Sermões

Assunto 20: A ORAÇÃO DO SENHOR

[20-3] (Mateus 6:10) Os Obreiros que Edificam o Reino de Deus nessa Terra

(Mateus 6:10)
“Venha o teu reino,
Seja feita a tua vontade,
Assim na terra como no céu.”
 
 
Como foi o seu café esta manhã? Você dormiu bem essa noite? Eu espero que sim. Eu dormi muito bem. Se você não estiver se sentindo bem aqui neste Centro de Treinamento, não deixe de falar com os membros da nossa equipe. E se você precisar de alguma coisa, fale conosco.
Hoje, vamos estudar novamente a oração que o Senhor nos ensinou. Mateus capítulo 6 versículo 10 diz: “Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu”. É neste versículo que eu quero me concentrar hoje.
Nosso Senhor disse: “Portanto, vós orareis assim”. A primeira lição é orar assim: “Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome” (Mateus 6:9). Então, temos que orar de uma forma que glorifique o nome do Pai. A segunda lição é orar assim: “Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu”. Foi assim que nosso Senhor nos disse que temos que orar pelo Reino de Deus. Deus separou Seu povo nessa terra e disse a ele para edificar Seu Reino aqui. A ordem que Deus deu aos justos também era para que “Sua vontade fosse feita nos céus e na terra”.
 
 
Nosso Propósito de Vida Deve Ser Estabelecer o Reino de Deus nessa Terra
 
Quem somos nós diante de Deus? Nós somos soldados de Cristo. Nós que recebemos a remissão de pecados somos soldados de Cristo. Para que os soldados de Cristo lutam? Eles lutam para estabelecer o Reino de Deus nessa terra. Isso foi algo importantíssimo que o Senhor nos ensinou na Sua oração.
Nós estamos pregando o evangelho no mundo todo agora. O verdadeiro evangelho não está sendo pregado por ninguém mais senão por nós que recebemos a remissão de pecados pela fé no evangelho da água e do Espírito. O que significa a obra que estamos fazendo? Estamos apenas nos exaltando por causa da nossa riqueza e conhecimento? Estamos usando Deus para nos exaltarmos? O que nós estamos fazendo agora? Eu te digo com toda sinceridade que estamos pregando o evangelho para edificar o Reino de Deus nessa terra. Nós estamos edificando o Reino de Deus em todo o mundo agora pregando o evangelho da água e do Espírito. Nós estamos pregando o evangelho da água e do Espírito em todos os países dos seis continentes, no Brasil e nos Estados Unidos, na Índia e na Nigéria, na Austrália e na Holanda. Portanto, estamos edificando o Reino de Deus em toda a terra. É por isso que somos os edificadores do Reino de Deus.
Nós somos soldados de Cristo. Nosso propósito é edificar o Reino de Deus nessa terra. Estamos pregando o evangelho e engajados numa luta espiritual contra o poder das trevas a fim de edificar o Reino de Deus nessa terra.
 
 
O Rei Davi Também era um Guerreiro do Reino de Cristo
 
Se lermos dos capítulos 8 ao 10 de 2 Samuel, veremos que todos eles descrevem uma guerra espiritual. Depois que Davi se tornou rei de Israel, ele lutou contra muitas nações e as conquistou, incluindo os moabitas, os filiesteus e os árabes. Depois dos dias de Abraão e de Moisés, vieram os dias dos juízes. Depois disso, Deus ungiu Davi com rei de Israel. Davi lutou contra muitas nações vizinhas e as conquistou. A bíblia nos traz muitos relatos nos quais Davi lutou contra seus inimigos e os venceu.
Por que houve tantas guerras no Antigo Testamento? Davi estava sempre em guerra e conquistou as terras dos moabitas, dos filisteus e dos amonitas. As nações conquistadas foram subjugadas e seu povo escravizado. Uma vez escravizados, eles tinham que adorar a Deus. Foi por isso que Deus se agradou de Davi.
Davi era um homem de fé que temia a Deus e buscava Sua orientação em tudo. E mesmo sendo rei, ele viveu para Deus. “Só Jeová e nenhum outro é o verdadeiro Deus da nação de Israel”. Assim, o rei Davi declarou que Jeová era o único Deus. Davi era muito amado por Deus, pois ele não vivia para sua glória, mas para a glória de Deus. Por isso, Ele lhe deu muitas bênçãos. E essas bênçãos aumentaram no reinado de seu filho Salomão.
Após Davi se tornar rei de Israel, ele continuou lutando e vencendo. Isso quer dizer que ele edificou o reino de Cristo na sua nação segundo a vontade de Deus. Deus se agradava de Davi porque ele era fiel à causa do Reino de Deus, lutando sem cessar contra as nações inimigas para edificá-lo. Isso é verdade porque aquelas não eram simplesmente guerras humanas, mas guerras espirituais travadas para estabelecer o Reino de Deus. Como conseqüência, Deus abençoou muito a Davi e fez com que ele conquistasse muitas nações. Deus começou a edificar Seu Reino muito tempo atrás e se agradou em fazer isso.
De fato, nosso Senhor nos ensinou a orar assim: “Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu” em Sua oração para que nós que recebemos a remissão de pecados pudéssemos estabelecer o Reino de Deus nessa terra. “Viva para edificar o Reino de Deus. Ore por isso. Deste modo, lute como soldado e derrote os seus inimigos. Subjugue os seus inimigos pelo evangelho. Aí então, leve-os a crer nele. Mostre a eles que os deuses que eles adoram são falsos. E faça com que eles se tornem povo de Deus. Leve-os a se render a Deus para que eles possam ser o Seu povo. Pregue o evangelho da água e do Espírito que faz com que tudo isso se torne realidade. Portanto, edifique o Reino de Deus. Faça isso no mundo todo, em todas as nações. Faça com que cada pessoa se entregue a Jeová, leve-as a servi-Lo e a fazerem parte do Seu povo”. Esta é a vontade de Deus para nós.
Nós estamos servindo ao evangelho agora. Aqueles que receberam a remissão de pecados crendo no evangelho da água e do Espírito estão servindo ao evangelho. Deus nos disse que devemos nos unir com o objetivo de pregar o evangelho. Ele nos disse para estarmos na Igreja e fazermos a obra que ainda precisa ser feita. Por isso, em obediência a Deus, nós fazemos a obra sem parar. Não há a tempo a perder. Nós sempre fazemos um pouco mais e depois descansamos um pouco mais também. Entretanto, a obra de Deus nunca pára e não há tempo a perder.
 
 
O que Nosso Senhor Quer de Nós?
 
Nós de fato recebemos a remissão de pecados, e por isso temos que saber exatamente o que Deus quer de nós. Como diz a expressão: “Venha o teu reino”, o que Deus realmente deseja é nos dar o Reino dos Céus enquanto nós edificamos Seu Reino nessa terra. Deus disse que nós temos que receber a remissão de pecados para libertar muitas almas no mundo todo. E é claro que nós sabemos que nossa missão é salvar almas no mundo inteiro. Se nós conhecermos bem a missão que nos foi confiada depois que recebemos a remissão de pecados pela Verdade do evangelho da água e do Espírito, e se conhecermos de fato qual é o propósito e a vontade de Deus, eu creio que nosso objetivo na vida será muito mais claro e definido.
Falar sobre a salvação de almas pode até parecer repetitivo, mas não há mal algum em enfatizar sempre este assunto. Isso porque nosso dever como soldados cristãos que somos é viver em obediência para edificarmos o Reino de Deus nessa terra. Nós temos que ter isso gravado no fundo do nosso coração e crer nisso. Se nós os santos e servos de Deus tivermos como objetivo principal da nossa vida edificar o Reino de Deus, ele crescerá conforme anunciarmos o evangelho. Embora cada um tenha uma função diferente a realizar, nós temos que ser fiéis à pregação do evangelho naquilo em que fomos chamados.
Às vezes nós enfrentamos lutas para pregar o evangelho. Ao invés de nos dar atenção, algumas pessoas riem de nós. E quando alguns se opõem ao evangelho da água e do Espírito, não entendem o verdadeiro valor dessa jóia preciosa e o tratam com indiferença, isso magoa nosso coração. Tem muita gente que o joga no vaso e dão descarga, não reconhecendo o seu verdadeiro valor. Tem horas que eu não estou disposto a pregar o evangelho, e isso acontece justamente quando eu encontro aqueles que se opõem a ele. Para ser bem sincero, uma vez eu pensei em descansar um pouco e não pregar o evangelho.
Pouco tempo atrás, eu parei de trabalhar por causa de uma diarréia. Depois de sofrer por três dias, eu não conseguia nem ir mais ao banheiro, quanto mais trabalhar. Então eu senti que tinha que tomar algum remédio. Aí eu me lembrei de ter visto na televisão que a diarréia é causada quando nosso corpo tenta expulsar alguns germes que fazem mal a ele. Eu então tomei um remédio para impedir meu corpo de expulsar estes germes e acabei ficando pior ainda. Então, eu tive que suportar a dor sem tomar mais nenhum remédio. Eu vi que aquela história não tinha nada a ver e tive que suportar a dor sem tomar remédio. A diarréia então continuou. E por mais que eu comesse, ela não acabava. Você não tem idéia de como eu sofri. Foi terrível.
Você acha chato quando ficam te mandando pregar o evangelho toda hora? Foi nosso Senhor que nos disse que nós temos que pregar o evangelho da água e do Espírito. E ouvimos isso todos os dias. E já que ouvimos isso todos os dias até nos cansarmos, meu coração não se sente cansado também? Você não está nem um pouco cansado? “Cara, eu não agüento mais. Toda vez que ele abre a boca ele fala as mesmas coisas. Mesmo parecendo que isso é o certo a fazer, eu já estou cansado disso”. Você já deve ter se sentido assim. Assim como nós enjoamos de uma comida quando a comemos sempre, por mais que ela seja boa, às vezes nós ficarmos cansados de ouvir: “Pregue o evangelho da água e do Espírito. Sirva ao evangelho da água e do Espírito”, apesar de isso ser verdade e o modo correto de se viver.
Apesar disso, por que nosso Senhor continua nos dizendo a mesma coisa, dia após dia? Ele deu à Igreja o evangelho da água e do Espírito e recebemos a remissão de pecados crendo neste evangelho. Por que o Senhor nos diz para pregarmos o evangelho então? A expressão “venha o teu reino” nos diz que devemos pregar o evangelho e edificar o Reino de Deus a fim de que todos neste mundo possam receber a remissão dos seus pecados. Os soldados de Cristo têm que viver para edificar o Reino de Deus, pois é isso que Ele quer. É por essa razão que o segundo assunto tratado na oração do Senhor é este: “Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu”.
Nosso Deus e Pai tinha um plano em Jesus Cristo antes de criar o universo. O plano de Deus era fazer com que o máximo de pessoas recebessem a remissão de pecados em Jesus Cristo, a fim de que edificassem Seu Reino. Seu plano também era ter muitos filhos para viverem com Ele. Isso já foi realizado no Reino dos Céus, mas não na terra. É por isso que a ordem de Deus é para edificarmos Seu Reino em cada nação dessa terra. E Ele nos disse para orarmos por esta missão.
Você e eu somos soldados de Cristo. Mesmo sendo fortes ou fracos, não deixamos de ser soldados de Cristo. Mesmo sendo obreiros ou simples irmãos, todo aquele que recebeu a remissão de pecados é um soldado de Deus. E os irmãos de nossa Igreja são melhores obreiros do que os pastores deste mundo. E mesmo nossos irmãos sendo tentados com propostas de emprego muito lucrativas para os tirarem da Igreja, eles nunca se rendem a essas tentações e preferem continuar sendo parte dela. Onde quer que estejamos, em todo o tempo, temos que meditar no evangelho, viver para ele e estar ocupados com a obra de Deus. Portanto, todos nós somos saldados de Cristo.
Soldados de Cristo sempre vão para o campo de batalha. Eles lutam pelo Reino de Deus. Eles pregam o evangelho da água e do Espírito. Mostrando primeiramente se as pessoas são pecadoras ou não, eles ensinam quem é Deus, quem é Jesus Cristo, por que Ele veio a este mundo, de que modo Ele veio e nos libertou, e se o que cremos está certo ou não. Deste modo, eles fazem com que os ímpios se rendam a Cristo e se tornem Seu povo. Além disso, eles enviam estas pessoas para as igrejas certas. É assim que se edifica o Reino de Cristo. E eles estão de fato edificando o Reino de Deus nessa terra.
O evangelho não está restrito a um país. O mundo inteiro é o lugar onde o Reino de Cristo deve ser edificado. Por isso, não podemos ficar no nosso país, mas temos que enviar nossos soldados para edificar o Reino de Deus em outras nações. Nós temos que edificar o Reino de Deus em cada parte dessa terra. Deus se agrada quando edificamos Seu Reino em cada cidade, em cada região, em cada nação. Este era o objetivo que Jesus Cristo queria alcançar ao vir a este mundo. Jesus Cristo venceu Satanás e edificou o Reino de Deus libertando Seu povo que caiu na armadilha do diabo e estava morrendo por causa do pecado. Jesus Cristo, que é o Rei, é quem cuidará do Seu povo no Reino de Deus. Ele nos salvou para sermos Seus soldados, a fim de que pudéssemos receber todas as Suas bênçãos nessa terra.
Você e eu somos soldados de Cristo. E soldados lutam todo dia. Mas isso não significa matar as almas para trazê-las à vida depois. Quando pregamos a Palavra de Deus àqueles que caíram em pecado e estão confusos, nós livramos sua alma do pecado e da confusão. Se nós sabemos que somos soldados de Cristo e Deus quer que edifiquemos Seu Reino em cada região e em cada nação dessa terra, pregar o evangelho será uma alegria para nós.
Porém, nós temos que matar essas pessoas espiritualmente primeiro mostrando a elas os seus pecados. E àquelas que reconhecerem que merecem morrer por causa dos seus pecados e que realmente morrerem para a Lei, nós temos que trazer uma nova vida pregando o evangelho da água e do Espírito. Aqueles que crêem que morreram para o pecado pelo batismo de Jesus recebem a remissão de pecados e uma nova vida. As bênçãos celestiais são abundantes sobre eles, pois eles encontraram o evangelho da água e do Espírito e crêem nele de coração.
Os nascidos de novo pertencem ao Reino de Deus. Eles são soldados de Cristo, povo de Deus e Seus filhos. Mas até que eles se tornem soldados de Cristo, às vezes nós os matamos e trazemos de volta à vida. Depois de nutri-los com a Palavra de Deus, nós nos alegramos de dar a luz a uma nova vida. Essa alegria é algo muito especial porque nem todos têm o poder de dar a vida e de tirá-la também.
 
 
Nós Somos Obreiros que Estão Edificando o Reino de Deus
 
Nossa alegria é ainda maior quando fazemos a obra de Deus, pois estamos edificando Seu Reino através dela. Cada nação no mundo todo é um campo onde temos que edificar o Reino de Deus. Mas só os soldados espirituais que nasceram de novo pelo evangelho da água e do Espírito é que podem ter o poder para edificar o Reino de Deus. E nos alegramos muito porque é Deus quem se alegra da nossa obra e a financia. É assim que nós estamos edificando o Reino de Deus. Essa é a tarefa especial que o Senhor nos confiou. Este é o chamado de Deus na nossa vida.
Você e eu somos soldados de Cristo. Mas eu não estou dizendo que devemos ser soberbos por sermos o povo de Deus e soldados de Cristo. O que eu estou dizendo é que temos que ter fé para vivermos como soldados de Cristo. Quando estamos cientes da nossa responsabilidade, nós podemos andar de forma correta sem nos desviarmos. Deus está edificando Seu Reino aqui na terra. Este é o desejo de Deus. E eu não tendo dúvidas de que você e eu somos soldados de Cristo. Quando eu penso que o Senhor quer edificar o Reino de Deus em todo o mundo, eu sinto a grande responsabilidade de pregar o evangelho como soldado que sou.
Qual é o dever do soldado? Seu dever é lutar contra o inimigo. Com espada e lança nas mãos, ele vai para o campo de batalha para matar o inimigo. Todo aquele que resiste a ele é destruído, mas aqueles que se rendem levantam uma bandeira branca, são capturados e se tornam cidadãos do seu país. Mas e você? Você sabe qual é o seu dever?
Já que nós somos soldados de Cristo, temos que tornar todos os nossos prisioneiros filhos de Deus, fazendo com que eles recebam a remissão de pecados. As cadeias do pecado que os prendiam têm que ser quebradas. Seu coração, antes cativo por Satanás, tem que ser liberto para que eles possam nascer de novo. Nós temos que fazer isso por eles. Nós somos soldados que trazem para eles a bênção de se ter uma vida com Deus, algo que os leva a desfrutar da verdadeira alegria.
Você e eu temos que ser soldados de Cristo. Isso é tudo que fazemos além de comermos. Nós libertamos muitas almas aprisionadas pelo diabo no mundo inteiro pregando para elas o evangelho da água e do Espírito. E quando elas passam a crer, nós as levamos de volta a Deus e cumprimos a tarefa que Deus nos designou com soldados de Cristo. Tudo que temos a fazer é cumprir as ordens que o Senhor nos deu. É isso que agrada o Senhor.
 
 
Nós Temos que Alcançar o Mundo Inteiro com o Evangelho
 
Nosso Senhor se agrada em edificar Seu Reino nessa terra. E se conhecermos realmente Sua vontade, pregar o evangelho será algo agradável para nós. Nosso país, que podemos cobrir com o dedão no mapa, não é o último lugar onde o Reino de Deus foi edificado. Quantos países há no mundo? Dizem que há mais de 220 países. E nós já plantamos pelo menos 5000 igrejas no mundo todo.
Na verdade, há muitas regiões no nosso país onde o Reino de Deus ainda não foi edificado. Mas nós temos que edificar o Reino de Deus não apenas nessas regiões da Coréia, mas no mundo inteiro. E o que nós precisamos fazer para cumprir essa tarefa? Temos que travar essa batalha para edificarmos a Igreja de Deus e fazer com que as pessoas receberam a remissão dos seus pecados ouvindo o evangelho da água e do Espírito assim que chegarmos. Se nós formos vitoriosos e todos receberem a remissão de pecados, a Igreja e seus líderes permanecerão. Aí então, o Reino de Deus será estabelecido ali. Deste modo, nós ocuparemos esse país.
Assim como Davi lutou contra os filisteus e os exterminou depois que se tornou rei, nós temos que lutar contra aqueles que são contra Deus nesse país. Primeiro, devemos encontrar alguém ali que está disposto a crer no evangelho da água e do Espírito e receber a remissão de pecados, e torná-lo um aliado pregando para ele o evangelho da Verdade. Assim, nós teremos guerreiros preparados naquele lugar. Nós o colocamos como líder e nosso poder aumenta ao recrutarmos mais soldados. E depois de preparamos uma estratégia, é hora de começar uma guerra expansiva. É assim que nós vencemos a guerra da fé e edificamos o Reino de Deus em cada país. Se tivermos essa fé, jamais nos cansaremos de pregar o evangelho e continuaremos pregando-o com toda alegria, porque essa é a vontade de Deus.
Deus edifica Seu Reino em cada região e em cada nação através de nós. Você crê que Deus trabalha através de nós? Eu trabalho com fé crendo que pregar o evangelho é a própria obra que edifica o Reino de Deus no mundo inteiro. Eu não prego o evangelho em proveito próprio, mas para edificar o Reino de Deus. Nós estamos edificando o Reino de Deus nos Estados Unidos agora, assim como no Paquistão e em outros países islâmicos. Deus transforma em guerreiros os pastores destes países dando a eles a remissão de pecados, a fim de que eles edifiquem o Reino de Deus ali. Deus também está edificando Seu Reino na Índia assim como em toda a África. Você crê que Deus está nos usando para este propósito?
Amados irmãos, nós que nascemos de novo da água e do Espírito não somos pessoas comuns. Nós somos os soldados de Cristo. E já que sabemos que somos importantes assim, temos que ter consciência do grande desafio que temos nas mãos. Do mesmo modo, se estivermos conscientes da nossa função como soldados de Cristo, nós nos alegraremos em tomar parte nesta guerra. Aqueles que não se alegram em participar dessa guerra não são verdadeiros soldados de Cristo. Pessoas comuns têm medo das guerras porque elas não podem fazer nada a respeito. Mas os soldados se preparam para a guerra e esperam ansiosos por este momento. E já que tudo que eles fazem é se preparar para a guerra, o moral da tropa tem que estar sempre elevado até que ela aconteça. E quando estoura a guerra, como eles se sentem felizes por poder provar seu patriotismo! Isso acontece porque eles juram lealdade para manter a soberania do seu país quando este está em guerra.
É por isso que os soldados têm algo chamado “moral”. Eles lidam com cada situação como se estivessem em guerra e procuram estar sempre preparados para travá-la. “Nós somos o Esquadrão Esqueleto! Estamos esperando o dia da vingança. Podem vir. Nós atiramos, lutamos e treinamos para o dia em que os esmagaremos debaixo dos nossos pés”. O moral dos soldados está sempre alto quando são chamados para a ação. Todos os dias eles se preparam para o dia da batalha.
Mas apesar de eles se prepararem tanto, a guerra nunca acontece. Após a guerra da Coréia, não houve mais nenhuma guerra em nosso país. O que aconteceu então? Nossos soldados ficaram preocupados se suas namoradas estavam traindo-os ou não, desertaram e foram presos. Outros se preocuparam tanto com sua família que ficaram deprimidos e cometeram suicídio. Os soldados que se preparam para guerra e procuram sempre ter seu moral elevado acabam perdendo a cabeça quando ela não acontece.
Os soldados do nosso país hoje em dia nem parecem soldados realmente. Eles nem varrem a neve depois de uma nevasca. Que tipo de soldado é esse que não faz nem o mínimo que é exigido dele? A verdade é que os soldados têm que treinar duro para que não fiquem com a mente vazia. Qual é o dever de um soldado? Os soldados têm que ser treinados, mas como eles vão treinar se nenhuma tarefa é dada a eles?
Na verdade, os oficiais hoje só estão preocupados com a deserção dos seus soldados e não os treinam com intensidade. Os soldados têm mais folgas hoje em dia do que treinamento, pois quando desertam isso atinge os generais no alto escalão. Mas o que eles precisam é de um treinamento intenso a fim de que não tenham tempo de ficar pensando em suas namoradas, na sua família e acabarem desertando. Os que passaram por um duro treinamento militar se tornaram seres humanos melhores e ganharam maturidade para honrar seus pais. Homens ganham maturidade quando prestam serviço militar. Mas o treinamento fraco os impede de ganhar maturidade e de ver como o mundo real é duro.
O mesmo se aplica ao exército espiritual. Para ser sincero, você e eu passamos por muitas dificuldades enquanto servimos ao evangelho. Tem vezes que as obrigações são tão cansativas que desejamos tirar pelo menos alguns dias de férias num lugar maravilhoso. Tem vezes que o calor nos cansa mais ainda. Tem vezes que é difícil demais fazer a obra. “Tem problema se servirmos um pouquinho de cada vez? Afinal de contas, temos servido ao Senhor todo dia. Meu irmão, como pode alguém nos fazer trabalhar tanto assim sem nenhum descanso? Vamos descansar um pouco”.
Por que não precisamos de descanso? Nós trabalhamos duro dia após dia não porque não sabemos como nos divertir, mas porque há muito a fazer. Quando um livro é traduzido para o inglês, a obra não pára aí. Nós temos que traduzi-lo depois para cada idioma do mundo. Há cerca de 220 países no mundo, e nós temos que traduzir nossa literatura no mínimo para 40 ou 50 deles. Há muitos livros para serem traduzidos, editados, publicados em formato eletrônico, impressos e enviados a cada destino. Nós também temos que imprimir nossos folhetos. Há muito trabalho a fazer. E nós também temos muitos pedidos de oração para responder. Tudo isso requer muito dinheiro. Então, quanto trabalho temos que fazer? Ainda há muito a ser feito. E nós fazemos tudo isso sem hesitar porque isso é necessário para estabelecermos o Reino de Deus.
Cada nação tem uma língua diferente. E para pregarmos o evangelho da água e do Espírito para elas, temos que traduzir nossas mensagens para sua língua nativa. É por isso que temos que traduzir nossa literatura para cada idioma. E já que nós não podemos ir a todas as nações para pregarmos o evangelho nelas pessoalmente, publicamos nossa literatura cristã e enviamos nossos livros para elas. Através dessa obra, o Reino de Deus está sendo edificado nestes lugares. E embora não saibamos o resultado do nosso trabalho, Deus fará com que tudo aconteça, pois esta é Sua obra. Tudo que nós temos a fazer é dizer sim sempre que Ele nos mandar fazer algo. Embora nós soldados de Cristo sejamos a minoria, ainda assim podemos pregar o evangelho juntos no mundo inteiro.
Pregar o evangelho não é uma tarefa fácil. Entretanto, se fôssemos pregar o evangelho a cada pessoa individualmente a fim de que elas recebessem a remissão de pecados, a obra não seria tão difícil. Mas nosso objetivo não é somente pregar o evangelho. É expandir o Reino de Deus.
Mas não nós podemos expandir o Seu Reino de qualquer maneira. Como podemos fazer isso então? Para alcançarmos um objetivo diferente, temos que usar um método diferente. A fim de expandirmos o Reino de Deus nessa terra, que é o que Deus deseja, usamos todos os nossos esforços aliados ao Seu poder, pois nós mesmos não somos nada.
 
 
Nossa Mente Mudou
 
Eu achava que pregar o evangelho era tudo que eu tinha a fazer, mas minha mente mudou. Embora tenhamos trabalhado duro para pregar o evangelho, o problema mudou já que nosso objetivo e nosso alvo também é a expansão do Reino de Deus, e não apenas a pregação do evangelho. Para que o Reino de Deus seja edificado, o evangelho tem que ser pregado a fim de que todos recebam a remissão de pecados. O Reino de Deus será edificado em cada parte deste mundo quando as Igrejas de Deus forem edificadas através dessas pessoas. Nós não temos tempo para mais nada senão para construirmos Igrejas de Deus. Temos que travar essa guerra espiritual com o moral alto para expandirmos o Reino de Deus. Nosso coração, nossa mente e nosso propósito devem estar de acordo com o que Deus deseja realizar. E nós temos que preparar nosso corpo e nossa mente para isso.
Já que eu também sou um ser humano, eu às vezes preciso descansar. Tem vezes que me dá vontade de reunir toda minha equipe de obreiros e descansar um pouco. Mas sempre que eu penso: “Rapaz, como eu gostaria de descansar um pouco!”, meu coração muda de idéia quando eu vejo meus obreiros trabalhando duro em silêncio. Eu percebo como o meu desejo de descansar é infantil quando eu vejo outros trabalhando duro para fazer a obra de Deus, suando como nos dias quentes de verão. Ou seja, eu vejo meus obreiros trabalhando duro no computador, enviando e-mails, embalando livros para enviarem aos justos do mundo todo e levantando recursos para apoiar a obra de Deus.
Na verdade, cada um de nós se ocupa de muito trabalho. E por esse trabalho excessivo ter um custo para o nosso corpo, precisamos descansar sempre. Eu não estou dizendo que temos que trabalhar sem descansar, mas que temos que trabalhar para o Senhor e descansar também. Para nós, trabalhar e descansar é fazer a obra de Deus também.
Tudo acontece quando fazemos a obra de Deus. Todavia, o mais importante é onde está o propósito do nosso coração. Nós temos que nos lembrar que nosso Senhor nos mandou orar e viver assim. Nós temos que saber qual é a vontade de Deus e unir nossos esforços para cumpri-la. Mas o que nosso Senhor nos disse para fazermos depois que recebemos a remissão de pecados? Ele nos disse para edificarmos Seu Reino nessa terra. Tudo que temos a fazer é edificar o Reino de Deus.
Embora a vontade de Deus inclua a pregação do evangelho, Seu objetivo principal é edificar Seu Reino para que Cristo reine como Rei, receba adoração e glória. É isso que Deus deseja. Além disso, Cristo deseja que todos nessa terra recebam a remissão de pecados para que Ele possa dar Sua graça àqueles que a receberam. Ele quer nos vestir com a graça da salvação, de bênçãos, de glória, de paz, de riquezas e do Seu esplendor. Nós sabemos que isso é verdade e cremos nisso. Meus amados irmãos, vocês crêem nisso também? Nós cremos nisso. É assim que nós temos vivido até agora, servindo ao evangelho e crendo em tudo isso.
Depois que eu comecei servir ao Senhor, chegou uma hora que eu percebi que tinha que orar como Ele nos ensinou. Mas embora eu precisasse fazer isso, a hora certa ainda não havia chegado. Então, chegou o dia em que eu finalmente comecei a pregar a Palavra e sobre as bênçãos de Deus.
Eu entendi que Deus está nos dizendo para edificarmos Seu Reino nessa terra. Deus nos disse para edificarmos Seu Reino nessa terra e nos ajudou a levantar Seus obreiros e santos para lutarem essa guerra espiritual e fazermos isso. Eu também entendi que nosso Senhor chamou a todos nós como guerreiros e soldados de Cristo. Ele nos colocou nessa terra como Seus guerreiros e soldados. E quando nós oramos por este propósito, Deus responde nossas orações e nos ajuda. Na verdade, Ele trabalha através de nós.
Deus fez com que a internet se desenvolvesse bem rápido. Eu acho que isso aconteceu para que nós pudéssemos pregar o evangelho no mundo inteiro através dela. Até mesmo no nosso país, a internet surgiu há poucos anos. Mas ela se tornou líder no que diz respeito a essa nova tecnologia. A internet hoje é uma tendência mundial. Você ficaria surpreso de saber quantas pessoas em nosso país são internautas. De idosos a crianças, todos sabem usar o computador e a internet. Isso é um grande desenvolvimento. O mundo todo segue essa tendência. E isto não se limita apenas aos países desenvolvidos. A internet está alcançando até mesmo os países subdesenvolvidos.
Muita gente costumava ir ao correio para enviar uma carta, pois sua função principal é entregar e receber correspondências. Porém, o volume de cartas diminuiu tanto que o que o correio mais faz agora é entregar produtos. Nos postos do correio, as cartas estão diminuindo, enquanto que a entrega de produtos tem aumentado. Isso deve-se ao desenvolvimento da logística e das telecomunicações, e muito mais por causa do envio de e-mails.
Eu creio firmemente que este desenvolvimento da internet aconteceu porque Deus quer que Seu Reino seja edificado bem rápido nessa terra. E já que estamos pregando o evangelho pela internet, nós podemos alcançar as regiões mais remotas deste mundo com ele sem termos que ir lá. Aqueles que procuram o verdadeiro evangelho podem visitar nosso website. Ali, nós apresentamos a eles o evangelho da água e do Espírito. E assim que passam a crer nele, eles começam a participar da edificação do Reino de Deus.
Nosso Senhor nos ensinou Sua oração com este propósito. É isso que quer dizer a frase: “Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu”. Assim como diz esta frase, o Reino de Deus com certeza será estabelecido nessa terra. O evangelho alcançará cada parte deste mundo e o Reino de Deus será estabelecido em cada nação. Ou seja, obreiros e crentes como você se levantarão em cada nação para travar esta guerra espiritual. Se nós simplesmente servirmos ao evangelho, acabaremos perdendo a nossa fé e caindo espiritualmente. Para falar a verdade, é mais fácil suportar as lutas do que o tédio. E Deus sabia que só pregar o evangelho nos deixaria entediados. Por isso que Ele nos deu também a grande tarefa de edificar Seu Reino. Trabalhar para edificar o Reino de Deus não é algo chato. É uma outra área do ministério à parte da pregação do evangelho.
“Você é pecador ou justo? Pecadores não fazem parte do povo de Deus, apenas os justos. Diferentemente dos pecadores, os justos têm um objetivo específico em sua vida. Eles são de um lugar diferente e diferentes de todas as formas. Por mais que tentem, os pecadores são apenas pecadores deste mundo. Você sabe como se tornar justo?” Quando cremos de coração que somos obreiros que estão estabelecendo o Reino de Deus e soldados celestiais, nossa linguagem assim como nosso estilo de vida mudam totalmente. A maneira de pregar o evangelho passou a outro nível.
“Embora sejamos parecidos por fora, você e eu temos uma diferença crucial. Você sabe o que é? A diferença está no nosso coração. Ao invés de pecado, eu tenho o Espírito Santo no meu coração. E você? Você não tem pecado no coração? É isso que eu quero dizer com outro nível. Além disso, você e eu teremos um fim diferente. Por mais que tente, você acabará indo para o inferno. Eu, por outro lado, irei para o Céu. Seus últimos dias serão miseráveis, cheios de maldição. Os meus serão fabulosos, cheios de paz e alegria. Em outras palavras, eu sou um santo escolhido por Deus que recebeu a remissão de pecados por crer no evangelho da água e do Espírito dado por Cristo. Você, por outro lado, será amaldiçoado por ter trabalhado para Satanás. Se você quiser escapar do diabo e se tornar um filho de Deus, é melhor ouvir atentamente o que eu vou te dizer agora. O que eu vou te dizer agora não são minhas palavras, mas a Palavra de Deus. Se você crer na Palavra de Deus, é ela que te dará a remissão de pecados”.
“Todos os seus pecados foram passados para Jesus Cristo quando Ele foi batizado por João Batista. Jesus levou todos os nossos pecados e morreu na cruz, e por isso todos os nossos pecados foram apagados. Se você crer que Jesus ressuscitou ao terceiro dia, você também ressuscitará com um corpo santo e irá para o Reino de Deus. Esta é a Palavra do evangelho da água e do Espírito propriamente dita, e você irá para o Reino de Deus se crer nela. Você terá a oportunidade de dedicar a sua vida à pregação do Reino de Deus, algo que nosso Senhor te chamou para fazer. Quando tudo que você fizer for para Deus, Seu Reino finalmente será estabelecido nessa terra. Aqueles que receberam a remissão de pecados têm que seguir a Deus”.
Meus amados irmãos, se pregar o evangelho é nossa tarefa principal, nós não ficaremos entediados se fizermos algo além disso? Será gratificante demais fazermos com que as pessoas recebam a remissão de pecados e levá-las às nossas igrejas para que elas se tornem obreiras de Deus. Já que o desejo de Deus é transformar todos os homens, porque nem todos são humanos, nós podemos fazer com que eles sejam transformados, e isso vai se muito gratificante para nós.
Uma criança mal acaba de ser amamentada e já vai para a escola. O desejo de toda mãe é ver seu filho ir para escola, se tornar um adulto e casar com uma boa moça. Assim como uma mãe se orgulha de ver seu filho crescer, é gratificante fazermos com que muitos se tornem filhos de Deus e valorosos soldados. Assim como os pais nunca se cansam de criar seus filhos, nem que seja por vinte anos, fazer com que muitos se tornem filhos de Deus e Seus obreiros nunca é algo cansativo. Deus se agrada disso porque é a própria obra de expandir Seu Reino. Nós nos alegramos com os frutos que produzimos. Nós criamos nossos filhos para que eles sejam verdadeiros seres humanos porque os amamos.
Eu gosto muito de um aluno da escola dominical chamado Euichul. Por isso, quanto eu brinco com ele eu o chamo assim: “Seu lindo pestinha”. Eu o prendo em meio às minhas pernas sempre que brinco com ele. Mas sabe o que ele me disse um dia: “Eu estou cansado”. Eu já ouvi crianças dizerem: “Assim não”, ou “está machucando”, mas nunca “eu estou cansado”. Mas quando ele me disse aquilo minhas pernas já estavam cansadas mesmo. Eu não sei a causa disso, talvez seja genético. Mas o que ele disse me deixou muito surpreso.
De todo modo, ele está crescendo muito rápido. Outro dia ele era um bebê chorão, mas agora já é grande o bastante para dizer: “Estou cansado”. E logo ele vai para a escola. “Mãe, eu vou para a escola”. E lá vai ele para a escola com uma mochila quase do tamanho dele nas costas.
Havia uma menina chamada Chaeyoung que sempre fugia quando me via. Um dia, ela sentou no meu colo e me disse: “Oi pastor, como vai?” Eu fiquei maravilhado de como ele tinha mudado, mas algo me veio à mente na mesma hora. Eu pensei que seus pais deviam tê-la ensinado bem ou ela ia me pedir dinheiro. Bom, o que acontece é que sua professora do jardim de infância a ensinou a se comportar daquele jeito. Ela somente fez o que ela a ensinou e dizia “olá” sempre que via um adulto. Às vezes, as crianças não ouvem sua mãe, porém ouvem seus professores. Ao ver isso, eu percebi como as crianças crescem rápido. É maravilhoso ver as crianças crescendo.
Por que os pais criam seus filhos? Para vê-los casar com uma boa pessoa e lhes darem netos? Os pais criam seus filhos para que eles cresçam, se casem e tenham sua própria família. Este é do desejo que há no coração dos pais e o motivo pelo qual eles criam seus filhos.
Deus nos colocou nessa terra como Seus soldados por ter um motivo parecido. Ele quer que nós, Seus filhos, preguemos o evangelho da água e do Espírito, ganhemos muitas almas e tenhamos filhos espirituais para que eles se tornem soldados de Cristo e Seus obreiros.
A geração dos nossos pais não praticou o controle da natalidade. Eles tiveram quantos filhos puderam conceber. As mulheres coreanas naqueles dias tinham em média doze filhos. Os três ou quatro primeiros filhos eram criados por sua mãe. Depois do terceiro filho, o quarto era criado pelo primeiro, o quinto pelo segundo e assim por diante. E já que naqueles dias os irmãos criavam a si mesmos, eles eram muito apegados uns aos outros.
Este mesmo método pode ser aplicado aos obreiros de Deus. Deus nos pôs nessa terra como Seus soldados e quer que edifiquemos Seu Reino. E Ele se agrada em “produzir” muitos obreiros de Cristo. É por isso que Ele quer que preguemos o evangelho da água e do Espírito em todas as nações, a fim de que todos recebam a remissão dos seus pecados e venham para nossas igrejas. É assim que o Reino de Deus é edificado.
A Igreja de Deus onde os justos congregam faz parte do Reino de Deus. É por isso que temos que edificar a igreja em todos os lugares. Nós temos que construir igrejas e pregar o evangelho para todos neste mundo. Deste modo, destruiremos Satanás assim como fizeram os israelitas com os filisteus e os amalequitas. Travando uma guerra contra eles, faremos com que eles se rendam e voltem para Deus. E ao fazermos com que eles voltem para Deus, temos que levá-los a viver como Seu povo, protegê-los, abençoá-los e prepará-los para ir para o Seu Reino.
Deus nos colocou como Seus soldados nessa terra a fim de edificarmos Seu Reino. Você crê que nós, que somos obreiros e santos, somos os edificadores do Reino de Deus? Nós que nascemos de novo da água e do Espírito somos realmente os edificadores do Reino de Deus. Se nós soldados de Cristo não servirmos ao evangelho em seu exército e irmos para mundo, nós seremos mortos. Nós seremos mortos. As pessoas vão para o mundo apesar de terem recebido a remissão dos seus pecados porque não sabem que se não ficarem na igreja acabarão sendo mortas. Elas podem até dizer: “Eu não tenho que lutar nessa guerra. Eu desisto. Eu não quero mais lutar”, e deixar suas armas. No entanto, este não é o fim da sua luta, mas o fim de si mesmas.
Os soldados devem sempre usar suas armas, sempre lutar quando o inimigo vier e estar preparados para ataques-surpresa. Eles têm que estar sempre prontos para ir para a guerra. E eles devem sempre lugar junto com outros soldados. Mas se eles lutarem sozinhos, tudo que eles conseguirão é ser feridos. E o mesmo princípio se aplica à guerra espiritual. Somente com um propósito comum, com convicção e um só coração e que nós poderemos vencer as fraquezas unindo forças para vencermos a guerra. Como diz o lema: “Unidos venceremos, divididos sucumbiremos”, temos que nos unir para vencer essa guerra espiritual.
Deus nos chama para que nosso propósito de vida seja a expansão do Seu Reino. O Reino de Deus tem sido edificado em nosso país e no mundo inteiro. Entretanto, ainda há muitos lugares onde este evangelho ainda não foi ouvido. É por isso que temos que pregar o evangelho da água e do Espírito nesses lugares e edificar o Reino de Deus. Do mesmo modo, em cada região onde o Reino de Deus já foi edificado, nós temos que encorajar as pessoas ali a travar essa guerra espiritual ao redor de onde moram. O que Deus está nos dizendo é que devemos viver para expandir Seu Reino, nunca pararmos de orar e travar essa guerra espiritual, a fim de subjugarmos nossos inimigos. E nosso propósito é derrotar nossos inimigos e edificar o Reino de Deus nessa terra. Enquanto Deus permitir, vamos fazer o melhor usando o poder que Ele nos deu. Nós temos que viver fazendo a vontade de Deus até a volta do Senhor. Que o Senhor volte logo! Pois só então poderemos deixar as armas e cessar a guerra.
Até este dia, nós que recebemos a remissão de pecados temos que travar essa guerra espiritual. Devemos nos lembrar que o inimigo prevalecerá se nos recusarmos a lutar essa guerra e a edificar o Reino de Deus. Sendo assim, temos que nos unir à Igreja, cuidar dos feridos e continuar orando para cumprirmos nossa tarefa. Amados irmãos, vocês crêem nisso?
Você e eu temos servido bem ao evangelho até agora. No entanto, se pensamos assim: “Servir ao evangelho? Eu não sei muito sobre isso. Enviar livros? Eu acho que de uma maneira ou de outra o evangelho será pregado”, nós não cumpriremos a obra do Senhor. “Uau, é assim que o Reino de Deus está sendo edificado. Ele está sendo erguido em todos os lugares”. Essa é a reação de um homem de fé. Nós temos que nos lembrar disso.
Nós estamos vendo pessoalmente que o Reino de Deus está sendo edificado em todos os lugares. E como continuamos a guerra espiritual para pregarmos o evangelho da água e do Espírito, hoje há mais de 800 obreiros em todo o mundo. Nós estamos testemunhando com nossos próprios olhos hoje em dia o Reino de Deus sendo estabelecido em todas as nações. E isso não é algo da nossa mente, mas o Reino de Deus está realmente sendo estabelecido em cada nação.
Nós que nascemos da água e do Espírito temos que viver pela fé sabendo que a obra de Deus deve ser feita por nós. E nós não conseguimos fazer mais porque nossa carne é fraca e imperfeita. Do mesmo modo, se quisermos fazer tudo do nosso jeito e dissermos que vamos “fazer a obra” como se fosse uma campanha de ação social, nosso trabalho não dará resultados. Se dissermos: “Vamos fazer isso juntos”, acabaremos falhando. Nós nos separaremos e diremos: “Que absurdo é esse que você está dizendo? Eu sou uma pessoa muito ocupada”. Apesar de não termos um projeto chamado “Vamos fazer isso” com o propósito de pregarmos o evangelho, estamos pregando-o por vontade própria, pois nosso desejo é compartilhar este precioso evangelho de todo coração, já que Jesus nos libertou e nos deu Sua graça abundante e maravilhosa.
Nós temos que saber disso. E principalmente os obreiros da nossa equipe. Se nós juntarmos os santos e dissermos a eles: “Vamos fazer isso”, o resultado será nulo. Eles podem até fazer isso uma vez ou outra, mas não conseguirão muita coisa. No entanto, temos que dizer: “Nosso Senhor levou sobre si todos os nossos pecados em Seu batismo, foi crucificado levando os pecados do mundo e nos libertou ao ressuscitar dos mortos. Nós não temos pecado porque nosso Senhor remiu de maneira perfeita todos os nossos pecados. Todos eles foram transferidos para Jesus. Os pecados de Getúlio Vargas foram transferidos. Nenhum dos nossos antepassados tinham pecado.
Nem Hitler nem nenhum assassino em massa tinham algum pecado. Jesus apagou todos os pecados deste mundo, inclusive os seus e os meus. A única diferença é que recebemos a remissão de pecados crendo na Verdade. Mas os assassinos em massa não receberam a remissão de pecados, pois eles não creram no evangelho. Podemos dizer o mesmo daqueles que ainda não nasceram de novo. É por isso que nós temos que pregar o evangelho para eles. Os justos pregam o evangelho em qualquer situação por causa da graça abundante de Deus. Nós temos que conhecer muito bem as características das ovelhas.
Meus amados irmãos, Deus deseja edificar Seu Reino no mundo todo. Os servos de Deus que fazem parte da Sua Igreja só pregam o que Ele disse. Tudo que eles falam é a Palavra de Deus, embora eles sejam duros às vezes. Quando eu uso uma linguagem informal, eu faço isso para não ser chato para você. Eu não sei o que você acha de mim, mas eu posso muito bem usar uma linguagem formal. Em raras ocasiões, eu sou duro porque a outra pessoa merece. Mas eu nunca faço isso sem um motivo.
Deus escolheu você e a mim para sermos Seus soldados. Para que edificássemos Seu Reino, Deus nos deu a remissão de pecados, nos levou para Sua Igreja, nos alimentou com a Sua Palavra, nos fez ter comunhão uns com os outros e nos moldou para pregarmos o evangelho. É por isso que somos soldados de Cristo.
Na verdade, nós soldados de Cristo passamos por lutas tanto internas quanto externas. Por mais que tentemos servir ao evangelho totalmente, existem muitas coisas que nos impedem. Quando tentamos servir ao evangelho de todo coração, sempre surge um problema aqui e ali. Quando tentamos fazer parte do ministério da nossa Igreja, surge um outro problema. Quando nós queremos nos dedicar totalmente à pregação do evangelho, sempre existe algo para tentar nos fazer parar. Entretanto, estes problemas sempre existirão. É por isso que eu sei que sofremos muito e não podemos fazer nada a respeito.
 
 
Aqueles que Foram Recrutados Desfrutarão da Presença Daquele que os Recrutou
 
O Senhor disse que “nenhum soldado em serviço se embaraça com negócio desta vida, a fim de agradar àquele que o alistou para a guerra” (2 Timóteo 2:4). Na verdade, se quisermos satisfazer todas as vontades da nossa carne, jamais poderemos seguir ao Senhor. Depois de analisar um problema e ver que não posso resolvê-lo, eu tenho que entregá-lo a Deus, dizendo: “Deus, por favor, cuide disso para mim”. Todos nós temos que fazer isso. Mas também temos que cumprir nosso dever como soldados de Cristo, crendo que Deus suprirá nossas necessidades.
Do mesmo modo, quando encontrarmos nossos inimigos, devemos vencer a guerra capturando-os vivos. Deus nos dá forças e provê tudo, tanto física quanto espiritualmente. E Deus também cuidará dos problemas familiares que eu não posso resolver. Se você e eu formos cristãos fiéis, nós não vamos experimentar tudo isso também? Eu sei muito bem que aqueles que vivem como obreiros de Cristo têm muitos testemunhos pessoais como este.
Então, nós não temos nenhuma preocupação? Você tem algum problema? Infelizmente nós temos. Eu mesmo tenho muitos problemas e preocupações. Mas se eu tentar resolver todos eles antes de servir ao evangelho, eu nunca poderei fazer isso. Primeiro, eu tenho que revolver meu problema com meu filho. Se eu tentasse criá-lo à minha maneira, provavelmente eu só conseguiria pastorear depois dos setenta anos. Eu nem imagino quando meu filho vai chegar à maturidade e não me preocupar mais, mas já que eu o confiei a Deus, eu creio que Ele tomará conta dele.
Verdadeiros soldados fazem a vontade do comandante que os alistou. Embora seja algo árduo e difícil, iremos desfrutar da graça abundante Daquele que nos recrutou, pois Ele jamais nos abandona. Você e eu somos os soldados eternos de Cristo. Os soldados sempre se preparam para a guerra e lutam sem cessar. Os soldados de Deus, que nasceram da água e do Espírito, lutam nessa guerra espiritual. Os soldados existem para sempre lutar nas guerras, principalmente se crermos que os soldados de Cristo existem para combater o bom combate (1 Timóteo 6:12).
O segundo tema da oração que o Senhor nos ensinou é: “Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu”. Eu sou grato a Deus por Ele ter nos mandado edificar Seu Reino. “Deus livrou cada um de nós para unirmos esforços a fim de edificarmos Seu Reino”. Pela fé, nós temos que ser gratos a Deus por Ele nos ter dado Sua Palavra e tê-la gravado em nosso coração. Já que nós recebemos a remissão de pecados, Deus nos manda orar para que Seu Reino seja logo estabelecido. Eu peço a todos vocês que se lembrem que nosso Senhor nos disse para edificarmos o Seu Reino e para vivermos segundo a Sua vontade.
Se o nosso objetivo for grande, nós poderemos suportar as pequenas dificuldades. Por outro lado, se nós não tivermos um grande objetivo, poderemos desistir face ao menor obstáculo. O homem deve ter grandes ambições. As pessoas com grandes ambições adquirem capacidade para se manter firmes e suportar as dificuldades, já que há fé no seu coração.
Nós damos graças ao nosso Deus. Como somos gratos por termos sido chamados por Deus para sermos soldados de Cristo! Nós temos que manter nosso estilo de vida que prega evangelho no mundo todo e orar para que o Reino de Deus seja estabelecido. Nós oramos por todos os obreiros e o povo de Deus em todo o mundo. E oramos por aqueles que estão perto de nós também. Nós oramos e desafiamos uns aos outros a alcançar seu objetivo.
Sempre que fazemos nossas orações elas são respondidas depois de algum tempo. Elas nem sempre são respondidas na mesma hora, mas é sempre melhor do que esperamos. Quando as crianças pedem doce aos seus pais, eles mandam-nas orar a Deus que Ele as responderá. As crianças fecham os olhos então e oram pelo seu doce: “Deus, por favor, me dê um doce. Eu oro em nome de Jesus. Amém”. Mas quando o doce não vem na mesma hora elas acabam reclamando.
Assim também, nós justos temos que receber a remissão de pecados agindo como as crianças, embora sejamos adultos. Nós achamos que se tivermos uma necessidade e orarmos elas serão atendidas imediatamente. Por isso, temos que orar e não nos preocupar com o tempo. Orações são como uma poupança que juntamos para o futuro. Temos que orar sem nos preocupar com o tempo e esperar que Deus responda nossas orações. Isso é orar pela fé.
Se quisermos agradar a Deus, temos que examinar a nós mesmos. Temos que analisar se estamos agindo como soldados de Cristo e vivendo para agradá-Lo ou não. Deus já preparou tudo para suprir todas as nossas necessidades. Já que Ele disse: “Pedi, e dar-se-vos-á”, você tem que ter plena certeza que Ele te dará tudo que você pedir a Ele. Mais cedo ou mais tarde Ele certamente responderá as orações daqueles que confiam Nele. Agora, aqueles que não confiam Nele terão sua recompensa na Sua segunda vinda, ou seja, eles não terão tempo de desfrutar das respostas de Deus nessa terra.
Nós não temos como agradecer a Deus. Quem somos nós para que Deus nos tenha confiado à construção do Seu Reino? Nós só temos que dar graças a Ele. Eu às vezes fico pensando se Deus não nos estima demais. Se olharmos para cada um de nós, não temos nada de especial em relação às pessoas comuns. É maravilhoso ver como Deus nos confiou algo tão importante, já que somos cheios de caprichos e não somos fiéis. Ele talvez esteja usando pessoas sem talento algum como nós para revelar Sua glória. Deus nos usa porque somos Seu povo, porque o Espírito Santo habita em nós, e porque somos Seus filhos. Ao orarmos, Deus nos responde e recebemos Sua ajuda. Ela nos dá uma grande tarefa porque caminhamos com Ele não importa o que as pessoas digam, e porque já fazemos parte do Seu Reino. Deus deu tarefas a você e a mim.
Nós somos gratos ao nosso Deus. Ele olha para nós com graça, com compaixão e tem misericórdia de nós. Apesar de o apóstolo Paulo ter perseguido Jesus no passado, quando ele O encontrou no caminho de Damasco, ele voltou seu coração para Ele. Naquele momento, Deus olhou com graça para Paulo e o escolheu como Seu servo. O apóstolo Paulo foi separado então como instrumento para pregar o evangelho da justiça de Deus. Jesus Cristo olhou para nós com graça, assim como fez com o apóstolo Paulo, e nos escolheu como obreiros para edificarmos Seu Reino.
Nós somos gratos a Deus pela Sua graça. Nós temos que viver para glorificar nosso Deus. Vamos viver nos lembrando sempre que nosso objetivo de vida é edificar o Reino de Deus. E nós devemos viver os dias que nos restam por este objetivo, planejando tudo, realizando cada obra junto com a Igreja de Deus e orando por tudo, já que vivemos pela fé como soldados de Cristo.