontrei o Senhor, eu não sabia o que fazer. Então, eu primeiro pensei que seria necessário ter um negócio para viver. Na realidade, eu não tinha outros planos em mente. Eu estava mesmo desanimando quando tive um encontro com o Senhor através do evangelho da água e do Espírito. Pelo fato de eu estar preocupado como eu viveria, com o que comeria, com o que vestiria, as preocupações com a pregação do evangelho ficaram para segundo plano. Como eu me integraria à Igreja de Deus também ficou para segundo plano, e eu ficava aflito sobre o que eu deveria fazer enquanto vivia ocupado tentando ganhar a vida por mim mesmo. Mas o Senhor me disse: “É isso que os gentios procuram.” Todavia, eu me rebelei muito contra essa Palavra dizendo: “Está é a Sua lógica e a minha lógica no momento não segue a Sua.”

Quando eu olhei para o futuro e percebi como eu iria viver daquele momento em diante, eu me encontrei em trevas. Quando eu olhei em volta e percebi minha situação, ela estava muito pior e eu não sabia o que fazer. Eu não sabia nada naquele tempo, mas uma coisa que eu tinha certeza era que Deus havia me feito Seu filho e o Senhor havia apagado todos os meus pecados. E então o Senhor disse: “se tiverdes fé como um grão de mostarda, direis a este monte: passa daqui para acolá, e ele passará.” Isso quer dizer que o Senhor me deu o evangelho da Verdade que me permite viver pela fé. E Ele também me disse: “buscai primeiro e seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.”

“Ah, é assim que eu devo viver!” Eu decidi então me dedicar a obra de Deus. Eu me apeguei a Sua Palavra e comecei a orar por tudo aquilo que eu precisava. Eu orei: “Deus Pai, eu não tenho dinheiro suficiente. Deus, eu quero pregar o evangelho da água e do Espírito, mas eu não tenho dinheiro suficiente. Dai-me dinheiro. Dai-me bens materiais. Eu não tenho um edifício. Dai-me um edifício para a igreja. Dai-me almas. Eu estou tentando escrever livros sobre o evangelho da água e do Espírito, mas eu não tenho uma prensa. Dai-me uma prensa.”

Agora, minha pequena fé cresceu e eu peço algo grande para a obra de Deus. Eu percebi na prática que Deus responde a tudo – mesmo sendo pequeno ou grande. Isto me fez crescer aos poucos como homem de fé. Isso significa que nos tornamos homens de fé sem mesmo dar conta disso.

Quando algo acontece, eu penso: “Deus dá conforme orarmos! E não há nada que os irmãos tenham que se preocupar! Deus nos ajuda! Deus ajuda os irmãos! Se os irmãos estão com problemas e passando por alguma dificuldade, Deus dá conforme orarmos!” Nossa fé aumenta cada vez mais quando oramos com fé. É por isso que o Senhor diz: “Não andeis ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e pela súplica, com ações de graças, sejam as vossas petições conhecidas diante de Deus. E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e as vossas mentes em Cristo Jesus” (Filipenses 4:6-7). Nosso Deus é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos (Efésios 3:20).

Uma vez que creiamos nisso, podemos pedir ao Senhor com ousadia. Ao invés de começarmos algo por nós mesmos, ao invés de fazermos uso de todo recurso humano, nós oramos: “Deus! Dá-nos isto. Nós realmente precisamos disso.” Agora, mesmo que não possamos ver algum sinal concreto com nossos próprios olhos, nós pedimos a Deus que nos dê. E por quê? Porque as orações fazem as coisas acontecer, então isso é melhor do que nossa própria maneira de tentar. Quando eu nasci de novo, eu planejava um négocio de venda de panelas para ganhar a vida. Mas como minha fé cresceu, eu comecei a orar ao invés de tentar fazer algo por mim mesmo.

Se temos fé em Deus, nós primeiramente oramos a Deus buscando Sua ajuda. E mesmo que não haja nenhuma resposta, continuamos orando fervorosamente. “Deus, faça isso por nós. faça aquilo por nós.” Quando nós oramos constantemente e por um longo período, vemos que Deus responde. Então nós oramos de novo por um novo próposito. Sendo assim, nós aprendemos na prática que recebemos respostas de Deus. Por essa razão, nos tornamos pessoas de fé. Nós passamos a ter a fé mais poderosa que crê em Deus. Nós passamos a crer firmemente que o Senhor nos alimenta, nos veste, e nos faz viver. Quando vivemos para a justiça de Deus, desenvolvemos nossa fé em Deus.

Portanto, quando trabalhamos em favor da justiça de Deus, nós deixamos de nos preocupar com o que comeremos dali para a frente, com o que iremos beber, ou vestir. Sempre que precisamos de alguma coisa, nós começamos a orar: “Deus, dá-nos novamente. Dê aos nossos irmãos coisas materiais. Dá-nos saúde. Dá-nos isso, dá-nos aquilo.” Nós começamos a orar. Mas isto não significa que temos apenas que sentar e orar, e não fazer a nossa parte. Nós temos que orar primeiro, e depois buscar a justiça de Deus. Dessa forma, o Senhor nos dá o que comer, o que beber, as coisas que precisamos para viver e tudo mais. Eu espero que você creia que Ele dá todas as coisas.

Na verdade, nós podemos viver e fazer Sua obra até agora, porque Deus tem provido tudo a nós. Por esse motivo, até no futuro, Deus verdadeiramente dará a nós os justos o que vestir, comer, beber, coisas que são essencial para nossas vidas. E não apenas isso, mas tudo mais que pedirmos em favor do Reino de Deus, Deus nos dará em abundância.

Irmãos, por isso que é uma bênção viver em Deus. Nós não vivemos com o que temos, mas pela fé em Deus. É por isso que os justos vivem cheios de saúde no corpo e no espírito. Se realmente vivermos pela fé que crê em Deus, nós viveremos em abundância no corpo e no espírito.

Deus nos disse: “buscai primeiro e seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” Isso significa que devemos viver em união com Sua Igreja para o Reino de Deus e a Sua justiça, para o evangelho, e para a salvação de outras almas. O Senhor nos diz para vivermos para o evangelho da água e do Espírito. Isso significa que Deus nos dará todas as coisas se vivermos para Sua justiça. Esta é a promessa de segurança que Deus garante a você e a mim. Esta é a aliança que Deus fez conosco, os que nasceram de novo. Se nós darmos nosso coração e vivermos para o evangelho de Deus, Deus certamente cuidará de nossas vidas suprindo o que comer, beber, e vestir. Deus pelo menos nos dará a garantia de que viveremos com saúde no corpo e no espírito.

Amados irmãos em Cristo, vivam para Deus. Vocês estão preocupados com a vida de vocês? Vivam para o evangelho de Deus. Vivam para o evangelho da água e do Espírito. Tenha sua mente na obra do Senhor. Se vocês fizerem isso, seu futuro está garantido. Quando é que nós nos preocupamos mais como seres humanos? Quando as coisas materiais, não importa o quanto elas sejam pequenas, aquelas que necessitamos, estão faltando, nós nos sentimos mais inseguros. E nós nos sentimos ainda pior quando tudo o que temos acaba e ficamos de mãos vazias. Já que não temos nada para usar e nenhuma reserva, fica mais fácil tentar novamente com fé no Senhor. Contudo, ficamos mais inseguros quando as coisas não acabam totalmente e tentamos viver com o que ainda resta. Como nós ficamos preocupados e com medo de perder o pouco que nos restou!

Amados irmãos em Cristo, se nos restou alguma coisa, ou não temos mais nada, vivamos para o Senhor, para o evangelho, e confiemos em Deus. Assim o Senhor nos suprirá não somente com o que precisamos, mas com muito mais. Porque o Senhor nos dá com abundância quando vivemos para o evangelho, e nos ajuda a viver administrando o que temos.

É isso. Grave hoje em sua mente esse versículo: “buscai primeiro e seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” Porque se vivermos para Deus, Ele não fará outra coisa senão nos dar tudo aquilo que precisamos.

Havia um irmão, que era alfaiate. Uma pessoa não pode ganhar muito dinheiro como alfaiate. Ele dizia que tinha que ficar a noite inteira acordado para fazer um único terno. Assim, quando ele trabalhava na igreja, todo o seu dinheiro acabava. Então, ele começou a orar ao Senhor. Desde então, as pessoas começaram a pedir muitas roupas de ginástica ao invés de ternos. Algumas empresas começaram a pedir roupas de ginástica às centenas e aos milhares, e assim ele começou um negócio, e ganhou muito dinheiro. Dessa forma, ele teve como viver mesmo quando estava servindo ao Senhor.

Viver é viver mesmo que se faça ternos ou roupas de ginástica, mas há alguns irmãos que servem a Deus muito mais porque oraram quando estavam em dificuldade. Na realidade, existem muitos exemplos como esse. Todos aqueles que têm vivido para o Senhor passaram por isso. Nós, os justos, não vivemos somente pelo que temos. Nós servimos ao Senhor com o que Ele nos tem provido porque o Senhor nos dá fartura. Se vivermos com o que nós temos, então certamente algo nos faltará em breve.

Havia uma viúva em Sarepta no Antigo Testamento. Naquele tempo, Deus fez com que houvesse uma terrível seca por anos. Por causa da fome, faltava tudo a ela e a última coisa que ela tinha era somente um punhado de farinha numa panela. Quando ela misturou a farinha com água e amassou, se formou um bolo de farinha que acabaria com a fome de duas ou três pessoas. Ela amassou o bolo de farinha com o rolo e fez um pão. Os judeus fazem pão para comer. Eles enrolam a massa para que ela fica bem esticada, e quando o fogo acaba e fica apenas o carvão em brasas eles colocam a massa sobre ele.

Quando ela ia fazer uma pão tipo uma panqueca para que ele e o filho comessem pela última vez, ela pensou que eles morreriam de fome depois daquilo. Então um servo de Deus, Elias, apareceu.

“Mulher, tu tens alguma coisa para comer?”

“Sim, eu tenho essa farinha aqui.”

“Então a prepare e traga aqui para que possa comer.”

Meus amados irmãos em Cristo, o que o servo de Deus disse a ela para fazer, ela fez. Ela pensou que ia comer essa última porção com seu filho, e mesmo sendo tudo que ela tinha, ela deu para o servo de Deus comer. A viúva deu ao servo de Deus a última porção que ela tinha. Parecia que não havia mais esperança para ela. Todavia, algo inacreditável aconteceu então, logo depois que o servo de Deus comeu. A farinha não faltou na panela. E isto está registrado na Bíblia.

Meus amados irmãos em Cristo, a Bíblia diz: “buscai primeiro e seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” Aqueles que não nasceram de novo enganam os outros tomando seu dinheiro usando esse versículo. Isso sempre acontece de verdade. Mas na realidade, levar as almas a viver pela fé e para servir ao evangelho da água e do Espírito não é uma decepção, mas a Palavra de Deus. Se nós de fato vivermos para o Senhor, o Senhor verdadeiramente proverá tudo a nós. Creia nisso. Você deve crer nisso.

Meus amados irmãos em Cristo, repitam comigo: “Senhor eu creio em Ti!” Talvez você ainda se sinta inseguro, certo? Então você pode gritar bem alto: “eu creio!” Você tem vivido pelas suas próprias forças até agora? Então se apegue a Deus muito mais pela fé. Se você se apegar a algo desesperadamente, mesmo assim ele irá faltar. Você não pode evitar isso mesmo com toda sua força. É por isso que o Senhor nos diz para vivermos pela fé.

Nós devemos viver com o coração no Senhor e servir ao Senhor mesmo que tenhamos muito ou não. Assim o Senhor com certeza irá nos suprir com tudo aquilo que precisamos. Se nós servirmos ao Senhor, então Ele terá a responsabilidade de nos suprir. Ele nos supre abundantemente, para que Ele seja servido continuamente por nós. Já que Ele é onipotente, Ele nos suprirá mesmo que seja apenas para manter Sua aliança e nada mais.

Nossa vida não depende da nossa própria vontade, mas da nossa fé. Nós, os servos de Deus, assim como todos os irmãos, devemos viver pela fé – a fé daqueles que na prática sabem o que Deus tem feito por eles porquanto vivem para o Senhor. Se nós vivermos para nós mesmos, nossa fé não pode crescer. Quando vivemos para o Senhor, nossa fé no Senhor aos poucos vai crescendo. Meus amados irmãos em Cristo, vocês sabem que as bênçãos do Senhor são como um galardão para aqueles que vivem pela fé? Galardão é algo dado como resultado de algo que é merecido e esperado.

Deus dá muitos galardões além da Sua salvação. Nós vivemos porque Deus dá muitas bênçãos como galardões. Se Ele não desse galardões, mas somente o que desejamos, nós não poderíamos viver então. Se nós apenas recebêssemos pelo que trabalhamos, todos os preguiçosos não morreriam? Deus dá muitas coisas como galardões, e isso são suas bênçãos. E nós vivemos com Deus que nos dá Sua graça. Portanto, nós vivemos pela fé em Deus, que nos salvou.

Meus amados irmãos em Cristo, se cremos em Deus, então, Deus opera em nós. Creia em Deus. Creia em Deus mesmo que seja difícil. A promessa de Deus é que Ele nos ouvirá se crermos nEle. “Buscai primeiro e seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” Experimente como Deus acrescenta “todas estas coisas” durante sua vida. Eu quero dizer que você deve experimentar como Deus supre, como ele provê. Mas como você pode experimentar tudo isso se você não vive pela fé?

Meus amados irmãos em Cristo, vivam pela fé: “eu creio em Ti, Deus! Creio que Tu irás me vestir, me alimentar, e que eu não viverei com meu corpo nu, que Tu me vestirás e não me deixarás viver para ser envergonhado. E eu creio que Tu irás me alimentar. Eu creio que Tu permitirás que eu viva minha vida.”

Creia assim. Se você crer, Deus terá que dar a você. Nosso Deus por acaso não pode fazer isso? Ele é um Deus que não pode alimentar? Deus é um Deus poderoso suficiente para fazer tudo isso. Por essa razão, devemos nos livrar das nossas próprias habilidades, e crer e confiar no Deus onipotente. Creia na Palavra. Confie. Fé é confiar na Palavra. Meus amados irmãos em Cristo, vocês entenderam?



Você Ainda se Preocupa com sua Vida no Futuro?

Você ainda se preocupa com sua vida no futuro? Eu também tinha muitas preocupações especialmente quando eu era um veterano, isto é, quando eu estava para me formar. Quando eu era um calouro, eu fui para a faculdade despreocupado. Eu não tinha nada com que me preocupar. “Ei, vamos comer algumas panquecas.” Eu estava despreocupado, mas quando eu passei para o segundo semestre no meu segundo ano, eu comecei a ficar preocupado. ‘Eu logo vou me formar. Ah, o que eu vou fazer então? Ah... eu vou mesmo ter problemas.’ Quando eu comecei a pensar naquilo, de fato aquilo se tornou um grande problema. Eu cheguei até a perder o apetite.

Na verdade, não somente alunos, mas todos nós não temos como não nos preocupar ‘como eu vou viver’ e ‘como eu vou comer’, mesmo depois de termos sido salvos. Contudo, é um novo começo para aqueles que nasceram de novo. Se você nasceu de novo, saiba que o que nós fizemos no passado, que tipo de emprego tivemos, e como vivemos não importa mais. Porém você vivia de qualquer maneira no passado, mas agora que você nasceu de novo, você deve começar de novo. Nós estamos começando um novo ano. Uma nova era!

Em Êxodo 12 está escrito: “Este mês será para vós o primeiro mês, o primeiro mês do ano” (Êxodo 12:2). Deus deu um novo calendário aos Israelitas em comemoração ao seu êxodo do Egito, que os libertou da escravidão. O Êxodo foi o novo começo na história dos Israelitas. Eles atravessaram o Mar Vermelho, o mar da morte, e deram seus primeiros passos em direção à Terra Prometida. Eles não eram mais o povo de faraó, ao contrário, se tornaram o povo de Deus.

Dessa forma, desde o momento que nascemos de novo, nós nos tornamos novas criaturas. É por isso que nós devemos começar uma vida totalmente diferente. E não uma extensão da nossa vida anterior. Nós somos agora pessoas que morreram com Cristo e ressuscitaram com Ele e agora têm uma vida nova. Como está escrito: “De sorte que fomos sepultados com ele pelo batismo na morte, para que, como Cristo ressurgiu dentre os mortos, pela glória do Pai, assim andemos nós também em novidade de vida” (Romanos 6:4).

“Portanto, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram, tudo se fez novo” (2 Coríntios 5:17). Tudo se fez novo para os nascidos de novo. Nós estudamos com coisas novas, vamos trabalhar com coisas novas, servimos ao Senhor com coisas novas, e vivemos com coisas novas. Vamos viver coisas novas daqui para frente. De certo modo, a vida daquele que nasceu de novo pode parecer simplesmente uma extensão da sua vida anterior, mas na verdade, quando Deus olha para nós, Ele vê um modo de vida totalmente diferente, e o começo de uma vida nova. Tudo é novo.

Nós nos tornamos novas criaturas a partir do momento que cremos no evangelho da água e do Espírito, e somos libertos de todos os nossos pecados. Você e eu somos agora novas criaturas. Agora, as coisas velhas já passaram. Todas as suas fraquezas, seus medos, e seu modo de vida que costumava confiar somente nas coisas humanas acabaram. Agora você se tornou uma nova criatura. Agora vivemos pela fé.

Amados irmãos em Cristo! Nós viveremos pela fé como neste versículo: “mas o justo viverá da fé.” Primeiro é a fé, segundo é a fé! Terceiro e quarto também é a fé. Quando caímos, devemos viver pela fé, e quando nos cansamos na caminhada, devemos viver pela fé – qualquer que seja a situação em que nós estivermos – devemos viver pela fé. Isso é o que significa fé. A fé nos fez viver. A fé nos faz viver. Esta é a resposta correta. É por isso que a Bíblia nos deixa essa mensagem hoje neste versículo: “Portanto, não andeis ansiosos, dizendo: que comeremos? Que beberemos? Ou: com que nos vestiremos? Basta a cada dia o seu próprio mal.” Isto não significa não se preocupar com o futuro. Por quê? Porque isso está nas mãos do Senhor. É por isso que o Senhor nos disse para não nos preocuparmos com as coisas no futuro. E o que nós conseguiríamos nos preocupando como futuro?

O Senhor nos diz: “Portanto, não andeis ansiosos pelo dia de amanhã, pois o amanhã se preocupará consigo mesmo. Basta a cada dia o seu próprio mal.” Nós devemos viver o hoje e o amanhã pela fé. Nós desafiamos o futuro pela fé em Deus. Nós pedimos a Deus com fé: “Deus! Faça isso por mim. Faça aquilo por mim!” Oração é o desafio da fé que crê em Deus e crê que Ele fará isso por nós. Isso é tudo que podemos fazer, e nossa própria vontade e promessas sobre o que faremos no futuro são inúteis. Nós não podemos garantir nosso futuro ou nada para nós mesmos. Nada é certo. É por isso que Deus, o Senhor dos Exércitos, nos deu a Bíblia como lição para hoje, para que não nos preocupemos com o que comer, beber ou vestir.

Amados irmãos em Cristo, nós não devemos nos preocupar com nossa vida, ou como cuidaremos do nosso corpo. Não vamos nos preocupar. “E qual de vós poderá, com todos os seus cuidados, acrescentar um côvado à sua estatura?” Essa é a minha altura, mas será que eu ficaria um centímetro mais alto se eu me preocupasse? Adiantaria se nos preocupássemos dia e noite assim: ‘é isso que eu quero ser!’? Nada funciona se nós nos preocuparmos. Nós conseguimos mais pão, ou ganhamos mais dinheiro?

Nós não deveríamos ficar ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e pela súplica fazer conhecidas nossas petições diante de Deus. Ore fervorosamente e peça a Deus com fé. É isso que nós temos que fazer. Crer e orar é o que nós temos que fazer. Se você está preocupado, peça ajuda a Deus. Confie em Deus. Irmãos em Cristo, vivam suas vidas crendo em Deus. Vocês entenderam? –Sim.– Nós viveremos se crermos, mas nós morreremos se não crermos.

Amados irmãos em Cristo, se vocês não crerem em Deus, vocês morrerão. Se vocês confiarem em todos os bens que possuem, isso se acabará. Assim como a vagem se abre e todos os grãos se perdem, o mesmo acontece com seus bens. Quantos grãos uma vagem tem? Ela tem cem graõs? Não, apenas quatro ou cinco grãos. Amados irmãos em Cristo, vamos meditar sobre isso. Você pode viver sua vida inteira somente com o que você possui, tal como, sua força, sua habilidade, sua saúde e sua riqueza? O que eu quero dizer é que você deveria levar em consideração se você pode eu não cuidar de todas as responsabilidades humanas junto aos seus filhos, aos seus pais. Amados irmãos em Cristo, vocês conseguem levar isso em consideração? Não importa quantas riquezas temos, se houver somente isso na nossa vida, não poderemos viver. Então o que nós precisamos? Precisamos ter fé em Deus e na Sua Palavra.

Só existe uma coisa que eu realmente quero alertar vocês. É para que vocês creiam somente em Deus. Mesmo que vocês não possam ver a Deus com seus olhos, e ter fé nEle pareça tão ilógico, vocês devem crer nEle. Apenas creiam nEle. Só isso.

A Bíblia afirma: “Ora, a fé é a certeza das coisas que se esperam, e a prova das coisas que não se vêem. Foi por ela que os antigos alcançaram bom testemunho.” (Hebreus 11:1-2). Mesmo que não haja nenhuma evidência aos nossos olhos, e algo palpável para segurarmos com nossas mãos, nós devemos pedir tudo a Deus com fé: “Deus, dai-me, Eu creio! Tome conta de tudo por mim – alimento, vestimenta, e os problemas pessoais da minha vida. Ajuda-me a ter uma vida plena.” Se você crer nEle e orar pela Sua ajuda, Ele responderá. Todavia, se você não crer, e viver confiando na sua própria força, e nas suas perspectivas, você então morrerá. Você perderá até o mínimo que você tiver e vai se tornar um mendigo.

O versículo “O justo viverá da fé” significa que a única maneira pela qual o justo pode viver é pela fé. “O justo viverá da fé” (Romanos 1:17, Hebreus 10:38). Amados irmãos em Cristo, não existe nada além da fé que crê em Deus. Amados irmãos em Cristo, vocês crêem nisso? A fé não é algo que pertence aos outros. Você não adquiri fé para dar à outra pessoa. A fé é sua.

Nós só podemos viver crendo em Deus e na Palavra de Deus. Isso funciona de acordo com nossa própria fé em Deus e na Sua Palavra. É mais importante crer na Palavra de Deus, orar com fé em Deus, e viver fazendo Sua vontade do que se preocupar com tudo.

 

Voltar para a Lista

 


Versão para impressão   |  

 
Bible studies
    Sermões
    A declaração de fé
    O que é o evangelho?
    Termos Bíblicos
    FAQ para a Fé Cristã

Bookmark
   
Copyright © 2001 - 2014 The New Life Mission. ALL RIGHTS reserved.