The New Life Mission

Sermões

Assunto 16: O Evangelho Segundo JOÃO

[Capítulo 1-9] (João 1:29-39) A Prova Bíblica de que Jesus Levou Todos os Pecados do Mundo

(João 1:29-39)
“No dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo! Este é aquele do qual eu disse: Após mim vem um homem que tem a primazia, porque era primeiro do que eu. Eu mesmo não o conhecia, mas para que ele fosse manifestado a Israel, vim, por isso, batizando com água. Então João testificou, dizendo: Eu vi o Espírito descer do céu como pomba e permanecer sobre ele. Eu não o conhecia, mas o que me mandou batizar com água, me disse: Aquele sobre quem vires descer e permanecer o Espírito, esse é o que batiza com o Espírito Santo. Eu vi e testifico que este é o Filho de Deus. No dia seguinte João estava outra vez ali, na companhia de dois dos seus discípulos. Quando ele viu Jesus passar, disse: Eis o Cordeiro de Deus. Os dois discípulos ouviram-no dizer isto e seguiram a Jesus. Jesus, voltando-se e vendo que eles o seguiam, perguntou: Que buscais? Eles disseram: Rabi (que quer dizer Mestre), onde moras? Respondeu-lhes: Vinde, e vede. Foram, e viram onde morava, e ficaram com ele aquele dia. Era quase a hora décima.”
 
 
Vamos Meditar sobre como Somos Fracos
 
Como o ser humano é fraco! Nós temos que colocar nossa cabeça no lugar quando começamos a pensar sobre isso. Uma pessoa deve conhecer sua verdadeira natureza e humilhar seu coração.
O que é um ser humano? Eu estou perguntando o que é um ser humano em sua essência. Se olharmos para nós mesmos como seres humanos, será que nós vivemos mesmo porque temos grandes idéias, excelentes habilidades, perspectivas e poder? Na verdade nos faltam todas estas qualidades. Podemos até ter grandes ideais no coração, mas ninguém vive somente de grandes ideais. Nós somos seres fracos assim.
Quando nós olhamos para nossa realidade como seres humanos, acabamos descobrindo que não há nenhuma maneira de alcançarmos esses grandes ideais. Essa é a nossa realidade atual. Todavia, nós é que sempre que estimamos demais nosso valor sem entender nossa real natureza. As pessoas têm lutas porque não conhecem a si mesmas. Isso porque no início elas têm uma grande fé em si mesmas, mas depois elas acabam se decepcionando quando descobrem suas fraquezas.
Na verdade, as pessoas têm tentado chegar a um alto nível de virtude realizando em sua vida obras éticas e religiosas. Mas qual é a verdade? Embora elas tenham objetivos muito altos, elas realmente podem corresponder a todos eles? As pessoas se decepcionam quando enfrentam a realidade porque elas não conseguem ver a si mesmas e se reconhecerem como realmente são. A razão pela qual as pessoas se decepcionam e também são decepcionadas pelos outros é porque suas expectativas são muito altas. Por isso, nós não devemos achar que somos grande coisa e nem considerar a nós mesmos tão nobres assim.
Hoje, eu gostaria de compartilhar com vocês a mensagem de João 1:29-39. O versículo 29 da passagem bíblica deste capítulo diz: “No dia seguinte João viu a Jesus, que vinha para ele, e disse: Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!”
Dentre todos os pecados do mundo, quais foram os que nosso Senhor levou? Ele levou apenas o pecado original? Deus perdoa todos os nossos pecados pessoais quando nós fazemos orações de arrependimento? Jesus levou todos os pecados que cometemos antes de crer Nele como nosso Senhor e Salvador? Ou Jesus levou todos os pecados do mundo de uma vez por todas como nos diz a passagem bíblica deste capítulo? A Bíblia nos diz e deixou registrado que nosso Senhor levou todos os pecados do mundo sobre Si de uma vez por todas.
Os pecados que nós cometemos enquanto vivemos neste mundo são como uma nuvem (Isaías 44:22). Mas nosso Senhor nos disse que Ele levou todos os pecados do mundo através do Seu batismo. Para ser mais exato, o que eu estou dizendo é que nosso Senhor levou todos os pecados que cometemos através do Seu batismo. Jesus sabe muito bem que você não tem como evitar de pecar, quando está acordado ou até mesmo dormindo. Como uma rotina em nossa vida nós comemos e dormimos, e também cometemos pecados continuamente como um hamster andando em sua rodinha. Entretanto, a Bíblia nos diz que Jesus levou todos os nossos pecados no mundo de uma vez por todas ao ser batizado por João Batista até o nosso último suspiro.
Nós devemos estar atentos à Palavra que afirma que nosso Senhor levou todos os pecados do mundo ao ser batizado. Como nós somos? Está escrito no Salmo 51:5: “Certamente em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu a minha mãe”. Deste modo, nós nascemos com pecado e continuaremos pecando neste mundo. Meus amados irmãos, nós continuamos cometendo pecados enquanto vivemos. Eu não estou certo? Assim como as pessoas acabam se sujando quando entram em uma mina de carvão ou acabam bebendo se entrarem num bar, da mesma forma todo mundo acaba cometendo muitos pecados enquanto estão vivendo neste mundo.
Meus amados irmãos, vocês não cometem muitos pecados neste mundo? Vocês não cometem nenhum pecado que seja? Se vocês disserem que não cometem nenhum pecado vocês estarão mentindo. Nós sabemos que as pessoas continuam a cometer pecados enquanto estão vivendo neste mundo. Então, para nos libertar de todos os pecados do mundo, nosso Senhor levou todos eles sobre Si mesmo de uma vez por todas ao ser batizado. Assim, ao carregar todos os pecados do mundo até a Cruz, onde recebeu a condenação por todos eles derramando Seu sangue, Jesus nos libertou de todos os pecados do mundo. Deste modo, não há nenhum pecado deste mundo nos crentes. Embora sejam fracos e deficientes em muitas áreas, os crentes não têm pecado em si porque o Senhor já levou todos os seus pecados sobre Si mesmo.
É óbvio que você e eu não teríamos sido libertos de todos os nossos pecados se Jesus não tivesse recebido o batismo de João Batista, pelo qual Ele levou todos os pecados do mundo.
 
 
A Prova Bíblica de que Jesus Levou Todos os Pecados Deste Mundo
 
Vamos ver a Palavra em Mateus 3:15-17: “Mas Jesus lhe respondeu: Deixa por agora, pois assim nos convém cumprir toda a justiça. Então João consentiu. Assim que Jesus foi batizado, saiu logo da água. Nesse instante abriram-se-lhe os céus, e viu o Espírito de Deus descendo como pomba e pousando sobre ele. E uma voz dos céus disse: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo”.
Quando nosso Senhor foi ser batizado por João Batista no rio Jordão, Ele disse a João Batista que “deixasse por aquele momento, porque assim convinha cumprir toda a justiça”. João Batista então obedeceu e batizou Jesus.
Quando Jesus foi batizado, Ele disse a João Batista: “Deixa por agora, pois assim nos convém cumprir toda a justiça” (Mateus 3:15). Nosso Senhor levou todos os pecados do mundo ao ser batizado e apagou todos eles levando-os até a Cruz. Nosso Senhor cumpriu toda a justiça de Deus ao ser batizado por João Batista. Declarar que Jesus cumpriu toda a justiça de Deus ao ser batizado por João Batista quer dizer que Jesus levou todos os pecados do mundo pelo Seu batismo.
Se formos declarar este fato segundo nosso entendimento, Seu batismo significa que todos os nossos pecados no mundo foram transferidos a Jesus de uma vez por todas. Nossa fé se tornou perfeita porque Jesus Cristo levou todos os pecados do mundo sobre Seu próprio corpo de uma vez por todas através do Seu batismo.
Meus amados irmãos, nós temos fé que Jesus levou todos os pecados do mundo, mas é verdade também que nós iremos cometer pecados até morrermos. Nós cometemos ou não todo tipo de pecado enquanto estamos vivendo neste mundo? Desde o dia do nosso nascimento até o dia da nossa morte nós iremos sempre cometer pecados. Mesmo se pecarmos em nossa mente ou em nossos atos, cada pecado que cometemos é um pecado deste mundo. Mas nosso Senhor levou todos estes pecados do mundo ou não? Está escrito na Bíblia que Ele levou todos os pecados do mundo. Quando João impôs suas mãos sobre Jesus, todos os pecados do mundo foram transferidos para a cabeça Dele, e Jesus assim levou cada pecado deste mundo. E tudo foi cumprido da maneira exata como o pecado era oferecido no Antigo Testamento (Levítico 1:4; 4:27-30, 16:21). Deste modo, todos os pecados que nós cometemos neste mundo não existem mais. Jesus levou todos os pecados do mundo, e por isso fomos libertos de todos eles pela nossa fé.
Ao ser batizado por João, Jesus levou todos os pecados que cometemos neste mundo. Portanto, nós temos que crer no que a Bíblia diz. Jesus levou cada pecado que nós comentemos neste mundo com Seu batismo sem exceção. E nós recebemos a remissão de pecados crendo nisso. Por Jesus ter sido batizado por João Batista é que Ele pôde levar todos os pecados do mundo até a Cruz, onde morreu crucificado para pagar o salário por todos estes pecados. Essa é a Verdade do evangelho da água e do Espírito pela qual recebemos a remissão de pecados.
Alguns teólogos interpretam a frase “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo” como se ela significasse: “Aqui está o Cordeiro de Deus que tira o pecado original”. Eles dizem que Jesus levou o pecado o original de todas as pessoas, e portanto, os pecados pessoais que cometemos neste mundo têm que ser purificados fazendo orações de arrependimento. Essa é uma interpretação errada deste versículo bíblico. Essa interpretação vem da sua mente, onde a Palavra de Deus não está gravada, e traz confusão e um entendimento errado aos crentes.
Meus amados irmãos, Jesus levou todos os pecados do mundo ao ser batizado no rio Jordão e carregou todos esses pecados até a Cruz. Jesus levou por completo todos os pecados que cometemos neste mundo. Essa é a base bíblica que nos permite receber a salvação pela fé. Em nenhum lugar da Bíblia Jesus diz que levou somente o pecado original. Ao contrário, a Bíblia diz que Jesus foi batizado por João Batista e levou todos os pecados do mundo sobre Si de uma vez por todas.
Nós seres humanos cometemos pecados nossa vida inteira neste mundo. E por mundo nós queremos dizer o mundo que foi criado por Deus até o seu final, e todos os pecados que as pessoas cometem desde nascer até morrer são os pecados do mundo. Os pecados do mundo incluem os pecados cometidos por Adão, o primeiro ser humano, e todos os pecados que serão cometidos pelo último ser humano. Todos cometem pecados. Mas Jesus levou todos os pecados do mundo ao ser batizado por João Batista e pegando o salário por todos estes pecados ao derramar Seu sangue na Cruz. Foi assim que Ele nos livrou de todos os pecados do mundo.
Nós cremos na Palavra de Deus como ela é, enquanto que os teólogos crêem que Jesus levou somente o pecado original. Porém, o que eles crêem é algo totalmente absurdo e não passa de uma idéia sem sentido que saiu da sua própria mente. Eles dizem: “Como é que Jesus pôde levar os pecados que ainda não foram cometidos? Jesus levou os pecados que nós cometemos até o momento da nossa conversão e os pecados que herdamos dos nossos pais”. A Palavra de Deus é muito complexa, e eles fazem essas afirmações sem sentido porque tentam entendê-la com sua própria inteligência. Dizer que Jesus levou somente o pecado original e não todos os pecados com Seu batismo é a interpretação mais ignorante que uma pessoa pode fazer.
Meus amados irmãos, vamos analisar a nós mesmos. Já que nós não tínhamos como evitar de pecar neste mundo até morrermos, Jesus teve que levar cada pecado do mundo de uma vez por todas com Seu batismo. Deste modo, Jesus cumpriu toda a justiça de Deus assim como diz as Escrituras: “Pois assim nos convém cumprir toda a justiça” (Mateus 3:15). Para fazer a obra de justiça eliminando todos os pecados do mundo, nosso Senhor foi batizado por João Batista e levou todos os pecados do mundo até a Cruz, onde derramou Seu sangue até a morte. O batismo que Jesus recebeu e Seu sangue derramado na Cruz eram a própria justiça de Deus que nos foi dada para nos livrar da condenação eterna. Quando Jesus foi batizado por João Batista e ao mesmo tempo recebeu a pena de morte em nosso lugar pelos nossos pecados, Ele apagou todos os pecados do mundo sem exceção. Este é o evangelho da água e do Espírito pelo qual Deus nos livrou de todos os nossos pecados. Meus amados irmãos, vocês crêem nisso? Eu tenho certeza que sim.
 
 
Meus Amados Irmãos, Vocês e eu Somos Seres Deste Mundo?
 
Enquanto eu e você estivermos vivendo neste mundo, nós cometeremos pecados. Quantos pecados você e eu cometemos neste mundo? As pessoas neste mundo cometem pecados até morrerem. O Senhor nos diz que os pecados que cometemos são incontáveis como as nuvens do céu. Vamos ver juntos Isaías 44:22.
“Desfiz as tuas transgressões como a névoa,
e os teus pecados como a nuvem.
Torna-te para mim, pois eu te remi”.
Na verdade, se nós fôssemos contar todos pecados que cometemos neste mundo, como seriam numerosos estes nossos pecados! Os pecados que cometemos são como uma nuvem. Algumas religiões dizem que até abrir os olhos é pecado. Nós pecamos até quando sonhamos. Estar acordado é pecado. De uma maneira geral, o ato de viver já é em si um pecado. Quantos pecados você acha que o mundo tem, desde a hora em que abrimos os nossos olhos e começamos a pecar também? Há tantos pecados neste mundo que eles são descritos como uma nuvem.
Nós cometemos tantos pecados neste mundo que o Senhor os descreveu como uma “nuvem”, e disse que apagou todos eles de uma vez por todas com a Verdade do evangelho da água e do Espírito. Já que as pessoas cometem tantos pecados neste mundo, nosso Senhor apagou todos eles no momento em que foi batizado por João Batista e que derramou Seu sangue.
Foi por isso que Jesus disse: “Desfiz as tuas transgressões como a névoa, e os teus pecados como a nuvem. Torna-te para mim, pois eu te remi”. Deus Pai enviou o Senhor Jesus a este mundo e nos redimiu a fim de nos libertar de todos os nossos pecados. Nosso Senhor expiou todos os nossos pecados ao aceitá-los através do Seu batismo e ao pagar o preço por todos eles derramando Seu sangue. Ao receber o batismo no Seu próprio corpo, Jesus levou todos os pecados do mundo sobre Si. Ao oferecer Seu corpo para ser crucificado, Ele sangrou até a morte. Assim, Ele nos livrou dos nossos pecados através do Seu batismo e do Seu sangue derramado. Jesus nos libertou de todos os nossos pecados de uma vez por todas apagando-os por completo com o evangelho da água e do Espírito. No terceiro dia depois de ter morrido em nosso lugar, Ele ressuscitou dos mortos e se tornou o nosso Salvador.
O Senhor disse: “Eu te remi” (Isaías 44:22). Nós somos libertos de todos os nossos pecados crendo no evangelho da água e do Espírito. O evangelho da água e do Espírito é muito importante para todo aquele que crê em Jesus. Para ser bem direto, este evangelho da água e do Espírito é necessário para todos que vivem neste mundo, ele não é importante somente para os crentes.
Já que estamos sempre pecando, Jesus veio a este mundo e levou todos os nossos pecados com Seu batismo e Seu sangue derramado. Pelo Seu batismo, Jesus levou todos os pecados do mundo e carregou-os até a Cruz no Gólgota. Este evangelho da água e do Espírito eliminou os pecados de todos neste mundo. Este evangelho é necessário àqueles que receberam a remissão de pecados e àqueles que ainda não a receberam. Jesus nos trouxe a salvação levando todos os pecados do mundo sobre Seu próprio corpo através do Seu batismo e crucificação. Este evangelho declara que Jesus ressuscitou dentre os mortos e nos trouxe a salvação, e por isso ele é um evangelho que todos precisam. Isso é uma bênção e as boas novas. O evangelho da água e do Espírito é o único evangelho pelo qual nosso Senhor nos libertou ao vir a este mundo.
Este evangelho da água e do Espírito tem o poder de uma dinamite. Os homens tiram uma montanha do caminho com dinamite quando vão construir uma rodovia. Eles fazem um buraco na rocha, colocam dinamite dentro, e depois a detonam de um lugar seguro. Depois eles limpam o local e se protegem de novo. Então uma nova explosão acontece. Uma rocha maior do que um púlpito voa para o céu e depois cai no chão. E uma rocha maior do que uma igreja é feita em pedaços. Depois que o barulho pára e a poeira se assenta, nós podemos ver que toda a montanha foi despedaçada como migalhas de pão. Enormes tratores e escavadeiras enchem os caminhões e levam embora o entulho. Depois de tudo isso, uma montanha de rocha sólida desaparece sem deixar nenhum rastro.
Os pecados que nós cometemos neste mundo são tão numerosos quanto essas pequenas rochas. Os pecados que nós cometemos perante Deus são como uma nuvem. O Senhor veio a este mundo e teve que ser batizado para acabar com todos os nossos pecados. E Ele carregou esses pecados até a Cruz sendo crucificado até a morte. Quando Jesus foi batizado, todos os pecados que as pessoas cometem e irão cometer até dia da sua morte foram passados a Jesus. A grande quantidade de pecado de mais de 6 bilhões de pessoas deste mundo foram na mesma hora apagados e destruídos por completo pela Verdade do evangelho da água e do Espírito. Ao ser batizado e condenado por todos os nossos pecados, Jesus pagou o preço por todos os pecados do mundo – todos os pecados que nós vamos cometer neste mundo pelas próximas gerações, assim como todos os pecados que foram cometidos por todos os que viveram neste mundo até agora desde os dias de Adão e Eva – e nos trouxe a salvação. Aqueles que reconhecem e crêem em Jesus como seu Salvador que veio a este mundo pelo evangelho da água e do Espírito não tem mais pecado em si mesmos. Este é o poder do evangelho da água e do Espírito pelo qual nosso Senhor nos libertou de todos os pecados do mundo.
Porque o evangelho da água e do Espírito é o maravilhoso poder que apaga todos os pecados das pessoas deste mundo, todo aquele que nele crê já foi completamente purificado de todos os seus pecados de uma vez por todas. Esta é a Verdade que se aplica a todos neste mundo sem exceção. Mesmo assim algumas pessoas crêem nisso e outras não. Aqueles que crêem no evangelho da água e do Espírito não têm pecado, mas os que não crêem terão pecado para sempre. Já que você e eu aceitamos em nosso coração o amor de Deus que é revelado no evangelho da água e do Espírito, nós recebemos a salvação de todos os nossos pecados.
Todos os pecadores precisam do evangelho da água e do Espírito. Ele é necessário tanto para aqueles que não receberam ainda a remissão de pecados, assim como para aqueles que a receberam pela fé no evangelho da água e do Espírito. Aqueles que receberam a remissão de pecados não têm como deixar de pecar neste mundo por causa das suas deficiências e fraquezas. Ainda assim, Jesus o Cordeiro de Deus levou todos os pecados do mundo de uma vez por todas quando foi batizado por João Batista. Ele levou cada pecado cometido pelas pessoas durante sua vida inteira sem exceção.
Quando você ouvir o evangelho da água e do Espírito, você tem que crer em seu coração que todos os pecados deste mundo já foram completamente expiados pelo batismo que Jesus recebeu de João Batista e por Seu sangue derramado na Cruz. Nós temos que viver em vitória, nos lembrando sempre que Jesus já levou todos os pecados do mundo – até mesmo os que nós cometemos depois de termos recebido a remissão de pecados pela fé.
Jesus é o Cordeiro de Deus que levou todos os pecados do mundo. Jesus purificou todos os pecados do mundo através do batismo que Ele recebeu. Meus amados irmãos, todos os seus pecados – os pecados que vocês já cometeram e que ainda vão cometer no futuro – foram levados por Jesus através do Seu batismo e do Seu sangue derramado ou não? Se vocês crêem nisso, vocês não têm mais pecado. Jesus foi batizado e somente então foi à Cruz.
Por isso vocês devem cometer mais pecados por vontade própria então? Meus amados irmãos, vocês vão pecar se eu disser a vocês que estes pecados já foram apagados? Se eu disser: “Gente, cometam esses pecados hoje aqui”, você iria cometer esses pecados sem ficar com a consciência pesada? Isso é um absurdo. Nós não pecamos porque alguém nos diz para pecar ou para não pecar. Nós sempre pecamos porque vivemos num corpo carnal. Sendo assim, devemos sempre crer no evangelho da água e do Espírito e confessar nossa fé nele. Devemos sempre guardar no coração a Verdade da salvação.
Nós pecamos em nossos pensamentos ou em nossos atos porque queremos e porque cremos que Jesus já levou todos os pecados que cometemos neste mundo? De forma alguma. Nós sabemos qual é o salário do pecado, e por isso amamos muito a justiça de Deus tendo fé e gratidão por Jesus, Ele que levou todos os nossos pecados em nosso lugar. Jesus levou todos os nossos pecados – todos os que cometemos por querer e também sem querer. Todos os nossos pecados foram transferidos para Jesus quando Ele foi batizado por João Batista.
Nós temos que ver todos os dias se há pecado em nosso coração analisando-o à luz do evangelho da água e do Espírito. Jesus levou os pecados que você comete neste mundo ou não? Se todos os nossos pecados foram passados a Jesus quando Ele foi batizado por João Batista, nós não temos pecado. Se isso não fosse verdade e nossos pecados não tivessem sido passados a Jesus, nós ainda teríamos os mesmos pecados. Seus pecados foram passados a Jesus ou não? Todos os seus pecados foram passados a Jesus quando Ele foi batizado por João Batista? O Senhor declarou: “Pois assim nos convém cumprir toda a justiça” (Mateus 3:15). Ao receber o batismo, que era o mais apropriado a ser feito, todos os nossos pecados transferidos a Jesus. Na época do Antigo Testamento, o sumo sacerdote Arão transferia os pecados dos israelitas ao cordeiro do sacrifício. Do mesmo modo, quando o representante da humanidade, João Batista, batizou Jesus, todos os pecados do mundo foram transferidos a Ele de uma vez por todas. Todos os seus pecados foram transferidos para Jesus ou não? Sim, todos eles foram completamente transferidos.
Vamos ver a Palavra de Deus em Levítico. “Porá ambas as mãos sobre a cabeça do bode vivo, e sobre ele confessará todas as iniqüidades dos filhos de Israel, e todas as suas rebeldias, segundo todos os seus pecados, fazendo-os assim cair sobre a cabeça do bode. E o enviará ao deserto pela mão de um homem designado para isso. O bode levará sobre si todas as iniqüidades deles para terra solitária; e o homem soltará o bode no deserto” (Levítico 16:21-22).
Arão foi o primeiro sumo sacerdote do povo de Israel. A função do sumo sacerdote era transferir todos os pecados de Israel uma vez por ano no 10o dia do sétimo mês. Eles traziam dois bodes e ofereciam um a Deus para levar todos os pecados do povo de Israel de uma vez pela imposição de mãos do sumo sacerdote.
Quando ele impunha as suas mãos sobre o sacrifício, ele o imolava e o oferecia a Deus. Por isso os sacerdotes do Antigo Testamento estavam sempre cansados. Eles tinham que ficar em pé o tempo todo oferecendo sacrifício sem ter tempo para descansar. O pecador trazia uma ovelha sem macha para os sacerdotes e dizia: “Sacerdote, eu cometi um pecado hoje”. O pecador então impunha suas mãos sobre a cabeça do sacrifício e passava seus pecados para ele. Então o sacerdote responsável cortava em partes o sacrifício e o oferecia a Deus. Como você pode ver, era preciso muitos sacerdotes para expiar os pecados do povo de Israel. Entretanto, no 10o dia do sétimo mês, só o sumo sacerdote fazia um ritual de sacrifício para transferir os pecados de todo o povo de Israel uma só vez.
No Dia da Expiação, antes do sacerdote fazer o sacrifício pelo povo de Israel, ele transferia seus próprios pecados e os pecados da sua família para um novilho (Levítico 16:6). Só depois disso é que ele oferecia o sacrifico pelo povo com dois bodes (Levítico 16:15-23). Ele impunha suas duas mãos sobre a cabeça do primeiro bode e orava: “Deus, o povo de Israel cometeu sérios pecados contra Ti. Eles serviram outros deuses diante de Ti e cometeram assassinato e adultério. Eles foram egoístas e arrogantes. Eles roubaram uns aos outros e também contenderam uns com os outros”. O sumo sacerdote transferia então todos os seus pecados para o bode, cortava seu pescoço e derramava seu sangue. O sangue do sacrifico era espargido sobre o propiciatório no Santo dos Santos.
O sumo sacerdote então dizia: “Oh Deus, o povo de Israel recebeu o juízo através desse sacrifício. Todos os seus pecados foram transferidos para o sacrifico. Eu mesmo transferi todos eles. E o sangue do sacrifício, que levou todos os pecados do povo de Israel, está aqui diante de Ti. Veja este sangue”. E enquanto dizia essas palavras, o sumo sacerdote espargia o sangue sete vezes. Havia campainhas de ouro atadas ao seu manto para que enquanto ele espargisse o sangue elas ficassem tocando. As pessoas fora do Tabernáculo podiam ouvi-las sete vezes. Sete é o número de Deus e significa “perfeição”. O sangue do sacrifico cobria as pontas do altar, e também era espargido sobre a arca da Aliança.
Aquele que cometia até mesmo um simples pecado tinha que morrer diante de Deus. Não havia perdão para o pecado sem a devida expiação de Deus. Entre as pessoas havia perdão porque todas elas cometiam pecado em sua vida. Mas diante do Todo Poderoso não havia perdão. Você teria que morrer diante do Deus Todo Poderoso se cometesse algum pecado. A justiça de Deus é assim. Porém havia uma maneira do povo de Israel receber a remissão dos seus pecados. Se alguém fosse receber a remissão dos seus pecados, ele tinha que levar um bode, impor suas mãos sobre sua cabeça e transferir seus pecados para ele. O povo de Israel no Antigo Testamento escapava da morte por causa dos seus pecados transferindo-os para um bode impondo suas mãos sobre ele e imolando-o. Desta maneira o povo de Israel recebia a remissão pelos pecados de um dia.
Hoje em dia, as pessoas podem receber a remissão dos seus pecados se crerem no evangelho da água e do Espírito, que afirma que Jesus levou todos os pecados do mundo através do Seu batismo e da Sua morte na Cruz. Não há perdão quando se peca. Portanto, nós temos que receber a remissão de pecados crendo na Verdade pela qual Deus cuidou dos nossos pecados.
 
 
O Sacrifício para a Eterna Redenção
 
A oferta pelo pecado diário era imperfeito e insuficiente, e requeria muitos cordeiros para o sacrifício. Por isso, Deus nos concedeu um método melhor para a salvação. Era necessário fazer um sacrifício no Dia da Expiação uma vez por ano no 10o dia do sétimo mês (Levítico 16:29), quando o sumo sacerdote impunha suas mãos sobre a cabeça de um bode e transferia para ele todos os pecados do povo de Israel. Deste modo, os pecados de um ano eram transferidos para o bode. E de uma forma cerimonial, o bode era levado ao deserto.
Meus amados irmãos, quando o bode sobre o qual todos os pecados do povo de Israel eram transferidos era solto no deserto, ele acabava morrendo de sede. Jesus veio a este mundo como o bode da expiação, como o Cordeiro de Deus que havia sido prometido. Jesus veio a este mundo e foi batizado por João Batista no rio Jordão a fim de que Ele se tornasse o Cordeiro de Deus que tiraria todos os pecados do mundo. João Batista foi o maior entre todos os nascidos de mulher e também, como descendentes de Arão, foi um sumo sacerdote. Então Jesus, o bode expiatório, e o sumo sacerdote João Batista, completaram a remissão de pecados que apagou todos os nossos pecados por toda a eternidade.
Ao ser batizado por João Batista, Jesus levou todos os pecados do mundo de uma vez por todas. Quando Jesus foi ser batizado Ele disse a João Batista: “Pois assim nos convém cumprir toda a justiça”. Quando Jesus foi batizado, não apenas os seus e os meus pecados foram transferidos para Sua cabeça, mas também todos os pecados do mundo. Ao ser batizado, Jesus levou todos os pecados que nós cometemos neste mundo. Ao fazer isso, ele nos libertou de todos os pecados que nós cometemos neste mundo. Nosso Senhor nos libertou de todos os pecados do mundo através do Seu Filho Jesus.
Então nós temos pecados ou não? Embora vivamos neste mundo, nós não temos pecado. Nós fomos salvos de todos os pecados do mundo. E nós agora não temos mais pecado porque Jesus levou todos os pecados do mundo.
Como é que nós nos sentimos agora que não temos mais pecados neste mundo? Qual o resultado de termos fé nessa Verdade? Nós nascemos de novo da água e do Espírito (João 3:5). Nós recebemos a salvação ouvindo e crendo no evangelho da água e do Espírito. Nós também pregamos este evangelho àqueles que ainda não o ouviram. Nós agora temos um grande desejo e responsabilidade. Por termos recebido a remissão de todos os pecados que cometemos neste mundo, nós queremos dedicar nossas vidas ao evangelho.
Nós agora queremos ser servos do evangelho pois temos o desejo no coração de compartilhar o evangelho da água e do Espírito com aqueles que não ouviram as boas novas. Somente aqueles que crêem no evangelho da água e do Espírito estão qualificados para pregar a Palavra de Deus. É por isso que esta tarefa foi dada a nós. Se vocês todos crêem no evangelho da água e do Espírito, vocês também têm que ser pessoas com estas qualificações. Aqueles que nasceram de novo crendo no evangelho da água e do Espírito querem e irão fazer as obras de Deus.
Meus amados irmãos, eu quero finalizar com um versículo bíblico: “Eis o Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo!”
Você já cometeu algum pecado neste mundo? Claro, todos nós cometemos. Mas Jesus levou todos os pecados que você cometeu neste mundo – sejam os do passado, os que você está cometendo agora ou que irá cometer no futuro – ou não? Jesus levou todos eles. Eles foram ou não transferidos para Jesus? Todos eles foram transferidos para Jesus. Nós agora não temos nenhum pecado no coração, pois todos eles foram transferidos para Jesus.
Meus amados irmãos, se nós estivermos presos aos nossos pecados, não poderemos fazer a obra do evangelho nem seguir ao Senhor. Jesus já levou todos os pecados do mundo. Então que pecados nós poderíamos ter ainda? Nós não temos nenhum pecado, pois Jesus levou todos os pecados do mundo. Foi por isso que você e eu recebemos a salvação pela fé. E por mais que tenhamos cometido muitos pecados neste mundo, nós agora somos livres do pecado. Hoje nós podemos servir ao evangelho da água e do Espírito como o povo justo de Deus. Na verdade, este é o amor de Deus, a salvação de Deus, a graça de Deus e a bênção de Deus.
Meus amados irmãos, vocês estão se sentindo incapazes e fracos? Jesus os libertou de um modo perfeito. E por isso nós temos que ter a fé concreta de que recebemos a salvação. Nós temos que viver segundo a Palavra de Deus com a certeza de que não mais teremos pecado em nosso coração.
Embora nosso espírito não seja visível a olhos nus, se nós compreendermos e entendermos a Palavra de Deus seremos libertos do pecado e poderemos tomar parte na preciosa obra de Deus. O Senhor disse: “Então conhecereis a verdade e a verdade vos libertará”. A Verdade da Palavra de Deus nos livrou a todos dos nossos pecados e fez de nós um povo justo. Este é o próprio evangelho da água e do Espírito.
Nosso Senhor fez de nós um povo sem pecado. Jesus nos livrou de todos os nossos pecados ao levar todos os pecados do mundo. Eu dou graças a Deus por isso. Além disso, Ele nos adotou como obreiros de Deus para que pudéssemos fazer parte da Sua Igreja.
Meu desejo é que Deus venha a guardar nossa fé até os últimos dias e nos ajude a dar testemunho de Jesus, que levou todos os pecados do mundo. Eu dou graças pela Palavra do evangelho da água e do Espírito que Deus nos enviou dos Céus.