The New Life Mission

Sermões

Assunto 21: O Evangelho segundo MARCOS

[Capítulo 8-5] (Marcos 8:33-35) Seja Forte em Meio às Dificuldades!

(Marcos 8:33-35)
“Jesus, porém, voltou-se e, olhando para os discípulos, repreendeu a Pedro, e disse: Para trás de mim, Satanás! Não pensas nas coisas de Deus, mas, sim, nas dos homens. Então, chamando a si a multidão e juntamente os seus discípulos, lhes disse: Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz, e siga-me. Pois quem quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, mas quem perder a sua vida por causa de mim e do evangelho, esse a salvará.’”
 
 
Hoje estamos lendo a Palavra no evangelho de Marcos capítulo 8 versículos 33 ao 35. Como sabemos bem, Jesus falou que ressuscitaria após morrer na cruz depois de ser deixado nas mãos dos anciãos, sumo sacerdotes e dos escribas para sofrer; Pedro, um discípulo de Jesus, tentou então impedir Jesus de ir adiante dizendo-Lhe que não deveria fazer isso. Mas Jesus repreende-o, dizendo:“Para trás de mim, Satanás! Não pensas nas coisas de Deus, mas, sim, nas dos homens” (Marcos 8:33). Jesus repreendeu Pedro chamando-o de Satanás. E Ele ajuntou Seus discípulos à sua volta e disse: “Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz, e siga-me. Pois quem quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, mas quem perder a sua vida por causa de mim e do evangelho, esse a salvará”.
 
 
Disse o Senhor: “Se Alguém Quiser Vir Após Mim, Negue-se a si Mesmo, Tome a Sua Cruz, e Siga-me.”
 
Jesus nos disse para carregarmos nossa própria cruz, mas isso não significa que devemos literalmente carregar uma cruz de madeira em nossas costas. A cruz Jesus Cristo, o Filho de Deus, disse que deveríamos carregar as dificuldades que apareceriam em nosso caminho e seguir o Senhor. O Senhor está nos dizendo aqui que devemos lançar fora todos nossos próprios pensamentos e segui-Lo porque não podemos segui-Lo se guardarmos esses pensamentos. Assim o Senhor disse: “Se alguém quiser vir após mim, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz, e siga-me.”
Na realidade, devemos desde já negar a nós mesmos. Se tivermos algo que pensamos que é grande, então devemos negar isso, e se tivermos algo que é vergonhoso então devemos negar isso também e seguirmos o Senhor. Também devemos negar as coisas que são boas aos nossos olhos. Existem muitas coisas que devemos negar. O Senhor disse que poderíamos segui-Lo somente quando negarmos a nós mesmos assim.
Quando eu penso apenas em termos carnais, eu gostaria que não tivesse nenhum problema. A primeira coisa que eu gostaria de ter é mais saúde para que eu possa fazer melhor a obra do Senhor. Isso é difícil porque meu corpo não é saudável embora minha mente esteja funcionando bem. Seria maravilhoso se pelo menos eu pudesse estar sempre com meus pensamentos em ordem, mas as dificuldades sempre surgem e já não consigo pensar tão claramente. E é mais difícil porque eu devo negar a mim mesmo com minha saúde debilitada.
Contudo, em se tratando de seguir o Senhor, eu acho que não há outro meio além de negar a nós mesmos e seguir a justiça do Senhor, já que é muito difícil segui-Lo quando pensamos que somos muito talentosos e também é difícil seguir o Senhor quando somos o oposto disso e nos tornamos desprezíveis. Às vezes nos parece difícil seguir o Senhor porque pensamos que isso nos causará dano. E em outras ocasiões pensamos que é difícil seguir o Senhor porque achamos que somos muito falhos para fazê-lo.
Porém, nosso Senhor diz que devemos negar esses dois modos de pensar. Devemos primeiro negar a nós mesmos a fim de segui-Lo. Em outras palavras, quando você e eu pensamos que somos grandes, devemos então negar nossa grandeza, e quando pensamos que somos muito falhos, também devemos negar isso para que possamos seguir o Senhor. Nosso Senhor disse isso aos Seus discípulos e a multidão. Assim eu sei que o Senhor disse essa Palavra para você e para mim também. Como podemos seguir o Senhor sem negar a nós mesmos? Como já disse, não podemos seguir o Senhor se formos grandes e também não podemos fazê-lo se formos muito miseráveis. Então, aquele que é grande deve humilhar-se e aquele que se humilha deve levantar-se pela fé na justiça de Deus. Isso significa que não podemos evitar de negarmos sempre a nós mesmos pela fé que crê na justiça de Deus. É assim que seguimos o Senhor.
É impossível seguirmos o Senhor com nossos pensamentos carnais. Seria fácil segui-Lo se tivéssemos apenas pensamentos espirituais, mas é difícil seguirmos o Senhor sem negarmos a nós mesmos porque frequentemente temos pensamentos carnais. Portanto, é difícil seguirmos o Senhor se não tirarmos esses pensamentos carnais quando eles surgem em nosso coração. Mas eu sei que tudo é possível pela fé. Podemos seguir o Senhor pela fé que crê na justiça de Deus e pela fé que crê no evangelho da água e do Espírito. Podemos muito bem seguir o Senhor se resolvermos segui-Lo mesmo em meio às dificuldades porque Ele fica conosco e nos guia.
Nós tivemos experiência em nossa vida com a Palavra do Senhor. Nossa vida espiritual verdadeiramente se torna melhor quando passamos por dificuldades. É porque nossa fé não cresce quando tudo está bem e não passamos por nenhum problema. Nos agarramos à justiça do Senhor durante esses tempos difíceis, enquanto, pelo contrário, esquecemos do Senhor quando tudo vai bem. Por isso o Senhor disse no evangelho de Marcos capítulo 8 versículo 35: “Pois quem quiser salvar a sua vida, perdê-la-á, mas quem perder a sua vida por causa de mim e do evangelho, esse a salvará.” Essa Palavra significa: “Você perderá sua vida se tentar salvá-la. Porém, você salvará sua vida se perdê-la pelo evangelho da água e do Espírito. Você ganhará se perder tudo pelo evangelho da água e do Espírito, por outro lado, você perderá tudo se tentar manter o que possui.”
Um ex-diretor executivo do Japão escreveu um livro intitulado “Jogue Muitas Coisas Fora para Ganhar”. Esta é a ideologia básica japonesa. O povo japonês é bom em aprender. Eles aprendem qualquer coisa com um coração humilde. Após aprenderem algo, eles o transformam e adaptam ao seu modo de vida e o recriam. O autor está dizendo que a pessoa deve jogar fora a si mesmo para ganhar. Isso significa que primeiro a pessoa deve se humilhar perante outra pessoa para depois receber algo; e com isso ele aprenderá. O Japão se tornou um país economicamente bem sucedido por causa dessa ideologia. O seu líder não se humilhou e se juntou ao presidente dos Estados Unidos a fim de vencer o mundo inteiro? Mas o presidente do nosso país discute com o presidente dos Estados Unidos com relação a vários assuntos, mas o primeiro-ministro do Japão pratica uma política amigável com ele usando de sabedoria humana. De qualquer forma, assim como os japoneses foram bem sucedidos com a ideologia “Devemos jogar muitas coisas fora para ganhar”, nosso Senhor também disse que primeiro devemos perder a fim de salvar a nossa alma e a vida de muitos que estão no pecado. O Senhor disse: “Mas quem perder a sua vida por causa de mim e do evangelho, esse a salvará”, e essa Palavra é a verdade.
Nós realmente ganhamos muito em beneficio do nosso Senhor se perdermos muitas coisas pelo evangelho da água e do Espírito. Porém, o Senhor não nos dá nada se não tentarmos perder aquilo que temos. Do contrário nos tornaremos pessoas que são lançadas fora pelo Senhor. Todos nós sabemos muito bem o que essa palavra significa em nossa vida espiritual, mas frequentemente nos esquecemos disso no nosso quotidiano. Podemos pensar que até poderemos fazer mais a obra de Deus se formos mais fortes, mais saudáveis e mais prósperos, mas nosso Senhor nos faz receber ainda mais coisas quando fazemos Sua obra em meio às dificuldades. O Senhor nos ajuda receber vida e também nos faz salvar ainda mais almas do pecado.
Todos querem ter uma vida espiritual em condições saudáveis. Contudo, enquanto perdemos muitas coisas em meio às dificuldades recebemos muitas bênçãos quando seguimos o Senhor, e também vivemos para o Senhor e para o evangelho, embora não seja fácil. Nós fazemos essa obra, isto é, pregar o evangelho da água e do Espírito por todo o mundo, o que não é tão fácil assim porque temos tido experiência e também crido no Senhor que nos dá muito mais ainda quando O seguimos em meio a essas situações difíceis. Para dizer a verdade, não temos seguido o Senhor até agora por nossa força física. Nós só pudemos segui-Lo pela paixão que Ele nos deu.
Nós O seguíamos com paixão quando éramos jovens e saudáveis, mas e agora? Seguir a Jesus não é tão fácil, não importa o quanto O amemos porque nosso corpo está cansado e doente. Hoje, vivemos com a seguinte determinação: “Eu só tenho que ir para o Senhor depois de fazer toda a obra que Ele me confiou”. O que mais nos resta? O apóstolo Paulo mostrou essa firme fé ao dizer: “Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia” (2 Coríntios 4:16).
Mas e quanto a alguém como eu? Mesmo meu eu interior fica frustrado e chateado quando minha carne fica fraca. Você pode não ser assim, mas não consigo fazer nada quando estou doente porque toda minha atenção vai para a minha dor. Porém, conforme o tempo passa, eu penso que é melhor seguir o Senhor mesmo sob essas circunstâncias. Então eu me concentro a dar o meu melhor ao fazer as obras que o Senhor me confiou antes de eu ir para Ele. Eu posso perder tudo que tenho se os outros puderem receber a salvação através dessa perda. Seria bom ir para o Senhor antes de Ele voltar, e também seria bom ir para Ele após servir o evangelho da água e do Espírito até Ele voltar. Que grande obra é essa de pregar o evangelho!
Não seria maravilhoso pregar o evangelho da água e do Espírito pela fé já que nossa vida neste mundo é tão difícil? Hoje em dia quando tentamos pregar o evangelho da água e do Espírito para as pessoas, a maioria diz: “Você está dando seu melhor. Você crê nisso! Isto não tem nada a ver comigo”, porque elas estão prontas para mostrar seu próprio jeito de pensar sem sequer hesitar. Então, agora estamos pregando o evangelho da água e do Espírito pelo mundo todo através do ministério de literatura. Também esperamos e oramos que o Senhor nos abençoe com coisas materiais porque não podemos nem enviar nossa literatura crista se não tivermos coisas materiais.
As pessoas deste mundo logo dão apoio quando algo parece ir bem, mas elas vão embora na mesma hora quando as coisas não vão muito bem. Muitas pessoas seguiam a Jesus quando Ele estava operando maravilhas, como o milagre dos cinco pães e dois peixes e curou o endemoninhado e o enfermo, mas todos foram embora quando Ele disse: “Comam da Minha carne e bebam do Meu sangue”. Acontece o mesmo no tocante a fazer a obra de Deus. Muitos vão à igreja quando a obra de servir esse evangelho vai bem e parece que receberão glória, mas ficam todos desapontados e deixam a igreja quando essa obra não vai bem e as coisas não parecem tão boas assim. Nem todos são iguais, mas infelizmente muitos são assim. De qualquer forma, eu creio que Deus nos abençoa em todo nosso trabalho pela pregação do evangelho.
Disse o Senhor: “Mas quem perder a sua vida por causa de mim e do evangelho, esse a salvará”, e nós só temos mesmo uma vida. Nós empregaremos todos os nossos esforços e métodos para pregar o evangelho da água e do Espírito no mundo inteiro. Não temos nenhuma outra meta além dessa. É porque não existe nenhuma outra obra neste mundo que valha a pena viver do que a pregação do evangelho da água e do Espírito. O processo da vida humana é claro. Consequentemente todos ficarão doentes e morrerão depois de comer e beber durante toda sua vida. As pessoas deste mundo realmente se tornam miseráveis quando ficam velhas. Elas devem ter vivido com orgulho e pompa quando eram jovens, mas morreram sem esperança quando envelheceram.
Porém, os que creem no evangelho da água e do Espírito e vivem para a evangelização deste evangelho não são miseráveis de forma alguma. Nós vivemos a cada dia com esperança no Reino dos Céus fazendo essa valiosa e honrada obra porque recebemos a Grande Comissão de pregar o evangelho da água e do Espírito. Assim, eu quero que nós nos tornemos pessoas que desfrutam das bênçãos que vêm do Senhor e da pregação do evangelho da água e do Espírito. E quero que vocês tenham fé de que o Senhor certamente suprirá todas as suas necessidades.
Não há nada que podemos ganhar nesta terra se pensarmos carnalmente. Contudo, podemos alegremente oferecer a nós mesmos ao Senhor pela fé porque não viveremos neste mundo para sempre. Além disso, o tempo aqui passa rápido porque nosso Senhor está para vir cedo ou tarde. O meu cabelo já não ficou grisalho, embora eu tenha encontrado o Senhor na mesma idade desses jovens irmãos e irmãs aqui? Por isso eu peço isso a vocês. Eu aconselho vocês a perderem muitas coisas pela pregação do evangelho do Senhor e a viverem para Ele. Então, com certeza vocês não se arrependerão.
Eu quero que vocês e eu nos encontremos com o Senhor depois de vivermos pela fé que crê no evangelho da água e do Espírito.