The New Life Mission

Sermões

Assunto 13: O Evangelho Segundo MATEUS

[Capítulo 13-5] (Mateus 13:44-46) O Reino dos Céus é Semelhante a um Tesouro Escondido num Campo

(Mateus 13:44-46)
“O reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido num campo. Achando-o um homem, escondeu-o de novo, então em sua alegria foi, vendeu tudo o que tinha e comprou aquele campo. Outrossim, o reino dos céus é semelhante a um comerciante que busca boas pérolas. E, tendo encontrado uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo o que tinha, e a comprou.”
 
 
Na passagem das Escrituras aqui, o Senhor Jesus continua a explicar os mistérios do Reino dos Céus contando mais duas parábolas: a parábola do tesouro escondido num campo e a parábola da pérola de grande valor. O significado da primeira parábola é a seguinte.
O Reino dos Céus se refere ao Reino de Deus, e o tesouro escondido se refere ao Seu evangelho. Em outras palavras, Jesus disse que o evangelho da água e do Espírito é o tesouro mais preciso nessa terra. Encontrar o evangelho da água e do Espírito é encontrar o tesouro do Reino de Deus. Enquanto vivemos nessa terra, encontrar a mais preciosa Verdade do evangelho da água e do Espírito é encontrar o caminho para entrar no Reino dos Céus. O Reino dos Céus é como encontrar um tesouro escondido. Foi por isso que Jesus disse: “achando-o um homem, escondeu-o de novo, então em sua alegria foi, vendeu tudo o que tinha e comprou aquele campo.”
 
 
Somente Aqueles que Conhecem o Valor Desse Tesouro Podem Tê-lo
 
O tema principal da passagem das Escrituras aqui é que aquele que quiser fazer do Reino dos Céus sua prioridade deve pagar o preço. Qualquer um que queira fazer do Reino dos Céus sua prioridade deve pagar o preço necessário para se viver ali.
Quando nós encontramos o tesouro, isto é, o evangelho da água e do Espírito que nos permite entrar no Reino de Deus, é natural que tentemos fazê-lo nosso. Mas para fazer isso, temos que pagar por ele um preço justo. Isto porque o evangelho da água e do Espírito é tão precioso que alguém só pode torná-lo seu quando vende todas as suas propriedades e o compra. Porque você e eu encontramos o evangelho da água e do Espírito, e vendemos tudo que tínhamos e compramos esse evangelho, nós agora podemos entrar no Reino de Deus pela fé. O que torna possível para nós entrar no Reino de Deus é o poder do evangelho da água e do Espírito. O evangelho da água e do Espírito de uma maneira perfeita apagou todos os nossos pecados de uma vez por todas. Por essa razão, através desse evangelho da água e do Espírito, nós nos tornamos justos e agora podemos entrar no Reino de Deus.
Se alguém encontrar a Palavra de Deus, do evangelho da água e do Espírito, e parar por aí, isso realmente não vai valer nada então. Por quê? Porque esse tesouro valioso pode muito bem ser levado por outra pessoa. Em outras palavras, para nós entrarmos no Reino de Deus quando encontramos e cremos nesse evangelho da água e do Espírito, nós precisamos tomar posse dele na mesma hora e pagar o preço estipulado por ele. Falando de outra forma, para pagar o preço por ele ou ganhá-lo, nós devemos deixar de lado e abandonar muitas coisas deste mundo.
Obviamente, o Reino dos Céus é um lugar onde jamais poderemos entrar por meio do nosso próprio sacrifício. É um lugar onde poderemos entrar apenas quando colocarmos nossa fé no evangelho da água e do Espírito.
Qual, então, é o significado da passagem das Escrituras que Jesus falou aqui? É que aqueles que de fato encontraram o evangelho da água e do Espírito, o tesouro que os torna aptos a entrar no Reino dos Céus, venderam todos os seus pertences e o compraram para si.
Jesus disse: “O reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido num campo. Achando-o um homem, escondeu-o de novo, então em sua alegria foi, vendeu tudo o que tinha e comprou aquele campo.” Quando encontramos o evangelho da água e do Espírito, nós não devemos pensar duas vezes, mas aceitá-lo na mesma hora em nossos corações. Somente pela nossa fé na Palavra do evangelho da água e do Espírito, o evangelho de Deus, é que nós podemos receber a remissão dos nossos pecados.
Contudo, se nós quisermos receber a remissão dos nossos pecados crendo nesse evangelho, e viver vidas abençadas para servir a essa Verdade, teremos que pagar o preço. Assim como foi dito aqui que o homem vendeu tudo o que ele tinha, nós, da mesma forma, temos que vender tudo que possuímos para tomar posse do evangelho da água e do Espírito. Não existe ninguém entre nós que pode crer no evangelho da água e do Espírito em si mesmo sem fazer nenhum sacrifício. Já que o evangelho da água e do Espírito é tão precioso, como alguém pode crer nele sem pagar o preço? Nós temos que pagar o preço de sermos perseguidos para seguir o evangelho da água e do Espírito.
Não é exagero dizer que você tem que vender tudo que possui para receber este evangelho da água e do Espírito depois de encontrá-lo. Você certamente tinha a seguinte convicção quando resolveu se apegar ao verdadeiro evangelho: “O evangelho da água e do Espírito é realmente valioso. Não importa o que eu possa perder neste mundo, esta Verdade do evangelho vale a pena. Eu tomarei posse do evangelho da água e do Espírito, mesmo que para isso eu perca tudo que eu tenho, porque essa Verdade é mais valiosa do que minha própria vida.”
Se nós podemos ter o evangelho da água e do Espírito, não importa se vamos perder tudo que temos neste mundo. Aquele que possui esse evangelho é o mais rico de todos os homens. Mesmo que possuir esse evangelho requeira nosso sacrifício, e não importa o quanto sejamos tentados pelas coisas sem valor deste mundo, nada disso pode ser comparar a esse evangelho da água e do Espírito. Ao crermos no evangelho da água e do Espírito, nós podemos ter o mais precioso e inestimável tesouro deste mundo.
Se você realmente sabe o quanto é precioso o evangelho da água e do Espírito, você deve tentar comprá-lo para si pelo preço que for necessário. Isto porque é por possuir esse evangelho da água e do Espírito que podemos entrar no Reino dos Céus. Nenhum outro além deste é o verdadeiro significado que a passagem está tentando nos esclarecer aqui.
“O reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido num campo. Achando-o um homem, escondeu-o de novo, então em sua alegria foi, vendeu tudo o que tinha e comprou aquele campo.”
Um dia um homem encontrou uma arca do tesouro cheia de diamantes, ouro e prata, que estava escondida num campo. Ele na mesma hora foi e vendeu tudo que ele tinha e comprou o campo. Mas por que ele teve que vender tudo que ele tinha? Porque se ele não tivesse guardado todos os seus bens, ele jamais poderia ter comprado o campo, e assim ter tomado para si o tesouro.
Quando eu medito nessa passagem das Escrituras, eu examino a mim mesmo para ver se eu tenho essa certeza ou não. E eu aconselho você a refletir nessa passagem também. Para que nós façamos esse evangelho da água e do Espírito totalmente nosso, precisamos perder muitas coisas preciosas. Para ganhar algo valioso, nós também precisamos sacrificar muito. Talvez vocês estejam pensando se devem realmente comprar esse evangelho da Verdade vendendo tudo que vocês têm, ou se esse evangelho é de fato tão precioso. Então agora, eu quero falar com vocês sobre o valor desse evangelho da água e do Espírito. Eu quero explicar a vocês o quanto é precioso essa Verdade do evangelho da água e do Espírito que nós conhecemos. Esse evangelho é apenas uma mera doutrina religiosa deste mundo? Ou é algo que vale a pena comprar, mesmo que isso signifique que eu tenha que perder tudo que possuo, desde a minha casa à minha riqueza, meus parentes, minha esposa, meus filhos, e até mesmo minha vida? É sobre isso que eu quero falar comigo mesmo e com vocês também.
Esse evangelho da água e do Espírito é o evangelho da Verdade que nos torna aptos a entrar no Reino dos Céus. O evangelho da água e do Espírito é a Verdade da salvação para todos os pecadores. É a verdade que torna possível que sejamos salvos de todos os nossos pecados. Ao colocar nossa fé em qualquer outra coisa a não ser no evangelho da água e do Espírito, nós nunca receberemos a remissão dos nossos pecados, e por isso não poderemos entrar no Reino dos Céus.
Como nosso Senhor disse que Ele é a porta, e que todo aquele que entrar em qualquer outro lugar a não ser nessa porta é ladrão e salteador, se alguém afirma que entrou no Reino de Deus sem crer no evangelho da água e do Espírito, então ele é um ladrão. E a sua fé é a fé do joio. Apenas o evangelho da água e do Espírito pode nos tornar aptos a entrar no Reino de Deus e esta é a verdade absoluta que não requer nenhum outro comentário. Assim sendo, esse evangelho da água e do Espírito é o tesouro inestimável que mais vale a pena comprar mesmo que isso requeira de nós vender tudo que possuímos.
Nessa terra e também nos Céus, o que é mais valioso para você? Qual é o mais precioso tesouro para você e para mim? É o evangelho da água e do Espírito. O evangelho da água e do Espírito é o mais valioso tesouro para todos nós. Aquele que nos deu esse precioso evangelho não é outro senão nosso Senhor Jesus Cristo.
Vocês entendem agora o valor desse evangelho que nosso Senhor falou aos Seus discípulos através das Suas parábolas? Se você realmente soubesse o valor do evangelho da água e do Espírito, você venderia todos os seus bens e compraria esse tesouro. Se, por outro lado, você não soubesse o valor desse tesouro, você acharia um desperdício vender tudo que possui para comprar esse tesouro. Em outras palavras, quando alguém não sabe o valor do evangelho, ele está propenso a ser controlado pela circunstâncias. Se alguém pensa que seus bens são mais valiosos que o evangelho da água e do Espírito, então ele é alguém que não conhece o verdadeiro valor desse tesouro. Se não soubermos o valor do evangelho da água e do Espírito, nós poderemos facilmente ser lançados fora.
Meus amados irmãos, nós, como crentes no evangelho da água e do Espírito, não podemos apenas receber a remissão dos nossos pecados sem nenhum custo. Para nós, o evangelho da água e do Espírito é nitidamente nosso tesouro, e a única Verdade. Esse evangelho é um tremendo tesouro para nós. Esse é um tesouro inestimável que não poderíamos comprar mesmo se fôssemos vender tudo nessa terra. Por isso esse é um tesouro fabuloso, mas aqueles que não conhecem seu valor não querem comprá-lo. A verdade é que eles no mínino deveriam agradecer por poder comprá-lo apenas vendendo todos os seus bens.
Algumas pessoas, mesmo conhecendo o evangelho da água e do Espírito, apenas olham para ele mas não o compram para si. Tais pessoas só conhecem o evangelho da água e do Espírito, mas ainda não foram salvas dos seus pecados. Se nós pudermos comprar esse evangelho da água e do Espírito, mesmo que tenhamos que vender tudo que temos, isto será uma bonanza para nós. Não há nada neste mundo tão valioso quanto o evangelho da água e do Espírito.
Eu estou exortando você em alto tom de todo o meu coração: creia no evangelho da água e do Espírito que permite a você entrar no Reino dos Céus; creia nele não importa o sacrifício ou preço que você tenha que pagar; e se apegue a esse evangelho. Eu exorto você a crer no evangelho da água e do Espírito, a tomar posse dele, e guardá-lo com você, não importa o sacrifício que você tenha que fazer. Eu suplico a você que guarde essa fé, a siga, e se torne um só com ela. Essa é a mesma exortação que o Senhor fez aos discípulos.
Nosso Senhor está nos dizendo: “o reino dos céus é semelhante a um tesouro escondido num campo.” Mesmo que tenhamos que dedicar nossa juventude para crer nesse evangelho da água e do Espírito e perdermos tudo nesse processo, de fato não será nenhuma perda para nós. Esse evangelho é a própria vida; foi esse evangelho que apagou todos os nossos pecados e assim nos capacitou a receber a remissão dos nossos pecados; é esse evangelho que capacita todos nós que cremos nele a entrar no Reino de Deus. É por isso que eu ouso dizer a você que venda tudo que você possui e compre esse evangelho da água e do Espírito, porque ele é valioso demais. Eu digo isso a você porque eu conheço o eterno valor desse evangelho.
Se você soubesse o valor desse evangelho da água e do Espírito, você seria então capaz de crer nele e segui-lo, mesmo que para isso você tivesse que vender tudo que possui. Mas se você não reconhece esse valor, você então não venderá tudo para comprá-lo. Então no final, você não será salvo, mas perderá o que há de mais precioso. Até mesmo na Igreja, quando olhamos por este ângulo, existem aqueles que seguem esse precioso evangelho apenas relutantemente. São aqueles que guardam todos os bens que possuem, e só contemplam o evangelho de longe. Eu não estou dizendo que você de fato tem que vender todos os seus bens – não, de forma alguma! Qual é o valor da nossa pequena riqueza, afinal de contas? Seria de um milhão de reais, se fôssemos vender todos os nossos bens? Ou seria de 10 milhões de reais? Comparados ao Reino de Deus, nossos bens são uma gota no oceano. Não fique assustado com o que eu estou dizendo aqui, preocupado se eu vou pedir a você que venda todos os seus bens e traga o dinheiro para mim. Essa não é de forma alguma a minha intenção aqui, como se eu estivesse cobiçando seus bens.
O que você possui, é claro, é precioso para você, mas no maior contexto de todas as coisas, eu considero isso pouco demais até para pagar um simples almoço para todos os justos deste mundo. Se nós fôssemos reunir todas as pessoas justas no mundo inteiro e dar uma festa para elas num dos restaurantes mais elegantes, só para fazer a reserva, nós teríamos que gastar um milhão de reais, não menos do que isso. Portanto, nossos bens materiais não são tão valiosos assim.
Porém o evangelho é diferente. O valor do evangelho é literalmente inestimável, tanto que aqueles que não conhecem o seu valor não o compram. Essas pessoas consideram algo que elas possuem mais valioso do que a Verdade do evangelho, e por isso não desistem dos seus próprios bens e ao contrário vivem para eles. Falar sobre essas coisas nessa hora é muito embaraçoso, e certamente não me alegra em nada. Como nosso Senhor disse: “não deis aos cães as coisas santas, nem lanceis aos porcos as vossas pérolas” (Mateus 7:6), mas se eu pudesse escolher, eu não falaria sobre essas coisas. Eu queria apenas poder explicar para você essa passagem, falar somente sobre aqueles que seguem o evangelho, e dessa forma terminar minha pregação aqui.
Mas existem aqueles que, mesmo depois de encontrar esse evangelho da água e do Espírito, continuam pensando: “Será que eu devo segui-lo ou não? Será que eu devo crer nele ou não? Será que eu devo me unir a ele ou não?” Eles geralmente calculam o custo benefício de fazer isso, e continuam hesitando, colocando infinitamente suas opções na balança. Quando eu vejo tais pessoas, eu me arrependo desse evangelho ter sido dado a eles. Eu quase sinto vontade de tomar o evangelho deles e mandar que eles o deixem.
Na Coréia, há muitas pessoas que não conhecem o valor do evangelho da água e do Espírito. Por isso nós decidimos parar de pregar o evangelho na Coréia por um tempo. Já que as pessoas ficam se gabando por ter algum dinheiro, como se elas estivessem nos fazendo um favor crendo, nós decidimos parar. A não ser que alguém venda todos os seus bens e dedique sua vida inteira para comprar esse verdadeiro evangelho da água e do Espírito, ele jamais poderá tomar posse dele.
Mas eu creio que no mundo inteiro, existem muitos que apostaram sua vida nesse evangelho. Por esse motivo é que nós estamos tentando evangelizar o mundo inteiro. Eu estou certo que ainda há inúmeras almas que comprariam o verdadeiro evangelho mesmo que fosse preciso vender tudo que possuem para pagar o preço, se elas pudessem somente crer de forma concreta e entrar no Reino de Deus, se elas pudessem somente receber a remissão de pecados, se elas pudessem somente viver uma vida de justiça, e se elas pudessem somente se juntar ao Senhor e viver com Ele. É claro que nós estamos pregando o evangelho da água e do Espírito em todo o mundo de uma forma positiva desde que nós recebemos Sua Grande Comissão, mas também é verdade que nós estamos motivados a fazer isso porque cremos que ainda há muitas almas inocentes no mundo inteiro. Nós não precisamos obrigar alguém que não conhece o valor do evangelho a crer nele, mas é muito melhor para nós compartilhar esse evangelho com aqueles que realmente procuram por ele.
Qual o valor desse evangelho da água e do Espírito? Ele é como um tesouro no Reino dos Céus. Vamos supor aqui que exista uma arca que contenha uma coroa feita de diamantes, brilhando com uma luz misteriosa, e um vestido com todo tipo de pedras preciosas. A arca e seus itens são tão preciosos que não podemos nem mesmo avaliar seu preço. Se você pudesse comprar essa arca vendendo tudo que você possui, você então trocaria tudo isso pelos seus bens ou não? É claro que você trocaria.
É muito improvavél, mas já que cada um de nós tem um pensamento diferente, talvez algum de vocês dissesse: “Eu não quero. Eu não gosto de diamantes. Eu prefiro costela de porco!” Mas se você soubesse do real valor dessa arca, você não hesitaria em vender tudo que possui para comprá-la. Eu conheço seu valor. Eu conheço a preciosidade desse evangelho de poder da água e do Espírito. Eu creio que você, também, conhece o seu valor. Eu creio que é porque você conhece o valor desse evangelho que você está apegado a ele tanto tempo.
Todavia, talvez existam pessoas também que, enquanto ficam pensando no seu valor, não conhecem nem um terço do seu valor total. Nenhum diamante, mesmo que seja do tamanho de uma cabeça, não serve para nada para aqueles que não conhecem seu valor. Talvez exista outra coisa que seja mais preciosa que um diamante, mas eu não consigo lembrar de nenhum. Em todo caso, se nós supuséssemos que não há nada mais valioso que um diamante, como nós ficaríamos felizes se pudéssemos ter um! Se você soubesse que ele é mais valioso do que o que você possui agora, você o trocaria pelos seus bens ou não? Você o compraria ou não? É claro que você compraria! O evangelho da água e do Espírito é como esse diamante. O Reino dos Céus é semelhante a um tesouro escondido em um campo.
Deixe-me criar uma parábola do tesouro escondido aqui. Vamos supor que um homem encontrou um campo, e por uma razão qualquer, ele começou a cavar num lugar e encontrou uma arca de madeira. Então ele pensou: “será que isso é um cofre?” Mas não se parecia com um cofre, porque havia um cadeado. Então ele abriu o cadeado e levantou a tampa, e ele de repente foi forçado a desviar seus olhos por causa da luz ofuscante que vinha de dentro da arca. O homem então abaixou a tampa e a trancou com o cadeado silenciosamente, e enterrou a arca na terra de novo. Ele então chamou o corretor, e disse a ele que queria vender tudo que ele possuia, desde a sua casa até sua empresa e suas terras, leiloando suas jóias e até mesmo suas roupas por um preço irrisório, e ele vendeu tudo mais que possuia. Ele então arrecadou 3 milhões de reais por tudo que vendeu. Ele pegou esse dinheiro e foi ver o dono do campo. E então a negociação começou:
“Você é o dono desse campo?”
“Sim, eu sou.”
“Eu gostaria de construir um chalé nesse pedaço de terra; você se importaria em vender esse campo para mim? Eu vou, é claro, fazer uma oferta que corresponde ao valor dele. Eu gostaria realmente que você vendesse este campo para mim.”
“Quanto você quer pagar?”
Esse campo, na verdade, valia apenas 30.000 reais. Mas o homem era tão ruim de negociar que logo de primeira ofereceu 1 milhão de reais, quando ele deveria ter oferecido primeiro 30.000 reais ou 25.000 reais pelo campo. Será que o dono do campo não ficaria espantado com esta surpreendente e estranha oferta? Então ele pensou sobre isso cuidadosamente, mas algo parecia não estar certo. “Deve haver algo muito valioso nesse campo. Uma mina de ouro, talvez?”
“Eu não quero vender. Eu herdei essa terra dos meus antepassados, e eu devo deixá-la como herança para os meus descendentes.”
“Bom, então eu vou te pagar 1.5 milhões de reais.”
Então, o proprietário pensou: “essa campo vale somente 300.000 reais; porque esse sujeito está me oferecendo 1.5 milhões de reais? Ele deve estar fora de si! Será que eu devo vendê-lo? Não, espere. Esse sujeito está louco para comprar esse campo. Eu vou tentar aumentar o preço um pouco mais.”
“Para começar, você realmente tem todo esse dinheiro?”
O homem foi até seu carro, pegou uma maleta, e a colocou diante do dono do campo. Vendo uma maleta de um milhão de reais em dinheiro, o proprietário pensou: “Eu acho que ele tem mesmo esse dinheiro. Por isso que ele está oferecendo 1.5 milhões de reais. Mas deixa eu barganhar um pouco mais para ver o que acontece.”
“Não, obrigado. Eu não quero vendê-lo.”
“Eu te pago 1.7 milhões de reais.”
“Não. Eu não vou vender a terra mesmo que você me ofereça 10 milhões de reais. E se você perguntar, por quê? Porque eu herdei esse pedaço de terra dos meus antepassados, e eu vou fazer com que ele seja herdado de geração a geração. Meus antepassados me disseram para nunca vendê-lo, então eu nunca vou vendê-lo.” Vendo que o homem não hesitou em oferecer tanto dinheiro pela terra, o proprietário pensou que podia barganhar por um preço ainda mais alto.
“Que tal 2 milhões de reais então?”
“Não; isso também não.”
“Quanto vai custar para que você venda esse campo para mim então?”
“Eu o venderei se você me oferecer 3 milhões de reais.”
“Você parece um vidente! Como é que você sabia que eu tinha 3 milhões? Tudo que eu tenho vale exatamente 3 milhões de reais, nem um centavo a mais, nem um centavo a menos. Tudo bem, temos um acordo! Eu vou pagar 3 milhões de reais com mais outras duas maletas de dinheiro.”
Então ele pagou esse valor, e comprou o campo naquele dia. Em troca de tudo aquilo que ele possuia, ele finalmente conseguiu o campo. E ele estava muito feliz, porque o campo realmente valia tudo aquilo. Valeu a pela vender todos os seus bens para comprá-lo.
O grande valor do evangelho da água e do Espírito não tem descrição. Valeria a pela mesmo que nós tivéssemos que perder nossa vida. Seria tudo válido mesmo que nós tivéssemos que ser levados à escravidão. Você provavelmente já deve ter ouvido sobre o martírio na época da Igreja Primitiva. Muitos crentes da Igreja Primitiva estavam dispostos a enfrentar o martírio para guardar sua fé no verdadeiro evangelho. Alguns deles deixaram seu status de nobreza com alegria e até mesmo se tornaram escravos dos seus conhecidos para defender sua preciosa fé.
Como é valioso esse evangelho da água e do Espírito que eu e você temos ouvido? Esse evangelho da água e do Espírito é o precioso evangelho que nos capacita a ter tudo no Reino dos Céus. Essa Verdade do evangelho é tão valiosa que nós temos que comprá-la e fazê-la nossa, mesmo que tenhamos que vender tudo que possuímos para isso. Assim como aquele homem vendeu tudo que tinha para comprar a arca com o tesouro escondida no campo, devemos ter o evangelho da água e do Espírito pagando o preço com todos os nossos bens, se isso for necessário. Ser salvo assim é a coisa mais alegre de se fazer. Essa não é a questão, meus amados irmãos?
Existem, contudo, muitos que estão tentando possuir a Verdade do evangelho sem vender o que eles possuem. Tais pessoas podem perder tudo de uma hora para outra. Elas podem desistir de tudo assim que não estiverem nem mais um pouquinho satisfeitas com elas. Já que elas não compraram o evangelho da água e do Espírito oferecendo todos os seus bens, elas podem abandonar o evangelho a qualquer hora, tomando de volta os seus bens e os levando.
Porém aqueles que compraram esse evangelho vendendo todas as suas posses jamais poderão perdê-lo. Por quê? Porque eles colocaram sua vida nisso. Qualquer um que não compra o evangelho da água e do Espírito vendendo tudo o que tem é alguém que não crê nele. Dependendo das circunstâncias, ele pode muito bem abandonar esse evangelho. Então eu não suporto quando alguém brinca com o evangelho da água e do Espírito e não tem consideração por ele. O poder e a veracidade desse evangelho da água e do Espírito valem a pena comprar mesmo que isso requeira a vida de alguém. É através desse evangelho que nós recebemos uma nova vida, e é pelo poder desse evangelho que recebemos todos os tesouros que existem no Reino de Deus.
É por isso que quando eu vejo pessoas em dúvida diante desse precioso evangelho, incapazes de se decidir, pensando se devem crer nele ou não, eu sinto muito e tenho pena delas. Por quê? Porque se alguém não conhece o verdadeiro valor do evangelho, sua própria vida não vale nada. Ele mesmo está vivendo uma vida vazia, sem valor, que não pode ser vendida nem por algumas moedas. Já que nossas almas são tão valiosas que não podem ser trocadas por nada debaixo dos céus, como nós poderíamos desprezar nossa vida desse jeito?
Pelo fato de nós, seres humanos, termos sido criados à imagem e semelhança de Deus, nossa existência é tal que nós devemos viver para sempre. Nós devemos nos tornar filhos de Deus e viver para sempre para nos alegrarmos em esplendor e glória junto com Deus. Todos nós somos aqueles que são muito valiosos. Nosso Senhor disse: “o homem que possui riquezas sem entendimento é semelhante aos animais que perecem” (Salmos 49:20). Então aqueles que não conhecem o próprio valor do que possuem são como os animais que perecem. Nós temos que entender que Deus nos fez preciosos em Jesus Cristo.
Há pessoas que, sem entender o valor desse evangelho, ainda estão indecisas, se perguntando se devem ou não crer nesse evangelho. Eu expliquei de uma forma completa todos os benefícios e a honra que acompanham o verdadeiro evangelho. Todavia, há muitas pessoas que não conseguiram se decidir e ainda estão em dúvida, e também há muitas pessoas que estão com medo de ser enganadas. Em outras palavras, há muitos que não vêem o valor desse evangelho. Quando eu encontro tais pessoas, eu tenho muita pena delas e me sinto tão frustrado.
Aqueles que não conhecem o valor do evangelho da água e do Espírito nunca poderão abrir mão dos seus bens para possui-lo, e por essa razão, de forma alguma poderão nascer de novo. Como eles têm riquezas e o quanto eles são soberbos se gabando tanto, sem nem mesmo entender o quanto a vida é miserável para aqueles que ainda não nasceram de novo! Eles estão se tornando apenas motivo de zombaria. A vida daqueles que não nasceram de novo é como o cão que voltou ao seu próprio vômito, e a porca lavada que voltou a revolver-se na lama (2 Pedro 2:22).
Eles até podem dizer: “comprar essa terra seria um desperdício para mim.” É como se eles pudessem ver somente a terra que está cobrindo a arca do tesouro. Parece que eles não conseguem ver o brilho que irradia da arca do tesouro. Parece que estas pessoas não têm a mínima idéia de como é valioso o evangelho da água e do Espírito.
Por outro lado, também existem aqueles que sabem muito bem como é valiosa a arca do tesouro, e que se apegam a ela com firmeza. Estes são aqueles que compraram o campo do tesouro abrindo mão de tudo para cuidar dessa arca todos os dias e se apegando a ela.
Existem alguns outros que ainda não compraram o campo, mas continuam barganhando com seu dono o tempo todo: “Eu vou comprar essa terra mais cedo ou mais tarde. Por isso, não a venda para mais ninguém! Por que você tentaria vendê-la para outra pessoa, já que você sabe que eu vou comprá-la?” Então o dono diz: “se você vender tudo que tem e me oferecer tudo que conseguiu, eu então a venderei para você.” Mas eles somente responderão: “Bom, mas eu estou te dizendo que vou comprá-la. Não é que eu não esteja dizendo que não vou comprá-la, mas é só uma questão de tempo. Eu não posso comprá-la agora, agora não.”
Isso é tão frustrante. Eles me deixam louco. E isso não é nada engraçado. Eu acho ridículo quando eu vejo essas pessoas.
Nosso Senhor disse que o Reino dos Céus é semelhante a um tesouro escondido em um campo. Um homem o encontrou, vendeu tudo que tinha e comprou o campo. Para tomar posse de algo que é precioso, devemos pagar o preço. Com todo nosso coração, toda nossa força, e toda nossa vida, nós devemos reconhecer o valor do que realmente é valioso e crer assim. Devemos entender que o evangelho da água e do Espírito nos trouxe uma nova vida, e devemos crer nele. Devemos saber e crer que foi esse evangelho que apagou os nossos pecados e nos fez filhos de Deus.
Entretanto, mesmo na Igreja de Deus, existem aqueles que não crêem nesse evangelho do tesouro. Meus amados irmãos, o evangelho da água e do Espírito é o mesmo que algum outro evangelho? Toda vez que os pregadores do pseudo-evangelho abrem a boca, eles apenas enfatizam o plano de evangelização regional. Eles se engajam em ativismo, dizendo que devemos ir até as pessoas e fazê-las cristãs, porém eles fazem isso sem o evangelho da água e do Espírito. É por isso que eles ganham apenas o joio, os religiosos, ao invés dos verdadeiros cristãos nascidos de novo. Somente o evangelho da água e do Espírito é o verdadeiro evangelho. Se as pessoas crêem somente no sangue de Jesus na Cruz quando confessam crer nEle, sua fé é a fé dos religiosos.
Mesmo que você tenha que perder tudo, quando você crer nesse precioso evangelho, você ganhará muito mais. E você receberá muito mais bênçãos. Você precisa entender esse fato e reconhecer o valor da Verdade do evangelho quando você crê nele de todo coração. Você crê? Palavras não podem expressar isso de uma maneira melhor.
 
 
O Reino dos Céus é Semelhante a um Comerciante que Busca Boas Pérolas
 
Os versículos 45 e 46 dizem: “Outrossim, o reino dos céus é semelhante a um comerciante que busca boas pérolas. E, tendo encontrado uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo o que tinha, e a comprou.” Nosso Senhor diz aqui que o Reino dos Céus é semelhante a um comerciante que busca boas pérolas. Ele diz que quando o comerciante encontrou uma pérola de grande valor, ele vendeu tudo que tinha e a comprou.
Através da parábola do tesouro escondido no campo, nosso Senhor está nos dizendo que nós temos que crer no evangelho da água e do espírito não importa qual sacrifício seja requerido. E agora, com essa parábola da pérola de grande valor, Ele está nos dizendo que nós temos que defender nossa fé no verdadeiro evangelho não importa o quanto isso possa ser difícil.
A pérola aqui se refere a perseverança da fé. Imagine como as ostras crescem dentro das ostras. Como é difícil esse processo, e quanto paciência é necessária? Quando uma ostra é ferida, ela libera uma substância para curar a si mesma do ferimento, e no final o que ela libera se torna uma pérola.
Jesus disse que o Reino dos Céus é semelhante a um comerciante que busca boas pérolas, querendo dizer que se nós encontrarmos o evangelho da água e do espírito e crermos nesse evangelho, se nós vendermos todos os nossos bens para crermos nele, então nós vamos submeter nossa vida até a morte para guardar esse evangelho, não importa o preço do sacrifíco que virá depois. Mesmo que fôssemos perder tudo que temos, em outras palavras, ainda assim nós deveríamos guardar esse precioso evangelho para não perdê-lo. Pagaríamos o preço que fosse para guardá-lo.
Meus amados irmãos, já que é importante possuirmos o valioso tesouro, uma vez que nós o possuímos, também é muito importante guardá-lo e administrá-lo bem, para que possamos gozar de todos os benefícios que decorrem dele. Para fazer isso, nós temos que pagar o preço, o preço do sacríficio.
Algumas pessoas mantém um cofre em sua casa. Elas colocam suas coisas de valor, como jóias, nesses cofres, mas logo depois de fazer isso, elas ainda ficam com medo de perdê-las. Então elas colocam firmemente o cofre na parede, para que seja o mais difícil possível que um ladrão o arrombe. Desde quando elas controem a casa, elas colocam o cofre na parede. Há de fato pessoas assim que controem suas casas com essa coisa na mente, se assegurando que ninguém jamais será capaz de arrombar seu cofre a não ser que derrube a casa inteira ou tenha a chave do cofre. Elas fazem isso porque colocam todo tipo de coisas valiosas no cofre, e porque querem protegê-las. Aqueles que não são tão ricos, é claro, colocam seu dinheiro no guarda-roupa ou embaixo do colchão. Resumindo, aqueles que pensam que seus bens são muito valiosos tentam demais protegê-los de serem roubados. Mas se alguém acha que não tem nada a perder, ele não vai nem trancar a porta da frente quando sair de casa.
Já que nós cremos no evangelho da água e do espírito, devemos entender como ele é valioso, e devemos tentar guardá-lo. Já que existem aqueles que estão tentando tomá-lo de nós, para proteger nosso tesouro, devemos pagar o preço do sacrifício. É isto que a parábola da pérola preciosa está dizendo.
Nós estamos nos dedicando à Grande Comissão, que nos ordena a ir e pregar o evangelho da água e do espírito em todo o mundo. Se esse evangelho é valioso para nós, temos que protegê-lo de todas as formas, para que ele não seja deturpado. É por isso que eu às vezes falo tão asperamente, para que isso fique gravado firmemente no seu coração, para que você tenha uma compreensão correta sobre isso, e para que você guarde isso muito bem.
Meus amados irmãos, há aqueles que tentam deturpar esse evangelho da água e do espírito. Há também pessoas que são tão ignorantes a respeito do valor desse evangelho da Verdade. Elas agem assim porque não o conhecem bem; mas se elas conhecessem seu real valor, por que elas fariam isso? É por isso que nós devemos reconhecer o valor do evangelho.
Este é um tesouro que não pode ser trocado por nenhum outro tesouro. Nesta arca existe todo tipo de tesouro. Ela possui todo tipo de pedras preciosas, de pérolas a broches de safira, braceletes de ouro, anéis de âmbar, anéis de diamante, anéis de jade, e muito mais. Esta arca não pode ser trocada por nada neste mundo, porque foi dada a nós por Deus. Se nós somente crêssemos nela e a levássemos para o Senhor, nós receberíamos recompensas ainda maiores do que esta, e então entenderíamos porque não devemos trocá-la por nada neste mundo.
Assim como o comerciante, se nós soubéssemos o valor da pérola, venderíamos tudo o que temos e a compraríamos. Já que cremos no evangelho da água e do espírito e reconhecemos seu valor, nós devemos empenhar todo o nosso esforço para protegê-lo e anunciá-lo. Isso não é para ser feito somente uma vez, mas devemos comprometer nossa própria vida para fazê-lo. Devemos investir tudo que temos e apostar nossa vida nisso.
Enquanto caminhava pela minha vizinhança, eu encontrei uma nova pizzaria que tinha acabado de abrir, com um cartaz enorme pendurado na frente da loja. O cartaz dizia: “eu aposto minha vida nessa pizza!” Então na hora que eu vi aquele cartaz, eu não pude evitar de experimentar aquela pizza. Como alguém poderia ignorar uma pizza que alguém apostou sua vida nela? E como alguém poderia dizer que a pizza não era tão boa assim?
Então eu disse aos meu cooperadores: “Nós devemos ir lá para almoçar. Como poderíamos deixar de fazer isso, já que o dono aparentemente apostou sua vida nisso? Nós devemos tentar. Vamos nessa pizzaria onde há uma vida em jogo.”
Todos nós fomos lá então e experimentamos a pizza. O veredito? Não era tão boa para se apostar uma vida, mas era melhor do que a maioria das pizzas. Tendo acabado de almoçar, nós ficamos sentados lá por algum tempo, sem saber o que dizer para o dono que estava ansiosamente esperando a nossa aprovação, e eu finalmente disse: “Estava muito boa! Estava de fato boa demais para apostar sua vida! Estava realmente deliciosa.” Embora a sua pizza não fosse a melhor que eu já havia provado, eu não pude deixar de admirar sua dedicação ao seu restaurante. Eu gosto de pessoas dedicadas assim. Qualquer um que trabalhe tão dedicadamente a ponto de apostar sua própria vida no seu trabalho merece meu respeito.
Não importa o quanto a pizza pudesse ser ruim naquela pizzaria, uma vez que o dono apostou sua vida no seu negócio, eu tive confiança no restaurante e quis voltar lá outra vez. Da mesma forma, quando nós servimos ao evangelho da água e do espírito, eu realmente quero que apostemos nossa vida nesse evangelho, que dediquemos nossa vida inteira a pregar esse evangelho. E quero que todos nós guardemos esse evangelho. Essa obra que traz uma nova vida à alma das pessoas e as salva da destruição vale realmente todo o nosso esforço. Vale a pena até mesmo sacrificarmos nossas vidas. Quando nós estivermos trabalhando, se de repente morrermos algum dia e Deus nos levar, essa terá sido uma obra que valeu a pena apostar nossa vida. Nunca deve haver um tempo para desistirmos dessa obra mesmo que alguma cirscunstância mude. Nesse ministério de pregar o evangelho vale muito a pena para nós apostar nossa vida inteira e tudo que temos.
E devemos ter paciência enquanto nos dedicamos a esse precioso ministério. Devemos ficar firmes até o fim, porque não é fácil seguir o Senhor. Por não ser tão fácil servir ao evangelho, devemos ficar firmes e perseverar para que não o percamos; nós devemos reconhecer seu valor e nunca mudar a atitude do nosso coração que vendeu tudo e o comprou. Até o dia de nós entrarmos no Reino dos Céus, devemos servir ao evangelho firmes e com perseverança. Devemos colocar nossa própria vida como garantia para a pregação do evangelho – isso, na sua essência, é o que o Senhor está pedindo de nós agora. Se isso fosse uma questão de pouca importância, eu não estaria explicando tudo isso a você me referindo a minha própria vida antes, mas porque essa é uma obra valiosa que não pode ser comparada a nenhuma outra, eu só posso aconselhar você a conhecer o valor desse valioso evangelho, crer nele, perseverar, pregá-lo, guardá-lo até o fim, e então receber as tremendas bênçãos que esperam por você. Foi isso que nosso Senhor nos falou.
Eu me sinto muito feliz e orgulhoso por estar servindo ao Senhor com você. Nossa igreja tem somente 300 membros, mas nós estamos pregando o evangelho em todo o mundo. Nós trabalharemos ainda mais no futuro, 100 vezes mais do que fazemos até agora. Como conseguiremos isso, você pode estar se perguntando, já que até agora nossas habilidades são limitadas e isso parece tão improvável? Podemos conseguir isso trabalhando com fé. Nós trabalhamos apenas com nosso corpo? Se este fosse o caso, só o dia de hoje já seria suficiente para fracassarmos. Nós precisamos confiar na nossa fé e trabalhar mais duro ainda. O Senhor é Aquele que nos capacita a alcançar essas coisas.
Eu estou muito feliz. Eu estou muito feliz por poder fazer essa obra com você. Desde que eu encontrei esse evangelho da água e do espírito, eu me tornei um homem feliz assim. E você? Você se tornou feliz já que encontrou o evangelho da água e do espírito?
Quando você encontrou pela primeira vez esse evangelho, você provavelmente deve ter pensado que isso não passou de um mero acidente. Pode ter parecido apenas uma coincidência, mas na verdade, tudo isso foi planejado com antecedência. E foi por causa desse plano que encontramos o precioso tesouro, e assim tomamos posse dele. É por isso que eu sou tão feliz. Embora não seja fácil guardar esse evangelho, o fato de eu poder fazer essa obra é suficiente para me fazer feliz.
Sempre que as muitas pessoas deste mundo falam alguma bobagem, ao invés delas falarem do evangelho da água e do espírito, eu na mesma hora respondo a elas assim: “o que vocês estão falando? Vocês só estão falando bobagem. Parem de colocar sujeira para fora. Vocês pensam que esse evangelho da água e do espírito, o evangelho que está revelado na Bíblia, seu poder, e Aquele que o deu a nós, são como todos vocês? Vocês acham que pensamentos inúteis vindos das suas mentes vazias podem sequer ser comparados com a Palavra de Deus? Seus QI’s chegam no máximo a três digitos, e ainda assim vocês continuam dizendo essas coisas insanas!”
Meus amados irmãos, quando as pessoas não falam sobre o evangelho da água e do espírito, mas sobre outros evangelhos similares, isso nos afeta de alguma maneira? Claro que não. Somente tolos têm esse tipo de conversa estranha. Quando eu converso com as pessoas, eu sempre falo da Palavra de Deus sem dúvida, e eu nunca falo dos meus próprios pensamentos.
Neste mundo há muitos pastores e cristãos que confessam crer em Jesus. Entretanto, eles podem ser comparados a nós? Nossos obreiros podem ser comparados aos falsos pastores? É claro que não. O fato de alguém sequer ter coragem de nos comparar com esses falsos cristãos, que não são nada mais do que religiosos bastardos, é um insulto para nós. A palavra “bastardo” se refere a alguém que nasceu fora do casamento, e essa é uma palavra que se encaixa muito bem aos religiosos deste mundo. Quando nós lemos Gênesis 6, vemos que havia gigantes que nasceram de pais não casados: “havia naqueles dias gigantes na terra, e também depois, quando os filhos de Deus conheceram as filhas dos homens, as quais lhes deram filhos. Estes foram valentes, os homens de renome que houve na antiguidade” (Gênesis 6:4). Bastardos devem ser chamados definitivamente de bastardos, o que é precioso definitivamente deve ser chamado de tesouro.
Nós somos o próprio povo de Deus. Somos os obreiros de Deus, aqueles que possuem o tesouro mais precioso do mundo, aqueles que possuem a fé como um tesouro. Eu agradeço a Deus por isso. Ter dignidade e honra em nós mesmos, quando comparado a essa fé e essa Verdade que Deus nos deu, é algo tão insignificante. Nós somos, de fato, mais do que capazes de nos exaltar diante de qualquer um por causa da honra que temos. Mas na verdade nós temos que renunciar nossa honra e abaixar nossas cabeças por causa desse precioso evangelho.
Considerando isto, quem então ousaria nos comparar àqueles que ainda não receberam a remissão dos seus pecados e crêem em falsos evangelhos? Quem poderia fazer isso? Que fama, tentação, ou tesouro teria alguma possibilidade de nos tirar desse amor que encontramos em Cristo?
Eu devoto toda minha gratidão a Deus.