The New Life Mission

Sermões

Assunto 18: GÊNESIS

[Capítulo 2-3] (Gênesis 2:1-3) O Sétimo Dia, Quando Deus descansou Após Ter Criado o Universo e Tudo que Nele Há

(Gênesis 2:1-3)
“Assim os céus, a terra e todo o seu exército foram acabados. Havendo Deus acabado no sétimo dia a obra que fizera, descansou nesse dia de toda a obra que tinha feito. E abençoou Deus o sétimo dia, e o santificou, porque nele descansou de toda a obra de criação que fizera”.
 
 
Eu sou grato ao nosso Deus por Ele ter nos libertado de todos os nossos pecados pela Sua infinita graça e misericórdia. Hoje, eu quero compartilhar com você algo sobre o ‘sentido espiritual de Deus ter descansado no sétimo dia’, depois de ter criado os céus e a terra e tudo que neles há. A passagem bíblica deste capítulo nos diz que Deus descansou no sétimo dia após completar Sua criação em seis dias, inclusive o homem. Ela nos mostra que Deus Pai cumpriu todo o Seu plano através do Seu Filho, Jesus Cristo.
 
 
Em que Altura o Plano de Deus Foi Completado?
 
A passagem acima nos mostra que Deus completou toda a obra da criação no sexto dia e descansou no sétimo. Isso nos assegura também que todo o Plano de Deus se completou em Jesus Cristo.
O Deus perfeito criou o universo e tudo que nele há, inclusive o homem. Contudo, do nosso ponto de vista, alguns aspectos da criação de Deus podem parecer imperfeitos. Por exemplo, este mundo está cheio de pecados e tirania. E é por isso que dúvidas começam a surgir e pensamos por que Deus criou um mundo pecaminoso, e não um mundo perfeito e lindo. Quando olhamos para um corpo orgânico também, ele parece tão imperfeito para nós. Vai ver que é por isso que há tantos evolucionistas neste mundo.
Entretanto, a bíblia nos diz que Deus descansou no sétimo dia após ter completado toda a obra da criação. Esta passagem nos fala da vinda de Jesus Cristo a este mundo para cumprir a justiça de Deus. Jesus Cristo é o Deus Todo Poderoso, o Alfa e o Ômega, Aquele que completou toda a obra da criação. Jesus Cristo veio a este mundo e realizou os planos do Pai. Quando temos fé nas obras que Jesus realizou e completou, a vontade de Deus é realizada também.
O número seis foi dado ao homem porque ele foi criado no sexto dia. O número sete na bíblia se refere a Deus. Isso porque Deus descansou no sétimo dia após ter completado a obra da criação. É por isso que dizemos que o sete é o número da perfeição. Assim como Deus completou tudo no sétimo dia, Jesus também realizou Sua vontade de modo perfeito com o evangelho da água e do Espírito.
O número 666 aparece no livro de Apocalipse. Ele nos diz que num futuro bem próximo um homem tentará se passar por Deus. Foi o Deus triuno que criou os céus e a terra, porém o homem se rebelou contra Ele e tentou tomar o Seu lugar. Este mal chegará ao mundo quando este homem, o anticristo, vier e começar a reinar sobre todos.
Quando o anticristo aparecer para reinar sobre o mundo todo, seu primeiro passo será ter um controle militar absoluto e, depois disso, controlar a economia mundial. O mundo já está se preparando para se tornar uma grande comunidade econômica, e quem está liderando este movimento é a Comunidade Européia. As fronteiras e as nacionalidades aos poucos irão desaparecer e todos estarão sob domínio de um grande sistema governamental. Quando estes dias maus chegarem, o anticristo fará com que uma marca seja colocada na palma da mão ou na testa de todos a fim de controlar o mundo inteiro. Os avanços tecnológicos já possibilitaram a criação de um chip para ser colocado debaixo da pele para que todos sejam monitorados. Logo chegará o dia em que os ditadores malignos poderão localizar e controlar por satélite todos que vivem nessa terra.
O homem que vive sem Deus faz de tudo para ser perfeito e feliz, mas a verdade é que, longe de Deus, ele jamais poderá se tornar perfeito. Deus descansou no sétimo dia depois de ter criado todas as coisas, inclusive o homem. E como Jesus Cristo é Aquele que realizou todas estas obras, Deus nos diz que nossa vida só será completa se estivermos Nele. Todos desejam realmente ser perfeitos, mas a primeira coisa que eles têm que saber é que só serão uma criação perfeita de Deus se tiverem um encontro com Jesus Cristo. Independente de quem sejam, todos precisam ter um encontro com Jesus Cristo para alcançar a perfeição e ter o descanso e as bênçãos eternas. Aqueles que ainda não tiveram um encontro com Jesus Cristo são pessoas ansiosas. Deus abençoou e santificou o sétimo dia. Isso quer dizer que as pessoas se tornam perfeitas quando encontram Jesus Cristo, que veio pelo evangelho da água e do Espírito. Esta é a vontade de Deus.
O homem tem que conhecer a vontade de Deus. Quais são os propósitos e a vontade de Deus? Deus arquitetou todo o Seu plano para cumpri-lo em Seu Filho Jesus Cristo. Deus é bom e todo poderoso. Ele quer revelar Sua perfeição, misericórdia e amor a todos nós. Portanto, Deus criou os céus e a terra para receber honra e louvor. Nós temos que entender que Deus planejou e cumpriu tudo isso para nos revelar Sua divindade.
Entretanto, nós seres humanos, que fomos criados com um propósito específico, nos rebelamos contra Deus e tentamos ser perfeitos sem Ele. Mas nós temos que entender muito bem que jamais seremos perfeitos, por mais que tentemos buscar essa perfeição com nosso próprio esforço. Todo aquele que tentar alcançar a perfeição com seu próprio esforço sem antes ter um encontro com Jesus Cristo, que veio pelo evangelho da água e do Espírito, acabará fracassando totalmente. Contudo, quando confiamos totalmente em Jesus Cristo ao invés de tentarmos ter uma vida perfeita, Nele nos tornamos criaturas perfeitas. Tolos são aqueles que não sabem que Deus descansou no sétimo dia. Aqueles que não voltam para Jesus Cristo por causa da sua ignorância e tentam se tornar perfeitos por si mesmos são de fato muito tolos.
O Senhor disse: “Sede vós, pois, perfeitos, como perfeito é o vosso Pai que está nos céus” (Mateus 5:48). Aqueles que estão em Jesus Cristo pela fé no evangelho da água e do Espírito se tornam perfeitos. Todavia, muitos não sabem o que este versículo quer dizer realmente. O Senhor também disse: “O Filho do homem é senhor até do sábado” (Lucas 6:5). Todos poderão alcançar a perfeição quando crerem em Jesus Cristo, que veio pelo evangelho da água e do Espírito. Portanto, todos nós temos que buscar Jesus Cristo e nos tornar criaturas perfeitas recebendo Sua graça. Todo aquele que não teve um encontro com Jesus Cristo pela Verdade do evangelho da água e do Espírito não pode se tornar uma criatura perfeita através Dele. Este é o verdadeiro significado do versículo que diz que Deus descansou no sétimo dia.
 
 
Deus Abençoou o Sétimo Dia
 
Deus abençoou o sétimo dia e o santificou (Gênesis 2:3). Assim, Ele nos deu o verdadeiro descanso e a bênção da vida eterna em Cristo. A bíblia nos diz que o verdadeiro descanso está em Jesus Cristo. No entanto, como é que as pessoas de um modo geral interpretam o texto que diz que Deus abençoou e santificou o sétimo dia? Elas separam um dia específico para o santificar e fazem isso com todas as suas forças. A maioria dos cristãos crê erradamente que serão abençoados se guardarem o dia do Senhor para o santificar.
O sétimo dia não se refere a um dia específico da semana. Sete é o número que representa Deus e o sétimo dia é o próprio Deus. Aqueles que ainda não nasceram de novo, especialmente os adventistas do sétimo dia, insistem que o sábado vai da noite de sexta ao pôr-do-sol do sábado, e que eles devem guardar este dia. Eles acham que guardar o sábado é o mesmo que fazer a vontade de Deus. Existem muitos cristãos que também acham que serão abençoados se guardarem o dia do Senhor para o santificar.
Entretanto, Deus nos diz que só Jesus Cristo pode nos dar o verdadeiro descanso e a bênção da vida eterna. É Jesus Cristo, o verdadeiro Deus, quem nos concede bênçãos. O fato de Deus ter abençoado e santificado o sétimo dia significa que Jesus Cristo nos deu a bênção da remissão de pecados através do evangelho da água e do Espírito, a bênção da vida eterna e a bênção de nos tornarmos perfeitos, que na verdade nos torna filhos de Deus. Jesus Cristo abençoa a todos os verdadeiros crentes. Ele não abençoa alguém só porque ele guarda um certo dia da semana ou porque ele cumpre um estatuto da lei. Nós não recebemos bênção alguma com nosso próprio esforço, mas de Jesus Cristo, a fonte de todas as bênçãos. Melhor dizendo, nós somos abençoados crendo na salvação que Jesus Cristo nos deu.
A bíblia diz que “abençoou Deus o sétimo dia, e o santificou”. Mas que bênção é essa? É a bênção da remissão de pecados. Todo mundo pode se tornar santo se aceitar Jesus Cristo e receber a remissão de pecados. Por mais que tenhamos cometido muitos pecados contra Deus, nos tornaremos ‘justos’ se crermos no evangelho da água e do Espírito, que é a verdade da salvação do amor de Jesus Cristo por nós. Amados irmãos, vocês crêem nessa Verdade?
“Porque nele descansou de toda a obra de criação que fizera”. Jesus nos deu a remissão de pecados. Ele completou toda Sua obra e descansou no sétimo dia. A bênção da remissão de pecados é a maior bênção espiritual que existe nos lugares celestiais, como disse o apóstolo Paulo em Efésios 1:3. Jesus nos santificou com a bênção da remissão de pecados que purificou nossos pecados através do evangelho da água e do Espírito. As pessoas que receberam a remissão de pecados já entraram no Reino dos Céus por serem perfeitas em Jesus Cristo, ao contrário das pessoas imperfeitas deste mundo.
Este é o significado do versículo que fala do sétimo dia em Gênesis capítulo dois. Quando Deus criou os céus e a terra, Ele também criou o homem para dar-lhe a remissão de pecados e adotá-lo como filho, para torná-lo justo a fim de que ele pudesse entrar no Seu Reino e ali vivesse por toda eternidade. Deus nos revelou Seu propósito em criar os céus e a terra para que vivêssemos num novo céu e numa nova terra após sermos adotados como Seus filhos e recebermos a remissão dos nossos pecados. O grande propósito de Deus criar o universo foi nos adotar como Seus filhos e nos dar a remissão de pecados. Ele não criou o universo por acaso e o homem por estar entediado.
As primeiras frases da oração do Senhor dizem: “Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome, venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu. Para Deus, Sua vontade já foi cumprida. É por isso que já no primeiro capítulo de Gênesis Ele mostra ao homem Sua grande providência. Deus criou o universo para que vivêssemos para sempre com Ele no Seu Reino eterno como Seus filhos e seres perfeitos em Jesus Cristo. Por isso, nós estaremos errados se dissermos que cremos em Deus mas não conhecermos Seu propósito. É muito importante então conhecermos o propósito pelo qual Deus nos criou. A vontade de Deus é nos ter como Seu povo para viver conosco por toda eternidade. Foi por isso que Ele criou o universo e nos fez nascer neste mundo, a fim de que pudéssemos nascer de novo realmente por meio de Jesus Cristo. Quando todos os planos de Deus forem cumpridos na terra, nós viveremos com Ele num novo céu e numa nova terra para todo o sempre.
O que os cristãos nominais podem fazem, já que eles não conhecem o evangelho da água e do Espírito? Existem muitos cristãos que crêem em Jesus mas não sabem como e por que crêem Nele. Eles não sabem qual foi o propósito de Deus em criá-los, e por isso vivem cheios de entusiasmo, apesar de não terem recebido a remissão dos seus pecados. Contudo, aqueles que ouvem, obedecem e crêem na Palavra de Deus entendem o propósito de Deus em tê-los criado. Eles também sabem por que Deus criou o universo e tudo que nele há, assim como o propósito de Deus ter criado o Jardim do Éden. A vontade de Deus é que sejamos libertos do pecado em Jesus Cristo, e que vivamos por toda eternidade no Reino dos Céus como Seus filhos.
Você ainda é pecador apesar de crer em Jesus? Você ainda tem pecado apesar de guardar o dia do Senhor e o santificar? Você está dizendo que ainda tem pecado apesar de ter tido um encontro com Jesus e recebido a salvação? Se é isso que está acontecendo, você está errado então. Quem ainda tem pecado no coração, apesar de crer em Jesus Cristo, na verdade ainda não teve um encontro com Ele. A Palavra em Romanos 8:1 nos diz a verdade: “Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus”. Pessoas como as citadas acima são criaturas imperfeitas e ainda não tiveram um encontro com o perfeito Salvador Jesus Cristo. Elas se interessam por coisas absurdas e não querem saber da verdade. É um grande absurdo alguém ficar se exaltando dos seus feitos e da sua justiça humana diante daqueles que o seguem. É isso que acontece nas religiões deste mundo.
Os que fazem parte de alguma religião são imperfeitos e ainda não tiveram um encontro com Jesus Cristo. Todos estes seres imperfeitos não sabem por que foram criados e por isso serão lançados no fogo do inferno. E Deus certamente fará isso, como um escultor que junta suas sobras e lança no fogo. Deus criou o ser humano para ele se tornar digno e honrado. Não há nada pior do que aqueles que ainda não tiveram um encontro com Jesus e não receberam a remissão de pecados, pois seu coração é teimoso e incrédulo. Deus vai mesmo expulsar todos eles e os queimará. Esta é a vontade de Deus. Até mesmo os chamados crentes em Jesus arderão no fogo do inferno se não receberem a remissão de pecados. Seria melhor que aqueles que não entendem o propósito de Deus, como Judas Iscariotes, nem tivessem nascido.
Deus nos santificou ao nos dar a salvação em Jesus Cristo e o verdadeiro e eterno descanso aos justos. Deus não chama o pecador de justo sem uma razão. Nós somos chamados justos porque realmente nos tornamos justos crendo no evangelho da água e do Espírito. Os crentes no evangelho da água e do Espírito são os filhos perfeitos de Deus porque eles realmente compreendem o sentido do sétimo dia. Nós nos tornamos justos em Jesus Cristo, recebemos a perfeita remissão de pecados e fomos escolhidos para entrar no Reino de Deus, tudo porque tivemos um encontro com Jesus Cristo no Seu evangelho. O propósito de Deus já foi cumprido na vida de todos os crentes.
No sétimo dia da criação, Deus completou sua obra-prima e finalmente descansou. Deus fez os céus e a terra para criar o ser humano perfeito em Jesus Cristo, pregando a verdadeira fé a toda humanidade. Foi por isso que Ele nos criou e somos tão preciosos aos Seus olhos. Todos nós temos que entender isso.
 
 
Muita Gente Vive Sem Entender Por Que Nasceu Neste Mundo
 
Muitos têm sua própria religião. Eles crêem em algo sem nem mesmo entender por que fazem isso. Meus amados irmãos, vocês sabem por que Deus nos fez nascer neste mundo? Vocês sabem por que Jesus Cristo nos libertou? Muitos são aqueles que nasceram neste mundo, mas poucos que fazem a vontade de Deus. Existem aqueles que dizem que seus familiares têm crido em Jesus por três gerações. Sem dúvida há muitos neste mundo cuja família tem crido em Jesus por gerações, e até há centenas de anos, ainda mais nos lugares onde o Cristianismo começou a ser proclamado. Alguns ousam até dizer que serão abençoados se crerem em Jesus. Mas que bênçãos essa gente pode receber? As pessoas dão muitos testemunhos de bênçãos. Os religiosos dizem que eram pobres antes, mas que agora são ricos. Um aluno disse certa vez que suas notas melhoraram muito depois que ele participou de ‘um culto de avivamento numa manhã’. Mais tarde, ele entrou para uma conceituada faculdade de medicina e se tornou um especialista em câncer. Muitos dizem que coisas assim são bênçãos, mas as bênçãos de Deus são muito diferentes. A verdadeira bênção de Deus é se tornar justo recebendo a remissão de pecados. Está errada a fé que reconhece tudo nessa terra como bênção, menos ‘a bênção verdadeira’.
Muitos cristãos dizem às pessoas quando evangelizam que elas serão abençoados se apenas crerem em Jesus. Você sabe de que bênção eles estão falando? É ficar rico? Se for isso, você não pode ficar rico fazendo parte de outra religião? Tem muita gente que acredita que ficar rico, ter muito status e fazer parte de uma família cristã são as maiores bênçãos que alguém pode receber por crer em Jesus. No entanto, estas não são as verdadeiras bênçãos que Deus deseja nos conceder. Se tornar sem pecado depois de crer em Jesus é a verdadeira bênção que Deus nos concede. Por isso, é inútil receber outras bênçãos, por maiores que elas sejam.
Os famosos pregadores do mundo hoje em dia pregam sobre o Céu, mas confessam que ainda são pecadores, apesar de crerem em Jesus. Os cristãos no meu país se tornam grandes pecadores quando crêem em Jesus. Eles distorcem as palavras do apóstolo Paulo quando ele diz que é “o maior de todos os pecadores” e acham algo natural os pecados do seu coração. No entanto, o plano de Satanás e seu desejo é que todos continuem pecadores depois de crerem em Jesus. Mas o que a Palavra de Deus diz a respeito disso? Ela nos diz que Deus abençoou e santificou o sétimo dia. Deus nos diz que Ele criou o homem sem nenhum pecado. E se isso é verdade, então está correto muitos pastores no mundo todo dizerem que você se torna um pecador quando crê em Jesus, e que se você confessar que não é pecador você se torna arrogante?
O apóstolo Paulo disse que era o pior dos pecadores ao se lembrar como se opunha ao Senhor antes de receber a remissão dos seus pecados (1 Timóteo 1:15). Se você crê em Jesus, você tem que receber a bênção da completa remissão de pecados. É por isso que é inútil receber outras bênçãos. Aonde vão muitos crentes no final, já que muitos líderes cristãos deste mundo os encorajam a crer em Jesus mas não falam nada da bênção da remissão de pecados e do nascer de novo? Eles certamente vão para o inferno. Estes cristãos não conheciam seus pecados antes de crer em Jesus, mas depois de crer Nele se tornaram verdadeiros pecadores. Mas o que a bíblia nos diz sobre isso? Ela nos diz que nós seremos verdadeiros justos, já que cremos em Jesus como nosso Salvador que veio através do evangelho da água e do Espírito.
Os cristãos no mundo inteiro têm que entender o quanto antes que estão no caminho totalmente errado para o qual Deus os criou. Aqueles que têm pecado crêem de maneira errada, apesar de crerem em Jesus. E se eles continuarem crendo assim, eles certamente serão condenados ao inferno. Parece ser uma tendência mundial considerar um ministério abençoado e um sucesso quando um pastor constrói uma grande igreja e a enche de membros. No entanto, podemos dizer que uma igreja é bem sucedida realmente se nela não há nenhuma alma que nasceu de novo? Que sucesso há na vida de um líder ou um pastor que está condenado ao inferno? Como é que podemos dizer que um pastor é bem sucedido, já que seus membros têm pecado e vão para o inferno, independe do quanto são bons e de guardarem o dia do Senhor? Este pastor na verdade é um fracasso.
Enganar as pessoas com palavras doces para tentar tirar o máximo de dinheiro delas é algo típico das religiões do mundo. Que diferença há entre um pastor como este e um vendedor de carros? Se um pastor não ensina como receber a remissão de pecados, ele fracassou em seu ministério. Muitos pastores estão enganados hoje em dia. Você sabe por que eles fracassaram em seu ministério? Eles fracassaram por não conhecerem a grande Verdade, que é o evangelho da água e do Espírito.
Um pastor verdadeiramente bem sucedido converte todo aquele que ouve sua pregação e o leva a ser um santo nascido de novo. O que a palavra ‘santo’ significa? Ela diz respeito ao povo de Deus que é justo porque recebeu a remissão dos seus pecados. Um ministério bem sucedido realmente é aquele que apaga todos os pecados do coração das pessoas e faz com que elas se tornem justas. Um ministério onde as pessoas se tornam justas depois de receberem a remissão de pecados e que prega a sagrada Palavra de Jesus Cristo é considerado um ministério bem sucedido.
A Coréia infelizmente tem a tendência de abraçar religiões estrangeiras e adotá-las mais do que as suas próprias religiões. É por isso que o Cristianismo tem mudado na Coréia e vários ramos dele têm aparecido. O Jesus que eles crêem perdoa seus pecados todos os dias ao invés de dar-lhes a remissão deles de uma vez por todas. Mas a grande verdade é que Jesus, que está no Reino dos Céus agora, apaga todos os nossos pecados de uma vez por todas. Deus nos santifica de modo perfeito quando entendemos o sétimo dia pela fé. Jesus nos diz que todo aquele que tiver um encontro com Ele será alguém perfeito.
Todos nós temos que conhecer o propósito pelo qual Deus criou os céus e a terra. Amados irmãos, vocês sabem qual foi o propósito de Deus ter criado os céus e a terra em sete dias? Nós temos que conhecer este propósito. Nós cremos em Jesus para nos tornarmos justos e recebermos a remissão de todos os nossos pecados, a fim de que nunca mais sejamos pecadores. Se nós acharmos que crer no Cristianismo é simplesmente ser humilde e ter uma vida justa, melhor seria nos convertermos ao Budismo então.
Crer em Jesus sem conhecer o propósito de Deus é o mesmo que tentar capturar o vento. As pessoas não conhecem a razão da sua fé em Jesus por causa da sua ignorância. Como elas estão perdidas! De Gênesis versículos 1:1 a 2:3, Deus nos mostra todo o propósito da criação e como Ele a completou. O propósito de Deus foi santificar as pessoas nos últimos dias, e Ele realmente as santificou.
Deus nos santificou segundo Sua vontade em Jesus Cristo. Efésios 1:4-6 nos diz que o propósito da criação de Deus foi nos santificar em Jesus Cristo para que pudéssemos exaltar Sua justiça e glorificá-Lo. A regra principal é, portanto, conhecer a vontade de Deus antes de crer, conhecê-la antes de pregarmos e edificarmos igrejas. Deus ficaria satisfeito se nós louvássemos, evangelizássemos e fôssemos para o campo missionário sem ter conhecimento algum? Aqueles que são afobados em sua fé e agem pelo propósito errado são como os tolos que constroem sua casa na areia.
Deus por acaso criou o homem e o universo sem nenhum propósito em mente? Assim como todos agem quando têm um propósito, Deus também criou o universo e o homem com um propósito específico; e este propósito é a nossa santificação. É por isso que a bíblia declara: “Esta é a vontade de Deus para a vossa santificação” (1 Tessalonicenses 4:3). Isso é o mesmo que dizer que Deus nos adotou em Jesus Cristo como Seus filhos justos e perfeitos; ou seja, nós fomos criados como seres eternos e completos. O propósito de Deus em criar os céus e a terra foi a perfeita santificação do homem, a fim de que nós pudéssemos viver no Reino dos Céus por toda eternidade. Deus fez todas estas obras e continua fazendo-as com este propósito. Você entende isso?
Nós temos que conhecer o propósito da criação de Deus e entendê-lo. Sendo assim, primeiro nós temos que conhecer este propósito antes de pregarmos o evangelho e fazermos a obra de Deus. Se você for pastorear, você deve fazer isso segundo o propósito da criação de Deus. Você deve fazer com que muitas pessoas recebam a remissão de pecados e instruí-las para que elas conheçam o propósito da criação de Deus e possam pregar para os outros também. Esta é a vontade de Deus que devemos obedecer de todo o nosso coração.
Já que podemos ver isso claramente, como a bíblia nos revela de forma tão clara e objetiva o propósito da criação de Deus! Mas as pessoas não querem conhecer nem descobrir o propósito da criação de Deus. Elas dizem de modo arrogante e ignorante: “A salvação está em todas as religiões e não apenas em Jesus Cristo. Todo ser humano é realmente Deus”. Até hoje encontramos cristãos que insistem no pluralismo religioso. Eles pensam assim porque, apesar de crerem em Jesus, ainda não tiveram um encontro com Ele. Se não tivermos um encontro com Jesus através do verdadeiro Cristianismo, nós acabaremos achando que ele não é a única verdade e que há certas verdades nas outras religiões também. Para ser bem sincero, todos que não receberam a remissão de pecados dizem isso. Entretanto, é algo totalmente tolo dizer que há salvação fora de Jesus Cristo.
O homem só ganha o direito de ser chamado filho de Deus, alguém perfeito e sem pecado, se tiver um encontro com Jesus Cristo. Deus torna os crentes santos e perfeitos em Jesus Cristo. Ele nos deu essa bênção. Aqueles que não foram santificados são os que ainda não entendem o propósito da criação de Deus. Os cristãos que ainda têm pecado no coração têm que entender o significado da Palavra em Gênesis 2:1-3 de maneira correta. A vontade de Deus é que nos tornemos Seus filhos perfeitos e justos em Jesus Cristo. Nós devemos crer e continuar pregando a Palavra da Verdade de Deus até que todos neste mundo entendam e creiam nesta Verdade.