The New Life Mission

Sermões

Assunto 3: Evangelho da Água e do Espírito

[3-8] (Mateus 3:13-17) O Batismo de Jesus é o Processo Indispensável para a Redenção

( Mateus 3:13-17 )
“Por esse tempo, dirigiu-se Jesus da Galileia para o Jordão, a fim de que João o batizasse. Ele, porém, o dissuadia, dizendo: Eu é que preciso ser batizado por ti, e tu vens a mim? Mas Jesus lhe respondeu: Deixa por enquanto, porque, assim, nos convém cumprir toda a justiça. Então, ele o admitiu. Batizado Jesus, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba, vindo sobre ele. E eis uma voz dos céus, que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo...”. 
 

O Batismo de João Batista

O que é arrependimento?
É largar a vida pecaminosa e crer 
em Jesus para ser santificado.
 
Muitas pessoas não sabem por que Jesus veio a este mundo e foi batizado por João Batista. Portanto, vamos falar sobre o propósito do batismo de Jesus e sobre João Batista, que batizou Jesus.
Primeiro, nós devemos pensar sobre o que levou João Batista a batizar as pessoas no Rio Jordão. Está explicado em Mateus 3:1-12 que João Batista batizava as pessoas para trazê-las de volta para Deus pela confissão de seus pecados.
“Eu vos batizo com água, para arrependimento” (verso 11) e “Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas”. (verso 3). João Batista, vestido em pele de carneiro e carregando um cinto de couro, clamava no deserto, pregando o batismo do arrependimento pelo perdão dos pecados.
Ele clamava para as pessoas, “Arrependam-se, o Salvador da humanidade está vindo; preparem caminho para Ele, tornem o Seu caminho da salvação reto. Parem de adorar os deuses dos Gentios e recebam o Senhor em seus corações”.
Retornar do quê? Da adoração de ídolos e outras obras más da vida pecaminosa. Então o que nós temos que fazer? Nós temos que ser batizados em Jesus para sermos santificados. João Batista clamava no deserto, “Sejam batizados por mim. Sejam lavados dos seus pecados. O Salvador, o seu Messias, está vindo a este mundo. Ele levará todos os seus pecados como o cordeiro sacrificial do Antigo Testamento e irá lavar todos os seus pecados”.
No Antigo Testamento, os pecados diários eram transferidos para os holocaustos por meio da imposição de mãos. Os pecados anuais de toda Israel também eram passados para um bode pelo Sumo Sacerdote no Dia da Expiação, que ocorria no décimo dia do sétimo mês todos os anos. (Levítico 16:29-31). 
Da mesma forma, os pecados da humanidade tinham que ser passados para Jesus por meio do Seu batismo de uma vez por todas, para que eles pudessem ser destruídos por Ele. Então João pedia para as pessoas retornarem para Jesus e serem batizados por Ele.
A importância primária do batismo realizado por João Batista foi o arrependimento, que trouxe o povo de Israel de volta para Jesus que estava por vir mais tarde. Arrependimento significa retornar da vida pecaminosa e crer no Messias a fim de ter os seus pecados perdoados.
O povo de Israel podia ser redimido pela esperança no Messias que viria para lavar os seus pecados. Da mesma forma, nós somos redimidos crendo em Jesus, que desceu do Céu há 2000 anos e lavou todos os pecados do mundo. Mas os Israelitas no Antigo Testamento abandonaram a Lei de Deus, ofereceram os sacrifícios errados e esqueceram-se do Messias.
Porque João Batista precisava lembrá-los da Lei de Deus e do Messias que viria, ele começou batizando as pessoas e batizando Jesus no Rio Jordão.
Muitas pessoas vieram a João e foram batizadas, se arrependendo por adorarem ídolos e abandonarem a Lei de Deus. Existem três elementos indispensáveis no sacrifício legítimo – um animal vivo, a imposição de mãos e o seu sangue. Todas as pessoas do mundo são salvas ao crerem em Jesus.
Quando os Fariseus e Saduceus vieram para ser batizados, João clamou para eles, “Raça de víboras, quem vos induziu a fugir da ira vindoura? Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento; e não comeceis a dizer entre vós mesmos: Temos por pai a Abraão”. (Mateus 3:7-9).
Estes Fariseus e Saduceus, grupos de políticos e adoradores de ídolos, pensavam que eles eram povo de Deus apesar de não crerem na Palavra de Deus. Eles acreditavam em outros deuses e em seus próprios pensamentos.
Quando eles vieram até João Batista para serem batizados, ele falou para eles, “Vocês não deveriam oferecer sacrifícios errados, mas retornar do pecado e verdadeiramente crer que o Messias virá para lavar os seus pecados. Vocês devem crer nisso em seus corações”. 
Se arrepender é retornar do caminho errado. O verdadeiro arrependimento é retornar do pecado e das falsas crenças e voltar para Jesus. É crer na redenção do Seu batismo e Seu julgamento na Cruz.
Portanto, João Batista clamou ao povo de Israel, que tinha abandonado a Lei de Deus e o sistema sacrificial, a fim de convencê-los a retornar a Deus. Foi o papel de João Batista trazer as pessoas de volta para Jesus para que eles pudessem crer Nele e serem salvos de todos os seus pecados.
 

Você Crê na Redenção Por Meio do Batismo de Jesus?

O que todos os homens devem 
fazer diante de Jesus?
Eles precisam crer Nele para serem salvos 
de todos os seus pecados.
 
A primeira coisa que Jesus fez em Seu ministério público foi ser batizado por João Batista. Todos os pecados do mundo foram passados para Ele dessa forma.
Portanto, o batismo de Jesus foi o início da salvação de Deus para a humanidade, bem como o justo ato de Jesus que lavou todos os pecados do mundo. Deus redime todos aqueles que creem na verdade que Jesus levou todos os pecados do mundo por meio do Seu batismo.
Quando Jesus veio a este mundo e foi batizado por João Batista, o evangelho do Reino do Céu começou. Os Céus foram abertos com o Seu batismo e como descrito em Mateus 3:15, foi exatamente como o sacrifício da expiação descrito em Levítico 1:1-5, 4:27-31 no Antigo Testamento.
Tudo no Antigo Testamento tem uma correspondência no Novo Testamento e vice versa. “Buscai no livro do SENHOR e lede: Nenhuma destas criaturas falhará, nem uma nem outra faltará; porque a boca do SENHOR o ordenou, e o seu Espírito mesmo as ajuntará”. (Isaías 34:16).
 

Tanto o Antigo quanto o Novo Testamento Fala Sobre a Expiação de Todos os Pecados dos Homens

Nós temos que nos 
arrepender de nossos pecados 
todos os dias?
Não. O verdadeiro arrependimento é admitir 
todos os pecados e voltar a mente 
para o batismo de Jesus, a fim 
de obter a redenção.
 
No Antigo Testamento o pecado diário era passado para um holocausto pela imposição de mãos. A oferta seria então sacrificada e seria julgada no lugar no pecador. E os pecados acumulados do ano inteiro também eram passados para a oferta pelo pecado por meio da imposição de mãos, para que todo o povo pudesse ser perdoado por seus pecados anuais.
No Novo Testamento, da mesma forma, Jesus Cristo veio e foi batizado no Rio Jordão para levar todos os pecados da humanidade. Portanto, a Palavra de Deus profetizada no Antigo Testamento foi cumprida.
João Batista, que batizou Jesus, foi um servo de Deus que foi enviado 6 meses antes de Jesus. Ele testemunhou que Jesus levou todos os pecados do mundo, dizendo em João 1:29: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!”.
João Batista passou os pecados da humanidade para Jesus por meio do batismo no Rio Jordão. Dessa forma, o Senhor expiou os pecados de toda a humanidade. Tudo o que temos que fazer agora é crer.
Todos os pecados do mundo foram passados para Jesus. Os discípulos de Jesus disseram em Atos 3:19: “Arrependei-vos, pois, e convertei-vos para serem cancelados os vossos pecados, a fim de que, da presença do Senhor, venham tempos de refrigério”.
Eles estavam nos fazendo entender porque João Batista batizou Jesus, porque ele disse para o povo segui-lo. Ele disse, “Arrependam-se e se convertam. Creiam na redenção do batismo de Jesus. Sejam lavados dos seus pecados”.
O Messias veio e lavou os nossos pecados de uma vez por todas pelo Seu batismo. Todos os pecados do mundo foram passados para Jesus dessa forma. Portanto, a Aliança de Deus foi cumprida com o batismo de Jesus, como está gravado em Mateus 3:13-17.
“Por esse tempo, dirigiu-se Jesus da Galileia para o Jordão, a fim de que João o batizasse. Ele, porém, o dissuadia, dizendo: Eu é que preciso ser batizado por ti, e tu vens a mim? Mas Jesus lhe respondeu: Deixa por enquanto, porque, assim, nos convém cumprir toda a justiça. Então, ele o admitiu. Batizado Jesus, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba, vindo sobre ele. E eis uma voz dos céus, que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo”.
Para cumprir a salvação de Deus, Jesus veio até João para ser batizado. João Batista era um servo de Deus especial. Lucas capítulo 1 fala que João era um descendente de Arão, o primeiro Sumo Sacerdote. Deus escolheu João, um descendente de Arão, porque Ele queria um representante da humanidade para cumprir toda justiça.
Então, Deus fez João nascer na casa do Sumo Sacerdote 6 meses antes do nascimento de Jesus. João Batista preparou o caminho para Jesus clamando no deserto, “Arrependei-vos, raça de víboras! Arrependei-vos e convertei-vos. O Messias virá. Convertam-se a Ele, ou Ele irá te extirpar e enviá-lo ao inferno. Creia em Seu batismo e Seu sangue na Cruz. Arrependei-vos e sejam batizados, então vocês serão redimidos”.
O evangelho da redenção está descrito claramente em Atos 3:19. Quando João Batista falou sobre os pecados da humanidade muitos se converteram.
Porque João passou os pecados do mundo para Jesus, todos os pecados da humanidade foram destruídos de uma só vez. Porque João batista testificou que Jesus levou todos os nossos pecados, nós sabemos que podemos ser salvos por intermédio da crença no evangelho da redenção, o evangelho da água e do sangue.
 

A Razão Pela Qual João Batista Teve que Vir Antes de Jesus

Quais são os significados 
de “porque, assim...”?
① mais apropriado
② mais correto
③ necessariamente dessa forma
(não há outra forma)
 
Aqueles cujos pecados foram lavados pela crença em Jesus, o Salvador, podem confirmar a sua salvação por intermédio do testemunho de Mateus do evangelho do batismo de Jesus. Em Mateus 3:13-14, Jesus veio até João e disse: “Me batize”. E João respondeu, “Eu é que preciso ser batizado por Você, e você vem até mim?”.
Foi João Batista que batizou Jesus, reconhecendo quem Ele era. João era um servo de Deus que foi enviado para passar todos os pecados da humanidade para Jesus. Porque Jesus veio como o Salvador para cumprir a profecia do Antigo Testamento, Ele mandou João Batista batizá-lo a fim de levar todos os pecados do mundo sobre Sua cabeça.
Por quê? Porque Jesus é o Filho do Deus Todo-Poderoso, o Criador, e o Salvador. Ele veio até nós para lavar todos os nossos pecados. Então, a fim de salvar todas as pessoas, Ele foi batizado.
“Porque, assim”. Jesus foi batizado por João Batista e lavou todos os nossos pecados. Ele foi julgado em nosso lugar na Cruz. O batismo de Jesus foi o testemunho da nossa salvação. Como Deus tinha prometido no Antigo Testamento que todos os pecados seriam passados para o Cordeiro sacrificial, o Filho de Deus se tornou o Cordeiro e levou sobre Si todos os pecados.
Então as imposições de mãos no Antigo e Novo Testamento são para passar os pecados, e a salvação e a vida eterna é dada para aqueles que creem no evangelho da água e do Espírito.
 

O Batismo de Jesus Lavou Todos os Nossos Pecados
 
Como nós podemos imitar a Cristo?
Sendo batizados em Cristo.
 
Quando Jesus quis ser batizado, João Batista tentou evitar dizendo: “Eu é que preciso ser batizado por ti, e tu vens a mim?”.
Mas Jesus respondeu dizendo: “Deixa por enquanto, porque, assim, nos convém cumprir toda a justiça”. Deixa por enquanto. Deixa. Ele disse para João, “você deve passar todos os pecados do povo para Mim, para que eu possa trazer comigo todos aqueles que crerem no evangelho da água da redenção. Eu então serei julgado por todos os seus pecados para que aquele que crer no Meu batismo seja redimido de todos os seus pecados. Passe para mim os pecados do mundo por meio do batismo para que todo aquele que vier seja redimido de seus pecados de uma vez por todas. Assim, deixa por enquanto”.
Jesus foi batizado por João Batista e o batismo de Jesus foi de acordo com a justa lei da redenção de Deus. Porque todos os pecados foram passados para Jesus quando Ele foi batizado, nós podemos ser redimidos de uma vez só quando nós cremos em Jesus e somos batizados. Porque Ele levou todos os nossos pecados por meio da imposição de mãos, morreu na Cruz em nosso lugar e agora está assentado à destra de Deus, nós podemos ser salvos pela crença na redenção da água e do Espírito.
Ele é Jesus, que nos salvou de todos os pecados do mundo. Nós podemos ser salvos crendo que Jesus levou todos os nossos pecados e pagou o salário dos nossos pecados na Cruz. O batismo de Jesus foi o início do evangelho da redenção.
O batismo da redenção é mencionado frequentemente na Bíblia e o Apóstolo Paulo também fala em Gálatas que ele foi crucificado com Cristo porque ele foi batizado em Cristo e imitou a Cristo. O Apóstolo Paulo fala sobre a sua fé na redenção por meio do batismo de Jesus e Sua morte na Cruz.
 

“Deixa por Enquanto”

Qual foi o papel de João Batista?
Seu papel foi de passar os pecados do mundo 
para Jesus como Sumo Sacerdote 
de toda a humanidade.
 
Jesus disse: “porque, assim, nos convém cumprir toda a justiça”. Toda justiça significa destruir todos os pecados por meio do Seu batismo e fazer todos os homens sem pecado em seus corações. “Então, ele o admitiu”. Jesus foi batizado no Rio Jordão.
Assim como o Sumo Sacerdote colocava suas mãos sobre a cabeça do bode, João Batista colocou as mãos sobre a cabeça de Jesus e passou todos os pecados do mundo para Ele. João Batista foi o Sumo Sacerdote cuja tarefa foi passar todos os pecados do mundo para Jesus como representante da humanidade. “Deus, eu passo todos os pecados do mundo para o Seu Cordeiro, Jesus”. Portanto, todos os pecados da humanidade foram passados para Jesus.
João Batista colocou suas mãos sobre a cabeça de Jesus, o afundou na água, e retirou suas mãos quando Jesus saiu das águas. O batismo de Jesus visava à salvação dos justos. Portanto, Jesus salvou toda a humanidade que crê no Seu batismo.
 

Os Céus Foram Abertos e Uma Voz Veio dos Céus
 
A partir de quando o Reino 
do Céu foi aberto?
A partir dos dias de João 
Batista. (Mateus 11:12).
 
“Batizado Jesus, saiu logo da água, e eis que se lhe abriram os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba, vindo sobre ele. E eis uma voz dos céus, que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo”. (Mateus 3:16-17).
Quando Jesus levou todos os pecados do mundo com o Seu batismo, os Céus foram abertos para Ele. Portanto, a Aliança de Deus que foi feita há milhares de anos foi cumprida por meio do batismo de Jesus no Rio Jordão.
Assim, Jesus, como o Cordeiro de Deus, salvou todas as pessoas do mundo de seus pecados. Todos os pecados do mundo foram passados para Jesus e Ele cumpriu a vontade de Deus.
Está testificado em João 1:29: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”. Porque todos os pecados foram passados para Jesus, o Cordeiro de Deus, Ele andou em direção à Cruz na Gólgota após três anos, com aquela carga nos ombros. Após levar todos os pecados com o Seu batismo, todos os lugares em que Ele ia, falava que aqueles que o recebessem pela fé teriam os seus pecados perdoados.
Em João 8:11, Ele disse para a mulher que foi pega em adultério, “Nem eu tampouco te condeno”. Ele não poderia condená-la porque quem seria julgado era o próprio Jesus, que estava levando todos os pecados do mundo. Portanto, Ele falou para todas as pessoas que Ele era o Salvador dos pecadores.
Porque Ele, o Filho de Deus, levou todos os nossos pecados, todo crente no mundo poder se tornar santo. Os Céus foram abertos quando Ele foi batizado. Os portões do Reino do Céu foram abertos, e quem crer no batismo de Jesus pode entrar livremente.
 

Jesus Foi Crucificado Após Levar Todos os Pecados do Mundo Por Meio do Seu Batismo
 
Como Jesus esmagou a 
cabeça de Satanás?
Ressuscitando da morte após 
aceitar o julgamento por todos 
os nossos pecados.
 
Porque todos os pecados foram passados para Sua cabeça, Jesus tinha que ser julgado na Cruz. Ele ficou profundamente amargurado e perturbado quando Ele pensou na agonia que Ele sofreria na Cruz. Ele orou até o seu suor se tornar em gotas de sangue. Quando ele foi com os seus discípulos até um lugar chamado Getsêmani, Ele clamou: “...Meu Pai, se possível, passe de mim este cálice!”. (Mateus 26:39). “Eu fui batizado e tomei todos os pecados do mundo, mas não me deixe morrer por isso”. Mas Deus não respondeu.
No dia da Expiação no Antigo Testamento, a oferta pelo pecado tinha que ser imolada para que o seu sangue pudesse ser derramado no propiciatório pelo Sumo Sacerdote. Da mesma forma, Jesus tinha que ser crucificado e Deus decidiu que ele não poderia fazer isso de outra forma.
O altar é o julgamento de Deus e o sangue da oferta pelo pecado é vida. Derramar o sangue sete vezes diante do propiciatório significa que todo o julgamento foi passado. (Levítico 16:1-22).
Jesus orou a Deus para que ele passasse o cálice Dele. Mas o Seu Pai não permitiu, e Jesus finalmente disse: “... Todavia, não seja como eu quero, e sim como tu queres”. (Mateus 26:39). Ele orou para que Deus fizesse como Ele queria. Ele terminou orando e seguindo a vontade do Seu Pai.
Jesus desistiu da Sua própria vontade e obedeceu ao Seu Pai. Por quê? Porque se Ele não tivesse sido julgado após receber todos os pecados do mundo, a salvação não estaria completa. Ele foi crucificado porque Ele levou todos os pecados da humanidade por meio do Seu batismo. “Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor”. (Romanos 6:23).
Deus cumpriu a Aliança que dizia que Ele enviaria o Salvador e salvaria toda a humanidade por meio da imposição de mãos, do batismo de Jesus. Jesus obedeceu à vontade de Deus e aceitou o julgamento por nós.
Também foi o cumprimento da profecia de Gênesis 3:15: “Porei inimizade entre ti e a mulher, entre a tua descendência e o seu descendente. Este te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar”. Deus prometeu a Adão que enviaria o Messias, a semente de Eva, e Ele venceria o poder de Satanás que fez o homem pecar e ir para o inferno.
Quando nós conhecemos e cremos no batismo de Jesus e na Sua morte na Cruz, todos os nossos pecados são lavados e nós somos salvos do julgamento.
Nós temos que ter a firme crença em nossos corações em relação ao batismo de Jesus e Seu sangue na Cruz. Creia em seu coração, e então você será salvo.
 

O Batismo de Jesus é o Início do Evangelho Celestial

Qual foi o último 
mandamento do Senhor antes 
de subir ao Céu?
Ele mandou Seus discípulos fazerem 
discípulos em todas as nações, 
batizando-os em nome do Pai, do 
Filho e do Espírito Santo.
 
O batismo de Jesus foi o início do evangelho, e Ele salvou todos os pecadores com o Seu batismo e sangue. Em Mateus 28:19 está escrito: “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo”. Jesus falou para os seus discípulos testificarem que o Pai, o Filho e o Espírito Santo tinham salvado toda a humanidade de seus pecados e lavou a todos eles por meio do Seu batismo e sangue.
Jesus deu a eles o poder de fazer discípulos em todas as nações, para ensiná-los sobre o batismo de Jesus, o batismo da redenção, o batismo que lava todos os pecados do mundo.
Há 2000 anos, Jesus veio a esta Terra em carne e foi batizado por João Batista. Com o batismo de Jesus, todos os pecados do mundo, incluindo todos os nossos pecados, foram transferidos para Ele.
Quantos pecados foram passados para Jesus? E os pecados de amanhã? Ele nos diz que mesmo os pecados de amanhã foram passados para Ele. Os pecados de nossos filhos, aqueles de todas as gerações, passadas, presentes ou futuras, mesmo os de Adão, foram passados para Jesus.
Como pode não haver pecado? Como nós podemos estar sem pecado? Porque Jesus levou todos os pecados do mundo com o Seu batismo para que todos os crentes pudessem ser libertos do pecado e ganharem acesso ao Reino do Céu.
“Quem pratica a verdade aproxima-se da luz, a fim de que as suas obras sejam manifestas, porque feitas em Deus”. (João 3:21).
Jesus lavou todos os pecados com o Seu batismo, Seu sangue na Cruz, Sua morte, e Sua ressurreição. Portanto, crer no Seu batismo e morte na Cruz é ser salvo de todo o pecado. Esta é a fé da redenção.
Quando nós cremos no batismo e no sangue de Cristo, nós somos salvos. Quando nós cremos em Jesus corretamente, nós somos justos ou pecadores? Nós somos justos. Nós somos seres sem pecado mesmo sendo tão incompletos? Sim, nós não temos pecado. Crer no batismo de Jesus e no julgamento na Cruz é ter a fé completa e apropriada.
 

Batizar e Ser Batizado em Nome de Jesus

Como Jesus esmagou a 
cabeça de Satanás?
Ressuscitando da morte após 
aceitar o julgamento por todos 
os nossos pecados.
 
Porque o homem é um ser incompleto os ministros batizam aqueles que creem no batismo de Jesus e no Seu sangue, para fazê-los confirmar a sua fé. O nascido de novo confirma a sua salvação sendo batizado da mesma foram que o batismo de Jesus, como uma prova de fé.
Primeiro o pastor ora, com a sua mão sobre a cabeça da pessoa nascida de novo, pedindo a bênção de Deus para que esta pessoa o adore até o fim de seus dias. Então ele a batiza no nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.
Nós somos batizados com base na nossa fé no batismo e no sangue de Jesus. Este batismo é para mostrar que todo pecado foi passado para Jesus, que a pessoa batizada morreu com Jesus e ressuscitou com Ele.
Ser batizado é proclamar a fé na transferência dos pecados para Jesus por meio do Seu batismo, é ser julgado pelos pecados juntamente com Jesus, e ressuscitar com Ele. É proclamar a fé diante do Pai, do Filho e do Espírito Santo, de Satanás e dos irmãos e irmãs. É confessar que nasceu de novo da água e do Espírito.
Aquele que crê em Jesus, conhecendo o verdadeiro significado do batismo de Jesus e Seu sangue na Cruz, é salvo de todos os pecados do mundo. Portanto, eles são batizados no nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.
“As coisas antigas já passaram; eis que se fizeram novas”. (2 Coríntios 5:17). As coisas velhas já passaram e nós nascemos de novo como pessoas de fé. Para confirmarmos isso em nossos corações, nós somos batizados. Nós somos batizados em Jesus crendo em Seu batismo.
 

A Vida Após o Novo Nascimento no Batismo de Jesus e no Seu Sangue na Cruz

Para que os nascidos 
de novo vivem?
Eles vivem para o Reino do Céu e Sua 
justiça, pregando o evangelho 
por todo o mundo.
 
A vida após ser redimido e nascer de novo deve envolver a fé na Palavra de Deus. Não deve ser uma vida emocional em que a pessoa precisa se arrepender todos os dias dos seus pecados. Pelo contrário, deve ser uma vida fiel na qual nós estamos certos de que Jesus levou todos os nossos pecados com o Seu batismo.
Todos os nossos pecados foram passados para Jesus quando Ele foi batizado. Ele então viveu por três anos com esta carga até que Ele aceitou o julgamento por todos os nossos pecados e foi crucificado.
Portanto, nós crentes devemos ter fé na Palavra escrita, não em meras emoções. Se nós falharmos neste aspecto, nós só iremos parar de lamentar os nossos pecados diários depois que formos redimidos e nascermos de novo.
Nós temos que descartar a visão subjetiva do pecado e crer apenas no evangelho da água e do sangue. Esta é a vida que uma pessoa redimida deve levar.
O que João Batista fala sobre Jesus? Ele disse, “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”. (João 1:29). Ele testificou que Jesus levou os pecados de hoje, amanhã, e de ontem.
Ele não levou todos aqueles pecados? Todos aqueles pecados não foram levados por Jesus? O pecado do mundo inclui todos os nossos pecados do passado, presente e futuro. Nós temos que confirmar o evangelho da redenção por meio do batismo de Jesus.
Quem crer na verdade do batismo de Jesus e no Seu sangue será salvo. Quem crê no batismo de Jesus não tem pecado em seu coração.
Todavia, muitas pessoas pensam que ainda têm pecado em seu coração porque não percebem que todos os seus pecados já foram passados para Jesus por meio do Seu batismo. Elas são enganadas por Satanás. Satanás sussurra para elas através de seus pensamentos carnais. “Você peca todos os dias. Como pode você não ter pecado?”.
Eles só precisam crer em Jesus para serem pessoas sem pecado. Mas Satanás engana as pessoas para que elas pensem que são pecadoras porque ainda pecam. Ninguém tem pecado se crer no batismo de Jesus e no Seu sangue na Cruz.
Porque nós vivemos no mundo como seres fracos e insuficientes, nós nunca podemos dizer que nós nos tornamos justos por intermédio das obras. Mas nós podemos dizer pela fé que nós somos salvos pela verdade do batismo de Jesus e Seu sangue na Cruz. Uma vez entendendo que pela crença no batismo e no sangue de Jesus nossos corações são santificados, nós sabemos com certeza que não temos mais pecados.
“♬Eu fui redimido. Você foi redimido. Todos nós fomos redimidos.♬”. É um sentimento muito feliz e maravilhoso viver com o desejo de pregar o evangelho e saber que nós somos guiados pelo Espírito.
É claro que nós crentes pecamos todos os dias, mas nós não temos pecado. Nós temos o batismo de Jesus e o Seu sangue na Cruz em nossos corações. Nossos corações costumavam ser cheios de pecado, mas agora que nós cremos no batismo de Jesus, nós não podemos mais permanecer cheios de pecado.
“Esta é a aliança que farei com eles, depois daqueles dias, diz o Senhor: Porei no seu coração as minhas leis e sobre a sua mente as inscreverei”. (Hebreus 10:16).
Nossos corações são livres do pecado. Jesus tornou possível a nossa redenção completa com o Seu batismo e morte na Cruz. A salvação do pecado está ligada à crença na Palavra de Deus.
 
 
Quem Crê no Batismo de Jesus e no Seu Sangue Nunca Mais se Torna um Pecador

Nós nos tornamos pecadores de 
novo quando pecamos?
Não, nós nunca mais nos 
tornamos pecadores.
 
Quando nós não cremos no batismo e no sangue de Jesus, não importa a frequência com que oramos pedindo perdão, pois há pecado em nosso coração. Mas quando nós cremos no verdadeiro evangelho, todos os nossos pecados são lavados.
“Ei, por que você está tão feliz e radiante atualmente?”.
“Eu não tenho mais pecado em meu coração”.
“Verdade? Então eu imagino que você pode pecar o quanto quiser agora?”.
“Bom, o homem não pode evitar o pecado. É o que homem é. Mas Jesus levou todos os pecados com o Seu batismo e aceitou o julgamento por eles na Cruz. Por essa razão eu agora dedico minha vida para servir ao evangelho na Igreja. Romanos capítulo 6 diz que todos nós devemos viver dessa forma. Como eu não tenho mais pecados em meu coração, eu quero fazer as coisas certas. Nós temos que crer no batismo de Jesus e no Seu sangue na Cruz e pregar o evangelho por todo o mundo! Quando nós cremos em Jesus, nosso Mestre da redenção, nós não podemos mais ser pecadores de novo. Nós temos que crer na salvação eterna do batismo de Jesus e do Seu sangue na Cruz. Eu estou muito agradecido!”.
 

Quem Recebe o Espírito?

O que João Batista 
testificou sobre Jesus?
Ele testificou que Jesus era o Cordeiro de Deus 
que tirou os pecados do mundo, os pecados 
do passado, do presente e futuro, até 
mesmo o pecado original.
 
Quem crê no batismo de Jesus e no Seu sangue na Cruz recebe a salvação. Como recebemos o Espírito? Atos 2:38-39 nos dá a resposta. “Respondeu-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para remissão dos vossos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo. Pois para vós outros é a promessa, para vossos filhos e para todos os que ainda estão longe, isto é, para quantos o Senhor, nosso Deus, chamar”.
Ser batizado em nome de Jesus significa crer no batismo de Jesus e ser redimido. Então o Espírito será dado como um presente de Deus.
Ser batizado em nome de Jesus também significa tornar-se santificado pela crença no batismo e no sangue de Jesus. Quando nós abraçamos esta crença nós somos redimidos e nos tornamos justos. Os crentes se tornam tão brancos quanto à neve por meio do batismo de Jesus e do Seu sangue na Cruz.
“E recebereis o dom do Espírito Santo”. Quando nós cremos realmente que todos os nossos pecados foram passados para Jesus por meio do Seu batismo e que Ele foi julgado por eles com a Sua morte na Cruz, os nossos corações são limpos. Nossas novas vidas começam quando nós cremos no batismo de Jesus e no Seu sangue, recebemos o dom do Espírito Santo e nos tornamos filhos de Deus.
“E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará”. (João 8:32). Nós devemos conhecer o verdadeiro significado do julgamento do Senhor na Cruz. A verdade é que Jesus destruiu todos os nossos pecados com o Seu batismo e Sua morte na Cruz. A redenção é dada para nós quando cremos na verdade.
 

O Batismo de Jesus nos Redime dos Pecados

Quem recebe o Espírito?
Quem é redimido de todo o pecado por meio 
da crença no batismo de Jesus 
e no Seu sangue na Cruz.
 
A expiação pelo pecado por intermédio do sistema sacrificial do Antigo Testamento representa o batismo de Jesus no Novo Testamento. O batismo de Jesus é a essência de todas as profecias do Antigo Testamento. O correspondente para a imposição de mãos no Antigo Testamento pode ser encontrado no batismo de Jesus no Novo Testamento.
Todos os pecados do mundo foram passados para Jesus por meio do Seu batismo, assim como os pecados de Israel eram passados para o bode expiatório por meio da imposição de mãos.
Nós temos que crer no batismo de Jesus para sermos salvos de todos os nossos pecados? Sim! Nós temos! Nós temos que aceitar a verdade do fato que Jesus levou todos os pecados do mundo por meio do Seu batismo. Se nós não crermos no batismo de Jesus, nossos pecados não podem ser passados para Ele. Nós devemos crer para termos a salvação completa. Do contrário, nós não podemos nos tornar justos.
Jesus salvou todos os pecadores do mundo da forma mais perfeita com o Seu batismo. Não poderia ser de outra forma. Porque o batismo de Jesus foi o processo pelo qual todos os pecados foram passados para Ele, nós temos que crer nisso para termos os nossos corações limpos de todo pecado.
Nós também devemos crer que o sangue de Jesus foi o julgamento pelos nossos pecados. Portanto, todos que creem no batismo e no sangue de Jesus na Cruz são salvos do pecado.
Nós temos que crer no batismo de Jesus a fim de entrarmos para o Reino do Céu. Este é o único caminho pelo qual nós podemos ser libertos de todo pecado e escapar da justa punição.
O batismo de Jesus no Novo Testamento e a imposição de mãos no Antigo Testamento são semelhantes. Eles são o arco conector entre o Antigo e o Novo Testamento.
No Novo Testamento João Batista veio 6 meses antes de Jesus. Quando Jesus foi batizado, foi o “Princípio do evangelho de Jesus Cristo, Filho de Deus”. (Marcos 1:1). O evangelho começa no tempo que Jesus levou todos os pecados do mundo por meio do Seu batismo.
O ministério da salvação da humanidade aconteceu por meio de uma série de eventos: o nascimento de Jesus, Seu batismo, Sua morte na Cruz, Sua ressurreição, e Sua ascensão ao Céu. Quando nós conhecemos, entendemos e cremos no processo da salvação nesta cadeia de eventos, nós somos salvos de todos os nossos pecados. O batismo de Jesus foi o início do evangelho, enquanto que o sangue na Cruz foi o seu completamento.
“Princípio do evangelho de Jesus Cristo, Filho de Deus”. (Marcos 1:1). Nós não podemos omitir nenhuma de Suas obras justas – Seu batismo, Seu sangue na Cruz, Sua ressurreição, Sua Ascensão e Sua segunda vinda – do evangelho do Filho de Deus.
Jesus veio a este mundo em carne e lavou todos os pecados da humanidade com o Seu batismo, este foi o início do evangelho celestial. Se qualquer um desses elementos faltasse, o evangelho celestial não estaria completo.
Portanto, se um homem quer nascer de novo, ele precisa crer no batismo e no sangue de Cristo. Atualmente, muitas pessoas não creem na verdade do batismo e do sangue de Jesus. Eles pensam que o batismo de Jesus foi um mero ritual. Esta é uma concepção errada muito séria. Todos que creem em Jesus devem crer no Seu batismo e no sangue.
Como os nossos pecados podem ser perdoados simplesmente com orações de perdão? Todos os nossos pecados foram passados para Jesus quando Ele foi batizado por João Batista. Não havia outra forma de Ele levar os pecados da humanidade.
O homem tem que nascer de novo da água e do Espírito para entrar no Reino do Céu. Não pode haver redenção sem a água do batismo, o sangue da Cruz e o Espírito. Apenas aqueles que nascerem de novo poderão ver a Deus, como Jesus disse a Nicodemos em João 3:5. A verdadeira salvação vem para nós quando cremos no batismo e no sangue de Jesus.
 

Nós Podemos Ser Salvos Sem o Batismo de Jesus?
 
Como Jesus se tornou 
o nosso Salvador?
Levando os nossos pecados 
por meio do Seu batismo.
 
Se nós omitíssemos do ministério público do Senhor o fato de que Jesus veio a este mundo e levou todos os pecados por meio do Seu batismo, ou ignorássemos a santidade de Jesus, que nasceu da Virgem Maria, ou nos negássemos a crer na Cruz de Jesus, o Cristianismo se tornaria uma mera religião supersticiosa que levaria os crentes a cantar “Me perdoe, me perdoe, me perdoe”, como os budistas fazem em seus templos.
Omitir o batismo de Jesus significa dizer que os nossos pecados não foram passados para Ele. Nossa fé seria inútil, não nos diferenciando dos devedores que clamam que já pagaram suas dívidas quando na verdade não pagaram nada. Isso faria de todos nós mentirosos. Se um devedor dissesse que pagou todos os seus débitos quando de fato ele não o fez, ele continuaria sendo um devedor de fato e em sua consciência.
Jesus lavou os crentes com a água do Seu batismo e os tornou filhos de Deus. Jesus levou sobre Si os pecados do mundo por meio de João Batista, para que todos os crentes pudessem se tornar santos. Quando nós conhecemos e cremos nisso, nossos corações se tornam limpos para sempre.
Obrigado Senhor, por esta Graça. Lucas 2:14 diz: “Glória a Deus nas maiores alturas, e paz na terra entre os homens, a quem ele quer bem”. Nossa fé na água e no sangue de Jesus nos traz salvação completa e nos torna filhos de Deus. O batismo de Jesus e Seu sangue nos salvaram, e quem crer nestas duas coisas também será salvo.
Nada pode ser omitido das Suas obras. Alguns só creem no sangue, dizendo que o Apóstolo Paulo só falou da Cruz. Mas o batismo de Jesus estava incluído na Cruz.
Nós podemos ver em Romanos capítulo 6 que Paulo foi batizado em Cristo e morreu com Cristo. E também em Gálatas 2:20: “logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim”.
E em Gálatas 3:27-29: “porque todos quantos fostes batizados em Cristo de Cristo vos revestistes. Dessarte, não pode haver judeu nem grego; nem escravo nem liberto; nem homem nem mulher; porque todos vós sois um em Cristo Jesus. E, se sois de Cristo, também sois descendentes de Abraão e herdeiros segundo a promessa”.
Ser batizado em Cristo significa crer em todas as coisas que Ele fez neste mundo, no Seu batismo e Seu sangue na Cruz. Crer no batismo de Jesus e no Seu sangue é crer na verdade que Jesus já destruiu todos os nossos pecados há 2000 anos. Não há outro caminho que nos traz salvação.
 

Nós Somos Salvos Por Deus Quando Cremos no Batismo de Jesus e no Seu Sangue na Cruz

Nossos pecados podem 
ser lavados apenas por meio 
de orações de perdão?
Não. O perdão do pecado só é possível por meio 
da nossa crença que todos os pecados foram 
passados para Jesus quando Ele foi 
batizado por João Batista.
 
“Porque com o coração se crê para justiça e com a boca se confessa a respeito da salvação”. (Romanos 10:10).
“Porque todos quantos fostes batizados em Cristo de Cristo vos revestistes”. (Gálatas 3:27). Nossa fé nos leva a sermos batizados em Cristo, sermos sepultados com Ele, e nos tornarmos filhos de Deus. Quando Jesus veio a este mundo e foi batizado, todos os nossos pecados e os pecados do mundo foram passados para Ele.
Nossa fé tem nos levado à unidade com Cristo. Nós morremos quando Ele morreu. Nós ressuscitamos quando Ele ressuscitou. Agora porque nós cremos no Seu batismo, sangue, ressurreição, ascensão e advento, nós podemos entrar no Reino do Céu e viver eternamente.
Quando as pessoas creem apenas no sangue de Jesus, elas não podem evitar o sofrimento em razão do pecado que permanece em seus corações. Por quê? Porque elas não conhecem e nem aceitam o significado do batismo de Jesus, que levou todos os pecados e limpou os seus corações pecaminosos para toda a eternidade.
Você crê no batismo de Jesus e no Seu sangue que te salva de todos os seus pecados? Por favor, acredite. Sem a crença no batismo de Jesus, sua fé é vã. Sem fé no batismo de Jesus, você não pode ser redimido de seus pecados; você está envolvido em um amor não correspondido.
Aqueles que creem apenas na Cruz dizem, “Jesus é o meu Senhor, meu Salvador, que morreu por mim na Cruz. Ele ressurgiu da morte e testificou a Sua ressurreição por 40 dias antes de subir ao Céu e agora está assentado à destra de Deus. Eu creio que Ele virá pela segunda vez para nos julgar e eu oro para que Jesus me transforme completamente para que eu possa encontrá-lo. Oh, meu amado Jesus, meu Salvador”.
Eles pedem o perdão de seus pecados e esperam estar sem pecados, mas eles ainda têm pecado no coração. “Eu creio em Jesus, mas tenho pecado no coração. Eu amo Jesus, mas eu tenho pecado no coração. Eu não posso dizer, ‘Por favor, venha até mim, meu noivo’ porque eu tenho pecado e eu não posso ter certeza da minha salvação. Então eu espero que Jesus venha quando eu estiver bem preparado e apenas depois que eu orar muito e me arrepender. Eu amo Jesus com todo o meu coração, mas eu não ouso olhar para Ele em razão dos pecados no meu coração”.
Se Jesus fosse perguntar para essas pessoas, “Por que você acha que não é completa?”.
Elas diriam, “Senhor, eu sei que eu não sou justo porque eu peco todos os dias. Então, por favor, me chame quando chamar os pecadores”.
Eles não sabem que Deus, o Criador e Juiz, não irá aceitar os pecadores e nem torná-los Seus filhos.
O noivo veio e resolveu todos os problemas para a noiva, mas porque a noiva não o conhecia, ela ficou atormentada. Quando nós pensamos que somos pecadores porque nós pecamos na carne, nós não temos fé em Deus. Quando nós não conhecemos e entendemos a verdade da Palavra de Deus, o pecado em nossos corações continua se multiplicando.

Por que algumas pessoas sofrem 
com o pecado que ainda permanece 
em seus corações?
Porque elas não conhecem e nem aceitam em seus 
corações o significado do batismo de Jesus, 
que levou todos os pecados.
 
O noivo levou os pecados do mundo. Onde? No Rio Jordão quando Ele foi batizado. Aqueles que não creem nisso ainda são pecadores. Eles permanecem sendo noivas impuras.
O cavalheiro pergunta à noiva, “Como você pode me amar quando você não é a minha noiva? Antes de me chamar de noivo, você precisa ser lavada de todos os seus pecados”.
Nós podemos ser redimidos sem o batismo de Jesus? Não! Nós somos criados na imagem de Deus, então nós buscamos justiça em nossos corações, e nossas consciências tentam ser justas. Mas é impossível para nós pensarmos que estamos sem pecados se o nosso coração permanece impuro pelo pecado. Apenas quando nós aceitamos e cremos no batismo de Jesus nós podemos verdadeiramente dizer que não temos pecado e somos justos.
Nossas consciências nunca poderão se tornar santas se nós considerarmos que não temos pecados, quando, na realidade estamos cheios de pecados no coração. Deus não pode nos aceitar sob tais circunstâncias. Deus nunca mente.
Deus disse a Moisés para realizar o censo dos Israelitas para contá-los e pagar um tributo por suas vidas. O rico não deveria dar mais do que meio siclo e o pobre não deveria dar menos. Todos deveriam pagar um tributo.
Portanto, como um homem poder ser santificado se ele não crê em Jesus, que pagou tributo por sua vida? Ele tem pecado.
Quando nós cremos apenas no sangue de Jesus, nós temos pecado em nossos corações e temos que confessar que nós somos pecadores. Mas quando nós cremos no evangelho do Seu batismo e Cruz, nós podemos verdadeiramente afirmar que nós não temos pecado. A salvação e a vida eterna são nossas.
 

A Blasfêmia Contra o Espírito

Por que algumas pessoas sofrem 
com o pecado que ainda permanece 
em seus corações?
Porque elas não conhecem e nem aceitam em seus 
corações o significado do batismo de Jesus, 
que levou todos os pecados.
 
Romanos 1:17 diz: “Visto que a justiça de Deus se revela no evangelho, de fé em fé”. A justiça de Deus é revelada no evangelho. Jesus Cristo veio a este mundo e lavou todos os nossos pecados com o Seu batismo e Sua morte na Cruz. O batismo de Jesus e o Seu sangue são o poder do evangelho. Jesus lavou os nossos pecados de uma vez por todas.
Crer significa salvação e não crer significa fogo eterno. Nosso Pai no Céu enviou o Seu único Filho Jesus para este mundo e Ele foi batizado para a expiação de nossos pecados. Portanto, quem crer Nele pode ser limpo de toda transgressão.
O único pecado remanescente neste mundo é não crer no Seu batismo e sangue. Não crer é blasfêmia contra o Espírito e um pecado que será julgado por Deus, condenando o não crente ao inferno. É o pecado mais grave de todos. Qualquer um que cometer este pecado deve se arrepender e ser redimido pela crença no batismo de Jesus. Caso contrário, você será arruinado para sempre.
Você é salvo com o testemunho da redenção por meio do Seu batismo e sangue? Você recebeu o testemunho de João como está escrito em João 1:29: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo”. Você crê no batismo de Jesus e no Seu sangue como está escrito em Hebreus 10:18: “Ora, onde há remissão destes, já não há oferta pelo pecado”.
Deus certifica aqueles que creem no batismo de Jesus e no Seu sangue em seus corações. Deus os torna seus filhos. Aqueles que creem no batismo de Jesus e no Seu sangue são redimidos por meio do justo amor de Jesus.
Aquele a quem Deus enviou fala da Palavra de Deus, mas aquele que é da Terra, que não foi enviado por Deus, prega segundo os seus próprios pensamentos. Existem muitos neste mundo que pregam a Palavra de Deus, e aqueles que foram enviados por Deus para falar do batismo e do sangue de Jesus.
Mas aqueles que pregam suas próprias palavras estão apenas expressando seus pensamentos. Eles dizem, “Nós somos redimidos do pecado original, mas cada um deve se arrepender pelos seus pecados diários”. Eles dizem que nós temos que ser santificados gradualmente.
Mas o homem pode se santificar por si só? Nós podemos ser santificados pela força dos nossos próprios méritos e por intermédio de nossos esforços? Nós somos santificados porque Deus lavou todos os nossos pecados ou porque nós tentamos alcançar a redenção por nós mesmos?
A verdadeira fé é a que nos santifica. Nós podemos tornar o piche branco apenas lavando milhares de vezes? Nós podemos fazer uma pele negra se tornar branca com sabão? Nenhuma quantidade de sabão pode lavar os nossos pecados, e a nossa própria justiça é como um trapo sujo. Nós nos tornamos justos crendo no batismo e no Sangue de Jesus ou apenas no sangue na Cruz?
A verdadeira fé vem da água do batismo de Jesus e do sangue na Cruz. A salvação não vem como resultado de nossos próprios esforços. Apenas a nossa fé no batismo de Jesus e no Seu sangue nos liberta do pecado e nos torna justos.
O Pai deu todos os homens ao Seu Filho, e quem crer Nele terá a vida eterna. Crer no Filho significa crer na redenção por meio do Seu batismo e sangue. Quem crer terá vida eterna como filho de Deus. Quem for salvo viverá para sempre à direita de Deus.
A fé no batismo de Jesus e na Sua unicidade com Deus também é fé no Espírito. A Palavra da verdade nos permite nascer de novo. Nós somos salvos pela crença no batismo de Jesus e no Seu sangue.
Tenha fé. Crer no batismo de Jesus e Seu sangue é ganhar a redenção. Tenha fé no verdadeiro evangelho e obtenha o perdão dos pecados.