The New Life Mission

Sermões

Assunto 8: O Espírito Santo

[8-6] (Mateus 25:1-12) Creia para que o Espírito Santo habite em você

( Mateus 25:1-12 )
“Então, o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram a encontrar-se com o noivo. Cinco dentre elas eram néscias, e cinco, prudentes. As néscias, ao tomarem as suas lâmpadas, não levaram azeite consigo; no entanto, as prudentes, além das lâmpadas, levaram azeite nas vasilhas. E, tardando o noivo, foram todas tomadas de sono e adormeceram. Mas, à meia-noite, ouviu-se um grito: Eis o noivo! Saí ao seu encontro! Então, se levantaram todas aquelas virgens e prepararam as suas lâmpadas. E as néscias disseram às prudentes: Dai-nos do vosso azeite, porque as nossas lâmpadas estão-se apagando. Mas as prudentes responderam: Não, para que não nos falte a nós e a vós outras! Ide, antes, aos que o vendem e comprai-o. E, saindo elas para comprar, chegou o noivo, e as que estavam apercebidas entraram com ele para as bodas; e fechou-se a porta. Mais tarde, chegaram as virgens néscias, clamando: Senhor, senhor, abre-nos a porta! Mas ele respondeu: Em verdade vos digo que não vos conheço”. 
 

Sobre quais pessoas o 
Espírito Santo vem?
Ele vem sobre aqueles que são perdoados 
por seus pecados crendo no batismo 
de Jesus e Seu sangue.
 

Quem é representado pelas virgens que têm a habitação do Espírito Santo?
 
Na passagem acima, existem cinco virgens prudentes e cinco virgens insensatas. As cinco insensatas pediram para as cinco prudentes compartilharem um pouco de óleo. Mas as prudentes disseram às insensatas: “Não, para que não nos falte a nós e a vós outras! Ide, antes, aos que o vendem e comprai-o”. Então, enquanto as insensatas saíram para comprar óleo, as cinco virgens prudentes, que tinham óleo em suas lâmpadas, foram para a cerimônia de casamento. Como, então, nós podemos preparar o óleo para o Senhor Jesus? A única coisa que precisamos fazer é esperar por Ele com o perdão de pecados em nossos corações.
Nós podemos encontrar dois tipos de fé entre as pessoas. Uma é a fé no evangelho do perdão dos pecados, a qual leva a pessoa a receber o Espírito Santo. A outra é simplesmente ser fiel ao seu próprio credo religioso – não importando se Deus perdoou ou não os pecados.
Para aqueles que são fiéis aos seus próprios credos, o belo evangelho reserva cobranças. Como as virgens insensatas, que saíram para comprar óleo quando o noivo estava chegando, aqueles que mudam de uma Igreja para outra com a esperança de receber o Espírito Santo, não estão enganando a ninguém, mas apenas a si mesmos. Tais pessoas ignoram o fato de que devem ter a fé do belo evangelho da água e do Espírito em seus corações até o Dia do Julgamento. Eles desejam receber o Espírito Santo impressionando a Deus com zelos. Nós iremos ver agora a confissão de um diácono que fazia grandes esforços para receber o Espírito Santo. Esta confissão será útil para você.
“Eu fiz de tudo para receber o Espírito Santo”. Pensava que, se me devotasse fervorosamente com a minha própria fé, poderia receber o Espírito Santo, e, assim, ia mudando de uma Igreja para outra constantemente. Em uma dessas Igrejas tocavam piano elétrico e bateria, como parte do culto. O pastor que liderava o encontro chamava aqueles que desejavam receber o Espírito Santo, um por um, e, quando tocava na cabeça deles, começavam a falar em línguas. Ele andava de um lado para o outro com um microfone e clamava dizendo: “Receba fogo, fogo, fogo...”, e, ao passo que colocava a sua mão na cabeça das pessoas, fazia com que algumas tivessem ataques súbitos e desmaios. Eu tinha minhas dúvidas se realmente era uma boa prática para receber o Espírito Santo, mas já estava viciado nesses encontros. Apesar disso, eu nunca tive sucesso em receber o Espírito Santo.
Depois dessas experiências, subia às montanhas e tentava chorar e orar durante todas as noites, enquanto que isso fazia abraçado a um pinheiro. Tentei até mesmo orar em uma caverna, mas também não funcionava. Depois disso, ainda tentei orar pelas noites durante 40 dias, mas nunca conseguia receber o Espírito Santo. Um dia eu fui convidado para um seminário sobre o Espírito Santo, que seria uma vez por semana, durante sete semanas.
O seminário era sobre o amor de Deus, a Cruz, a ressurreição de Jesus, a imposição de mãos, o fruto do Espírito e o crescimento espiritual. Naquela ocasião, quando o programa do seminário estava quase terminado, o pregador colocou a mão na minha cabeça e começou a orar pelo Espírito Santo, e eu fiz o que ele disse-me para fazer: relaxei, levantei minhas mãos aos Céus e gritei “la-la-la-la” várias vezes. De repente, enquanto eu estava gritando “la-la-la-la”, comecei a falar fluentemente em uma língua estranha. Muitas pessoas me parabenizaram por receber o Espírito Santo, mas, depois, quando estava sozinho em casa, fiquei com medo. Então, comecei a trabalhar como voluntário no seminário. Pensava que deveria ser voluntário e trabalhar o máximo possível, pois assim poderia viajar pelo país prestando meus serviços. Quando eu colocava minhas mãos em alguns enfermos, suas doenças pareciam ser curadas, apesar de piorarem logo em seguida. Eu tinha visões e podia profetizar. Surpreendentemente, minhas profecias sempre se cumpriam. Daquele momento em diante, eu era convidado para todo tipo de lugares e era tratado como uma celebridade, mas, mesmo assim, ainda sentia medo. Um dia, então, ouvi uma voz dizendo: “não fique vagando de um lugar para o outro dessa forma, em vez disso, vá e ajude à sua família a receber a salvação”.  Contudo, eu não sabia que salvação era essa. Eu só sabia o que os outros haviam me falado – que se eu não usasse o dom do Espírito Santo, Ele o tiraria de mim. Portanto, eu não podia parar de fazer aquilo. Mas, por outro lado, eu estava com medo de usar minhas habilidades. 
Um dia, ouvi dizer que uma xamã desejava crer em Jesus, então fui visitá-la com meus amigos. Nós não a avisamos que faríamos aquela visita, mas ela já estava nos esperando fora da sua garagem, e disse: “eu sabia que vocês viriam”. Quando chegamos, subitamente ela começou a nos jogar água e disse: “não há diferença entre o xamanismo oriental e o ocidental!”. Ela nos chamou de “xamãs de Jesus”, apontou para nós e disse: “este cara é terrível, mas aquele não é”. O que a xamã disse veio sobre mim como uma explosão na cabeça. Comecei a pensar que tudo o que já havia feito não tinha diferença alguma das coisas que a xamã fazia. “Nada do que eu havia feito trouxe o Espírito Santo para mim, porque ainda tinha pecados em meu coração”.
A partir dessa confissão testemunhada, aprendemos que receber o Espírito Santo está acima de nossas habilidades. A fé desse homem não estava em nada baseada no evangelho de Deus, e aqueles que vivem este tipo de vida religiosa não têm óleo em suas lâmpadas.
A lâmpada, na Bíblia, se refere à Igreja, e o óleo, ao Espírito Santo. A Bíblia afirma que aqueles que frequentam uma Igreja, sendo esta de Deus, ou não, sem receber o Espírito Santo, são insensatos.
Os insensatos queimam suas emoções e corpos todos os dias. Queimam seus sentimentos juntamente com seus corpos querendo ser zelosos perante Deus. Se disséssemos que nossas emoções têm a medida de 20 cm., e que demoraria um dia para queimar 1 cm., se passariam 20 dias para consumir em fogo todas as nossas emoções. As emoções por trás de sua fé ganham novas forças por meio de orações pelas manhãs, vigílias de oração, orações de jejum e encontros de avivamento, mas elas também queimam durante suas vidas. Essas pessoas insensatas estão viciadas nesse processo sem fim de queimar suas próprias emoções.
Suas emoções são queimadas em nome de Jesus. Eles frequentam a Igreja e queimam suas emoções, mas seus corações permanecem confusos e procuram por algo mais. A razão para isso é que a fé deles origina-se de experiências corpóreas; portanto, eles têm uma necessidade constante de reforçar seus sentimentos para que a chama não morra. Contudo, não poderão receber o Espírito Santo com tal tipo de fé. Queimar suas emoções não levará ninguém a receber o Espírito Santo.
Todos nós devemos preparar a fé adequadamente para receber o Espírito Santo na presença de Deus. Somente assim poderemos recebê-Lo. Como nós podemos ganhar a fé que nos faz valorosos para receber o Espírito Santo? A verdade está no belo evangelho que foi cumprido pelo batismo de Jesus no Rio Jordão e pelo derramamento de Seu sangue na Cruz.
Deus se referiu a nós como sendo um “povo carregado de iniquidade, raça de malignos”. (Isaías 1:4). Devemos admitir isso a nós mesmos. As pessoas originalmente nascem com 12 tipos de pecados (Marcos 7:21-23), e não conseguem deixar de pecar, desde o dia que nascem até o dia que morrem.
Em João 1:6-7, está escrito: “Houve um homem enviado por Deus cujo nome era João. Este veio como testemunha para que testificasse a respeito da luz, a fim de todos virem a crer por intermédio dele”. João Batista batizou Jesus e passou todos os pecados do mundo para Ele, e disse assim no dia seguinte: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!”. (João 1:29). Nós fomos salvos de todos os nossos pecados graças ao batismo de Jesus por João Batista. Se João não tivesse batizado Jesus e não tivesse proclamado que Ele era o Cordeiro de Deus, que tirava o pecado do mundo, nós não poderíamos saber que Jesus levou os nossos pecados consigo na Cruz, nem poderíamos saber como receber o Espírito Santo. Mas graças ao testemunho de João Batista, entendemos que Jesus Cristo levou todos os nossos pecados e nos fez ser capazes de receber o Espírito Santo.
Com a verdadeira fé, nos tornamos as noivas que estão completamente preparadas para receber Jesus, o Noivo. Nós somos as virgens que creem no Senhor Jesus e estão inteiramente preparadas para receber o Espírito Santo.
Você crê de todo coração no evangelho da água e do Espírito? Você crê que Jesus Cristo levou todos os nossos pecados com Seu batismo por João Batista? A Bíblia diz: “E, assim, a fé vem pela pregação, e a pregação, pela palavra de Cristo”. (Romanos 10:17). Nós devemos crer que Jesus foi batizado por João e morreu na Cruz, a fim de recebermos o Espírito Santo. Devemos perceber que o recebimento do Espírito Santo só pode vir quando crermos que Jesus Cristo veio a Terra como um ser humano e foi batizado por João Batista, que Ele morreu na Cruz e que ressuscitou ao terceiro dia.
Ainda hoje, encontramos dois grupos diferentes de crentes, assim como as dez virgens na história acima eram de dois tipos. De que lado você está? Você deve receber o Espírito Santo crendo na água e no Espírito. Você frequenta a Igreja, mas ainda está esperando o Espírito Santo vir sobre você? Você deve conhecer o verdadeiro caminho pelo qual nós recebemos o Espírito Santo.
Com quais crenças poderemos receber o Espírito Santo? Você pode receber o Espírito Santo por meio do entusiasmo do Xamanismo? Você pode receber o Espírito Santo em estado de coma? Você pode receber o Espírito Santo crendo em religiões fanáticas? Você tem que orar a Deus pelo perdão dos seus pecados sistematicamente? A Bíblia diz que, quando Jesus foi batizado e saiu da água, o Espírito de Deus desceu sobre Ele como uma pomba. Ele foi batizado a fim de retirar os nossos pecados e para nos dizer que seria crucificado para pagar o salário de todas as nossas transgressões.
Jesus Cristo foi batizado por João Batista para tirar os pecados do mundo e, após, foi para a Cruz a fim de que pudéssemos ser salvos e recebêssemos o Espírito Santo. Esta é a verdade. Jesus foi batizado por João, julgado por todos os nossos pecados na Cruz e ressuscitou. Para receber o perdão dos nossos pecados, devemos crer no batismo de Jesus por João e em Seu sangue derramado na Cruz. Podemos observar no batismo de Jesus (Mateus 3:13-17), que o Espírito Santo vem pacificamente como uma pomba naqueles que estão limpos dos pecados por crerem em Seu batismo.
Para receber o Espírito Santo, é essencial crer no batismo de Jesus por João e em Seu sangue derramado na Cruz. O Espírito Santo vem sobre uma pessoa tão pacificamente como uma pomba quando ela crê no perdão dos pecados. Aqueles que já receberam o Espírito Santo devem saber que isso só é possível pelo perdão dos pecados pela fé. O Espírito Santo vem sobre aqueles que creem no perdão dos pecados de todo coração.
Jesus Cristo veio pelo pão e vinho da vida eterna. (Mateus 26:26-28; João 6:53-56). Quando Jesus saiu da água após Seu batismo, veio uma voz do Céu dizendo: “Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo”. (Mateus 3:17).
É fácil crer em Deus como uma Trindade. Deus é o Pai de Jesus e Jesus é o Filho de Deus. O Espírito Santo também é Deus. A Trindade é um único Deus para nós.
Você deve saber que nunca irá receber o Espírito Santo apenas crendo na Cruz ou tentando santificar-se com obras justas. Você só poderá receber o Espírito Santo quando crer que João batizou Jesus e transferiu para Ele todos os nossos pecados, e que Ele foi crucificado para expiar os nossos pecados. Como a verdade é clara e simples! Não é difícil receber o perdão dos pecados e o Espírito Santo.
Deus falou para nós em termos simples. Um homem comum tem um QI de 110 a 120. Seu evangelho é suficientemente simples para as pessoas comuns entenderem, até mesmo para crianças de 4 a 5 anos, o belo evangelho não é difícil para ser entendido. Se Deus falasse sobre a habitação do Espírito Santo de uma forma mais sofisticada, nós entenderíamos? Deus perdoou todos os nossos pecados e deu o Espírito Santo como um presente àqueles que creram Nele.
Deus falou que “não” podemos receber o Espírito Santo por meio de imposições de mãos ou de orações de arrependimento, como também disse que não viria sobre nós em razão de jejuns e devoção, ou mesmo por orações em noites inteiras nas montanhas. Que tipo de fé resultará na recepção do Espírito Santo dentro de nós? A fé no fato de que Jesus veio a este mundo, foi batizado para levar os nossos pecados, morreu na Cruz e ressuscitou.
 

Realmente precisamos crer assim?
    
Por que precisamos do perdão de pecados para receber o Espírito Santo? Para sermos cidadãos do Reino de Deus, precisamos do Seu Espírito. Portanto, para receber o Espírito Santo, precisamos crer em Jesus como nosso Salvador, no Seu batismo e sangue, e devemos, ainda, ser perdoados por nossos pecados.
Por que Deus garante o Espírito Santo para aqueles cujos pecados foram perdoados? A razão é para marcá-los como Seu povo. Para selar aqueles que creem em Jesus, baseados na Palavra de Deus, Ele lhes dá o Espírito Santo como garantia.
Muitas pessoas mantêm tipos errados de fé. É fácil crer no batismo de Jesus e receber o Espírito Santo. É fácil para aqueles que já receberam o Espírito Santo, mas é impossível para outros que ainda não receberam o perdão dos pecados. Eles não conhecem a verdade e, ao invés disso, buscam outras maneiras de receber o Espírito Santo, como, por exemplo, afundarem-se em comas religiosos, por meio de ações fanáticas. Eles são tão ignorantes que são confundidos pelas sementes que Satanás plantou e caem sob a influência de superstições religiosas.
O Espírito Santo habita naqueles que creem no batismo de Jesus e no Seu sangue derramado na Cruz, e que receberam o perdão dos pecados. Apenas aqueles que creem na salvação de Deus podem confessar: “Eu não tenho pecados”. Se uma pessoa não crê no evangelho da água e do Espírito, não pode dizer que não tem pecados. Da mesma forma, Deus garantiu o Espírito Santo como um penhor para Seus filhos que creem no batismo de Jesus e em Seu sangue na Cruz e que já receberam o perdão dos pecados.
Quem testemunhou que o batismo de Jesus e Seu sangue levaram todos os nossos pecados? Jesus, Seus discípulos e o Espírito Santo testificaram disso. Quem planejou salvar as pessoas de seus pecados? O Santo Pai. Quem levou à frente este plano? Jesus Cristo. Quem finalmente garantiu que este plano fosse cumprido? O Espírito Santo.
Deus queria nos fazer Seu povo e, por isso, determinou a nossa salvação de todos os pecados por meio do batismo de Jesus e Seu sangue. Portanto, a Divina Trindade garante a nossa salvação final e aprova o perdão de todos os nossos pecados.
Em Mateus 3:17, está escrito: “E eis uma voz dos céus, que dizia: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo”. Aqueles que têm o Espírito Santo de Deus são os filhos de Deus. “Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo”. Jesus é originalmente Deus. Deus, o Pai, nos diz: “Se vocês querem receber o perdão de seus pecados, creiam que os pecados de toda a humanidade foram levados para sempre por Jesus, Meu único Filho, recebam o Espírito Santo e tornem-se meus filhos”. Aqueles que creem assim recebem o perdão de seus pecados e tornam-se filhos e filhas de Deus, e para selá-los, Ele concede o dom do Espírito Santo. Nós recebemos o perdão de nossos pecados somente quando cremos no batismo de Jesus conjuntamente com o Seu sangue.
Quando as pessoas não esvaziam os seus corações e não creem no evangelho do perdão, tendem a acreditar que já estão livres do pecado original, mas a verdade é que ainda continuam dependentes de incessantes orações diárias de arrependimento em busca de perdão para seus pecados atuais e diários. Se elas caem, vítimas de pensamentos como esse, a Bíblia se torna incompreensível e confusa. Portanto, terão crenças diferentes daquelas dos discípulos de Jesus.
Alguns dizem que o Espírito Santo vem sobre eles “por meio de orações”, mas, de um ponto de vista bíblico, não condiz exatamente à verdade. Até pode soar plausível, mas a Bíblia diz que quando Jesus saiu da água, após ser batizado por João, o Espírito Santo desceu sobre Ele como uma pomba. Isto prova que se desejamos receber o Espírito Santo, precisamos apenas crer que Jesus Cristo veio a este mundo e foi batizado por João Batista, a fim de levar todos os pecados do mundo, que foi julgado na Cruz por eles e que ressuscitou no terceiro dia, tornando-se O nosso Salvador.
O que Deus nos diz quando cremos nesta verdade e recebemos o Espírito Santo? Ele diz: “Você é meu filho, é um filho amado, em quem muito me comprazo”. Deus irá dizer a mesma coisa para aqueles que crerem em Jesus e forem perdoados de todos os seus pecados. Esta verdade é a promessa de Deus que nos faz seus filhos.
Mas as pessoas ainda pensam que existem outros modos para receber o Espírito Santo. Acham que o Espírito Santo virá sobre eles por meio de choros e esforços humanos. As obras que Deus faz são feitas somente de acordo com a Sua vontade e Ele só dá o Espírito Santo para aqueles que recebem o perdão de seus pecados. Ele diz: “Meu Filho, Jesus, foi batizado para que pudesse levar todos os seus pecados e foi crucificado para ser julgado por eles. Eu escolhi Meu Filho como O seu Salvador. Se você aceitar o perdão dos pecados que Meu Filho realizou, te enviarei o Espírito Santo”.
Nosso Pai faz como Ele quer. Mesmo que um homem permaneça de joelhos por uma noite inteira e clame por Ele até que seus pulmões estejam prestes a explodir, Deus não irá necessariamente enviar o Espírito Santo. Ele apenas o repreenderá, dizendo: “você ainda não recebeu o verdadeiro conhecimento e continua se apoiando em falsas crenças. O Espírito Santo não será concedido enquanto você recusar a verdadeira fé”.
Neste mundo, as decisões dos seres humanos podem mudar de acordo com as circunstâncias, mas a Lei que Deus estabeleceu para perdoar os pecados e garantir o Espírito Santo permanece imutável. Se você deixar-se enganar com falsas crenças, difícil será encontrar o caminho correto novamente. A Bíblia diz que Jesus é uma pedra de tropeço para aqueles que são desobedientes. (1 Pedro 2:8).
As pessoas que creem em Jesus e ainda não sabem por que Ele foi batizado, apenas creem em metade do evangelho da redenção e certamente cairão no inferno. Portanto, para você crer em Jesus, primeiro conheça sobre o batismo de Jesus e o Seu sangue, dos quais o evangelho do perdão é composto. E se você receber o perdão dos pecados, também irá receber o Espírito Santo.
Vamos pensar sobre a vida de Jesus na Terra: Jesus se tornou um homem e levou todos os pecados do mundo com o Seu batismo. Também foi julgado por nossos pecados e morreu na Cruz, a fim de nos salvar do fogo do inferno. Aqueles que creem Nele recebem o Espírito Santo como presente.
Portanto, todos nós devemos seguir o verdadeiro caminho, a fim de receber o Espírito Santo. E necessário nos é pensar de acordo com as Palavras da verdade. Quando fizermos isso, Jesus nos abençoará. Aqueles que esvaziam os seus corações e creem em Suas Palavras podem viver na verdade, recebendo o perdão de pecados e sendo guiados pelo Espírito Santo. Além disso, podem guiar outras pessoas através do caminho correto, com a ajuda do Espírito Santo.
Creia na redenção realizada pelo batismo de Jesus e Seu sangue. Apenas assim podemos segui-Lo com fé, e receber a bênção do perdão de pecados, da vida eterna e do Espírito Santo. Jesus é o Senhor do perdão, que levou todos os pecados do mundo por meio de Seu batismo e morte na Cruz. Jesus limpou todos os nossos pecados e deu o Espírito Santo para aqueles que creram no evangelho da verdade. Você pode receber o Espírito Santo adotando a verdadeira fé.