The New Life Mission

Sermões

Assunto 13: O Evangelho Segundo MATEUS

[Capítulo 28-2] (Mateus 28:16-20) “E Certamente Estou Convosco Todos os Dias, Até à Consumação do Século”

( Mateus 28:16-20 )
“Os onze discípulos partiram para a Galiléia, para o monte que Jesus lhes tinha designado. Quando o viram, o adoraram; mas alguns duvidaram. Chegando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: É-me dado todo o poder no Céu e na terra. Portanto, ide e fazei discípulos de todos os povos, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado. E certamente estou convosco todos os dias, até à consumação do século.”
 
 
Jesus Cristo é quem tem autoridade para mandar para o inferno a alma das pessoas. Além Dele, nenhum outro deus tem autoridade para mandar a alma dos pecadores para o inferno. Somente Jesus Cristo pode mandar a alma dos pecadores para o inferno. Assim sendo, um pecador vai para o Céu quando ele recebe a remissão dos pecados pela fé em Jesus Cristo, ou ele vai para o inferno por rejeitá-Lo. Quando Jesus disse: “É-me dado todo o poder no Céu e na terra”, Ele estava dizendo: “Eu sou Jesus que tem essa autoridade. E Deus Pai me deu toda autoridade no Céu e na terra. E Eu também dei a vocês a mesma autoridade.” Isso quer dizer que Ele deu aos Seus discípulos a autoridade de mandar as almas dos pecadores para o Céu ou inferno.
Então, os discípulos de Jesus tinham esse tipo de autoridade. Assim como Jesus tem a autoridade de mandar a alma dos pecadores para o Céu ou inferno, também foi dada aos justos que crêem em Jesus a autoridade de mandar os pecadores para o Céu ou inferno. Aquele que ouve e crê nas palavras que os discípulos de Jesus Cristo estão pregando recebe a remissão de pecados em seu coração. Contudo, se ele rejeitar as palavras dos verdadeiros discípulos de Jesus, ele vai para o inferno porque não pôde receber a remissão dos pecados. Jesus deu aos justos a autoridade de mandar os pecadores para o Céu ou inferno. Vamos ler na bíblia e ver se isso está escrito ou não.
Primeiro, vamos ler João 20:21-23: “Disse-lhes Jesus de novo: Paz seja convosco! Assim como o Pai me enviou, eu vos envio. Dizendo isto, soprou sobre eles, e disse: ‘Recebei o Espírito Santo. Aqueles aos quais perdoardes os pecados, são-lhes perdoados; aqueles aos quais não perdoardes, ser-lhes-ão retidos.’”
Jesus recebeu Seu batismo, derramou Seu sangue na cruz e morreu. E no terceiro dia após Sua morte, Ele ressuscitou, apareceu aos Seus discípulos, mostrou-lhes as marcas do cravo em Suas mãos e a cicatriz em Seu corpo. E quando Ele viu que Tomé estava duvidando da Sua ressurreição, Ele disse: “Ponha suas mãos aqui nas minhas e no Meu lado também”. Então Tomé pôs as mãos na cicatriz de Jesus. Então Tomé viu a ferida profunda que havia no corpo de Jesus, que Ele havia ganhado quando estava pendurado na cruz e o soldado romano furou-O com uma lança para se certificar que Ele estava morto. Se não houvesse nenhuma ferida em Jesus depois de Ele ter ressuscitado, talvez as pessoas sem fé não teriam crido que Ele realmente tinha ressuscitado. Então parece que Jesus tinha que manter suas feridas a fim de provar que Ele havia ressuscitado. As feridas na palma de Suas mãos também estavam como deveriam estar. E os discípulos realmente viram essas feridas. Por isso, os discípulos de Jesus vendo isso, confessaram: “O Senhor é verdadeiramente o nosso Senhor”.
Jesus assoprou sobre Seus discípulos e disse-lhes: “Recebei o Espírito Santo”. Jesus tomou todos os pecados do mundo ao receber Seu batismo no rio Jordão e acabou com o julgamento relativo a eles ao morrer na cruz. Depois Jesus disse aos Seus discípulos para receberem o Espírito Santo. Da mesma forma, se alguém recebe a remissão de pecados, ele passa a receber o Espírito Santo como um presente. Assim como Deus deu aos doze discípulos o Espírito Santo, Ele também O deu aos justos crentes do evangelho da água e do Espírito. E o Senhor dos justos disse aos Seus discípulos: “Aqueles aos quais perdoardes os pecados, são-lhes perdoados; aqueles aos quais não perdoardes, ser-lhes-ão retidos”. Quando os justos pregam aos pecadores o evangelho da água e do Espírito e eles o aceitam, eles recebem a remissão de pecados.
Por outro lado, se os justos ficarem relutantes e parecerem preguiçosos ao fazer a obra de pregar o evangelho da água e do Espírito, então todos os pecadores irão para o inferno. Então, antes de o Senhor ascender ao Reino dos Céus, Ele apareceu aos Seus discípulos e disse-lhes: “Eu tenho toda a autoridade no céu e na terra porque assim o Pai me concedeu. E Eu dei a autoridade no céu e na terra a vocês que crêem no evangelho da água e do Espírito. Se os pecadores ouvirem à sua voz, eles irão para Céu, mas se eles rejeitarem suas palavras, eles acabarão indo para o inferno”. Por isso aquele que encontrou com os apóstolos de Jesus e aceitou suas palavras, recebeu a remissão de pecados e a vida eterna.
Também em nossos dias, os pecados do coração dos pecadores realmente desaparecem se eles ouvirem e aceitarem as palavras dos pregadores de Jesus que se tornaram justos por crerem nEle. Aquele que crê no evangelho da água e do Espírito recebe a salvação e o que o rejeita vai para o inferno.
 
 
O Deus dos Justos Deu Essa Autoridade aos Seus Discípulos
 
O Senhor deu aos justos a autoridade para mandar os pecadores para o Céu ou inferno. Às vezes, há pecadores que dizem que o evangelho da água e do Espírito é estranho quando o ouvem dos justos. Isso porque eles não o conhecem. Mas se eles não aceitarem as palavras dos justos, é obvio que eles irão para o inferno. Deus chamou a Abraão e disse-lhe: “Abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra” (Gênesis 12:3). Assim como essa palavra diz que aquele que abençoar a Abraão será abençoado e quem o amaldiçoar será amaldiçoado, uma pessoa também recebe bênçãos se aceitar os justos que pregam o evangelho da água e do Espírito e se ela rejeitar os justos que nasceram de novo da água e do Espírito, já está decidido que ela irá para o inferno. Jesus Cristo ressuscitou e ascendeu ao Céu, e depois através de Seus discípulos, Ele proclamou o evangelho da água e do Espírito que resgata os pecadores de todos os seus pecados. Então, ignorar os discípulos de Jesus significa ignorar a Deus, e persegui-los significa perseguir a Deus.
Deus deu aos justos a autoridade do Senhor. Jesus disse aos justos: “Vós recebestes minha autoridade. Portanto, ide e fazei discípulos de todos os povos, batizando-os em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo, ensinando-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado. E certamente estou convosco todos os dias, até à consumação do século.” Os pecadores têm que ouvir as palavras dos justos. Somente assim eles podem ser libertos do pecado. As pessoas só podem ir para o Céu, se tonar filhos de Deus, e vir a ter a alegria da vida eterna quando ouvirem e crerem sinceramente no evangelho da água e do Espírito que é pregado pelos discípulos de Jesus. A bênção ou a maldição depende se eles ouvirem bem o evangelho da água e do Espírito dos discípulos de Jesus ou não.
O Senhor deu aos justos autoridade no Céu e na terra. Então, qual a tarefa que deve ser feita pelos discípulos que receberam a autoridade de mandar as almas para o Céu ou para o inferno?
Primeiro, os justos devem proclamar o evangelho da água e do Espírito que salva a alma dos pecadores do pecado. Os justos como os discípulos de Jesus, devem ir a todos os pecadores proclamar o evangelho da água e do Espírito, que é a salvação através de Jesus e a remissão dos pecados. Porque Deus deu também aos justos a autoridade para resgatar os pecadores de seu pecado ou mandá-los para o inferno, os discípulos de Jesus têm além dessa autoridade, a responsabilidade de pregar o evangelho a todos os pecadores obedecendo a ordem do Senhor de ir ao mundo todo fazendo discípulos de todas as nações.
Nós os justos devemos pregar esse evangelho do batismo de Jesus e de Seu sangue na cruz, para que todos os pecadores possam ter a oportunidade de tê-lo. E então temos que fazer deles discípulos de Jesus alimentando-os pela fé. E temos que batizar os que se tornaram discípulos no nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, ensiná-los o evangelho do batismo e do sangue da cruz, ajudando-os assim a guardarem esse evangelho. Os justos herdaram essa responsabilidade.
 
 
O Senhor Disse: “E certamente estou convosco todos os dias, até à consumação do século”
 
O Senhor estará sempre com Seus discípulos até a consumação dos séculos. Isso significa que o Senhor está sempre conosco não importa quando ou onde estejamos. Então podemos continuar com toda obra confiada a nós com o poder e a força que o Senhor nos deu. Nós faremos a obra de pregar o evangelho a todas as nações do mundo fazendo-os discípulos através do Senhor.
Nós os justos devemos pregar e guardar esse evangelho do batismo seguindo as últimas palavras que o Senhor disse aos Seus discípulos. E assim como o Senhor disse que os justos veriam que Ele esteve com eles até a consumação dos séculos, até nós irmos para o Reino do Senhor, nós iremos ver que o Senhor estará com os justos até a consumação dos séculos, vendo-O com nossos próprios olhos. O Senhor está conosco e nos guarda enquanto você e eu estamos nesta terra. Eu creio que Deus irá pessoalmente nos ajudar e estar conosco até o fim.
Amados irmãos, o Senhor está com os justos ou não? Ele está com eles. O Senhor tem estado com os justos até agora, está hoje com eles, e estará com eles até o fim dos tempos. Vocês compreendem isso? O Senhor não nos deixa só. Ele disse que mostraria aos justos e os faria ver que Ele estaria com eles. “Eu tenho toda a autoridade. Eu tenho toda autoridade no céu e na terra. Eu a recebi do Pai. Hoje a autoridade na terra não é do diabo. É minha. A autoridade no Céu também é Minha. Todo aquele que crê em Mim entrará no Céu, e todo aquele que Me rejeitar irá para o inferno. Eu salvo os pecadores e mando os justos para o Céu. Se Eu abominá-los, eles irão para o inferno.” O Senhor disse que Ele tem toda essa autoridade. E Jesus disse que Ele deu aos Seus discípulos que crêem e seguem a Ele, a mesma autoridade que Ele recebeu do Pai. Então, devemos seguir fielmente o último pedido do Senhor quando Ele disse: “Portanto, ide e fazei discípulos de todos os povos”.
“Como vocês se tornaram Meus discípulos, vão e façam discípulos de todas as nações. Como vocês receberam a salvação e estão fazendo Minha obra por crerem em Mim, ajudem todas as nações a receberem a remissão de pecados e ajude-os também a proclamar o evangelho”. O Senhor disse-nos para salvar almas através do evangelho da água e do Espírito. Já que o Senhor salvou os pecadores acabando com o pecado de todos eles ao vir a esta terra, recebendo Seu batismo e morrendo na cruz, os justos que receberam a salvação devem ir a todas as nações pregar o evangelho do batismo e do sangue que Jesus cumpriu, ajudá-los a receber a salvação e se tornarem discípulos do Senhor. O Senhor disse aos justos para batizar em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo os que aceitaram o evangelho e ensiná-los a guardar esse evangelho do batismo e do sangue.
O que o Senhor quis dizer quando falou: “Ensine-os a guardar todas as coisas que eu vos tenho mandado?” Isso significa que devemos levá-los a crer no evangelho do Seu batismo e sangue, ensiná-los a negar a si mesmos, a seguir ao Senhor e a proclamar o evangelho. Resumindo, o Senhor nos disse para salvar as pessoas e fazê-las viver como discípulos. E essas foram as últimas palavras que o Senhor falou a todos os santos.
Portanto, os justos devem guardar o evangelho de Seu batismo e sangue. O evangelho do batismo de Jesus Cristo e Seu sangue é a figura da salvação pelo qual o Pai, o Filho e o Espírito Santo vieram a esta terra para nos salvar do pecado. Quando nós pregamos esse verdadeiro evangelho, o diabo nos ataca e nos perturba porque ele tem muito medo. Mas se nós não pregarmos o evangelho do batismo, mas somente dissermos às pessoas para crerem em Jesus, Satanás fica contente. Por quê? É porque se você prega e crê desta maneira, você não pode receber a salvação e acabará indo direto para o inferno com ele. Isso porque você passaria a estar do mesmo lado que ele.
Então, aqueles que não receberam a remissão de pecados caem nos engodos de Satanás e de bom grado recebem as palavras de seus servos quando eles pregam sem citar o batismo de Jesus. “Oh, sim, está certo. É nisso que eu tenho que crer. Está certo. Eu também creio dessa maneira. Estou feliz de te encontrar.” Contudo, se alguém diz: “Jesus levou todos os seus pecados quando recebeu Seu batismo no rio Jordão”, as pessoas vão embora dizendo: “Do que ele está falando? Eu nunca ouvi isso antes. Eu acho que isso é heresia.”
Por que as pessoas dizem que crêem em Jesus sem conhecer o fato de que todos os pecados do mundo foram transferidos para Ele quando foi batizado, e por que elas rejeitam isso? Elas relutam em crer na verdade apesar de todas as palavras na bíblia falarem sobre isso. É porque elas são aprisionadas e enganadas por Satanás. Então, os justos devem guardar o evangelho de Seu batismo e sangue. Os justos não devem distorcer o evangelho da água e do Espírito; eles devem guardá-lo. Os justos que nasceram de novo pelo evangelho da água e do Espírito devem fazer o que os discípulos de Jesus Cristo fizeram a fim de que muitos recebessem a remissão de pecados. E eles devem testificar do evangelho de Seu batismo para que outros também possam viver como discípulos de Jesus Cristo. Muitos pecadores ouvirão o evangelho de Seu batismo e receberão a salvação através dos justos. Portanto, os justos devem guardar o evangelho de Seu batismo.
Em muitos casos, os pregadores do evangelho estão prontos para remover o batismo de Jesus do verdadeiro evangelho e a proclamar somente o evangelho do sangue, porque eles têm medo de sofrer perseguição. E também há muitos que conhecem o evangelho de Seu batismo, mas não crêem nele. Eles não são perseguidos porque eles não pregam o evangelho de Seu batismo, e eles vivem numa atmosfera bem familiar com os pecadores desse mundo. Eles continuam seguindo as principais correntes do cristianismo que se tornaram uma heresia terrena, e cantam: “Eu sou muito grato ao Senhor por Ele ter preparado um vento favorável para eu chegar ao Céu. Amém.♪”
Queridos irmãos, Jesus disse que Ele não viria a esta terra para nos fazer viver em paz e calmaria; Ele veio trazer a discórdia. Ele disse: “Não penseis que vim trazer paz à terra. Não vim trazer paz, mas espada” (Mateus 10:34). Nesse mundo, os que crêem e os que não crêem estão extremamente divididos e sempre há batalhas espirituais entre eles. Assim que nós passarmos pelo mar bravio, nós entraremos no Céu. Calmarias são oceanos que levam ao inferno e mares bravios são oceanos que abrem seu caminho para o Céu. Eles são bravios quando vistos por nossos olhos, mas são seguros para os que crêem no evangelho da água e do Espírito, pois o Senhor vai com eles. Viver sem fé no evangelho é como um barco lançado em ondas perigosas. É como um veleiro sem motor que fica tristemente parado na calmaria sem chance de partir.
Amados irmãos, o evangelho da terra que pode ser facilmente pregado sem nenhuma perseguição leva a alma dos pecadores para o inferno. Os pecadores odeiam quando nós pregamos o evangelho da água e do Espírito. Mas os crentes justos que vão para o Céu gostam dele. Os justos que receberam a remissão de seus pecados pela água e pelo Espírito também são perseguidos por causa de Jesus, são afligidos por causa dEle, recebem glória por causa dEle e desfrutam de Suas bênçãos.
O Senhor disse: “Portanto, ide e fazei discípulos de todos os povos”. Um discípulo é alguém que aceita tudo o que o mestre faz. Os discípulos de Jesus podem batizar no nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo para herdarem o mistério de Jesus Cristo, que é o evangelho da água e do Espírito. Já que o antítipo da salvação de nós pecadores é o batismo de Jesus (1 Pedro 3:21), já que Ele tomou todos os pecados dos pecadores em Seu corpo, já que a nossa salvação pela Santíssima Trindade foi alcançada através do evangelho de Seu batismo e sangue, então Jesus está dizendo aos Seus discípulos para fazerem discípulos de todos os povos batizando-os. Irmãos e irmãs, vocês compreendem isso? Já que o evangelho do batismo é tão importante, Jesus disse aos Seus discípulos para batizar as pessoas.
Jesus disse aos Seus discípulos para batizar quem tinha nascido de novo. Jesus fez isso porque Ele salvou os pecadores de todos os seus pecados ao levá-los todos sobre Si ao receber Seu batismo. Deus Pai fez Seu Filho nascer nessa terra ao ser concebido pelo Espírito Santo; e através de Seu batismo e sangue Ele acabou com todos os pecados dos pecadores. Quando Jesus recebeu Seu batismo no rio Jordão, Ele levou todos os pecados dos pecadores através do método do batismo, isto é, pela imposição de mãos. Então, nosso Senhor nos disse para batizar as pessoas no nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo quando fôssemos fazer discípulos. O pecador que aceita o batismo de Jesus se torna um dos justos, um discípulo de Jesus e mais tarde um colaborador dos justos. Contudo, o pecador que não aceita Seu batismo não é um dos justos e nem Seu discípulo. O pecador que nega o batismo de Jesus não pode se tornar Seu discípulo. Jesus levou todos os pecados dos pecadores ao receber Seu batismo.
Mas há pecadores nesse mundo que ignoram o batismo de Jesus que os salvou do pecado ao receber esse mesmo batismo, e eles só pregam o sangue da cruz. Esse tipo de pessoa provavelmente crê que não tem problema crer somente no sangue de Jesus, mas ele está redondamente enganado. Esse tipo de pecador não é um discípulo de Jesus. Alguém que prega somente o sangue da cruz e não o Seu batismo é um pecador. E se alguém ouve todos os dias a palavra de alguém que está cego espiritualmente, ele vai continuar sendo um pecador do início ao fim. Se alguém permanece um pecador crendo em Jesus ou não, seria melhor se ele não cresse nEle. Se alguém crê somente no sangue da cruz, é inevitável que mais pecados se acumulem em seu coração e ele se torne cada vez mais atormentado.
Jesus cumpriu o evangelho da água e do Espírito que não é corrompido pelos justos. Jesus quer que preguemos ao mundo todo o evangelho da água e do Espírito que Ele cumpriu quando veio a esta terra. Nós iremos proclamar o evangelho da água e do Espírito dizendo que Jesus, que é Senhor de todas as coisas, cumpriu o evangelho para que todos os pecadores possam negar seus próprios pensamentos e buscá-Lo. Jesus Cristo quer que proclamemos que Ele mesmo se tornou o Pastor dos justos através do evangelho da água e do Espírito, e que o Pastor sempre cuida dos justos.
 
 
Os Justos Obedecem às Últimas Palavras de Jesus Cristo Assim Como Pregam o Evangelho do Batismo e do Sangue de Jesus
 
As últimas palavras de Jesus foram mesmo grandiosas. Jesus falou essas grandiosas últimas palavras para você e para mim, os justos. O Senhor expressou em Suas últimas palavras que Ele nunca deixaria os justos. O Senhor disse que estaria conosco até a consumação dos séculos. Então, quando os justos forem perseguidos, eles sofrerão com o Senhor, e quando eles receberem glória, eles a receberão com o Senhor.
Queridos irmãos, o Senhor está com vocês. E Ele mostra aos pecadores que Ele estará com os justos até a consumação dos séculos. Apesar de os justos serem imperfeitos e fracos, o Senhor não os deixa só. Então, o Senhor intervém na obra que eles fazem e os ajuda a fazê-la bem, Ele ainda trabalha com os justos e prega o evangelho com eles. O Senhor pensa com os justos, está sempre ao seu lado e está entre eles como um amigo. E o Senhor pede aos justos para proclamar o evangelho que o Pai confiou a eles. Até essa obra terminar completamente e até o fim dos séculos, o Senhor estará sempre com os justos. Então, a salvação da água e do Espírito que os justos herdaram é boa.
Mesmo quando enfrentarmos a época da tribulação, o Senhor estará com os justos. Nós veremos isso com nossos próprios olhos e experimentaremos isso. Você e eu que nascemos de novo através do evangelho da água e do Espírito estamos vendo agora e continuaremos vendo como o Senhor é o nosso Pastor, como Ele protege Suas ovelhas e como Ele trabalha com os justos. O Senhor nos deu a salvação através do evangelho da água e do Espírito e prometeu que estaria com os justos, assim como nos pediu para fazermos a obra do evangelho. Irmãos, isto não está certo?
Você e eu estamos pregando agora o evangelho em todo o mundo. O Senhor abriu um caminho para nós podermos pregar o evangelho através de livros e da internet. Estamos vendo também agora que os que receberam a remissão de seus pecados em outros países estão nos mandando e-mails contando seus testemunhos de salvação e seu novo ministério pelo verdadeiro evangelho. O Senhor nos dá poder através da Sua Igreja, trabalha conosco, encoraja aqueles que não sabem o que fazer, e abre largos caminhos para pregar o evangelho a todo o mundo. Toda nossa obra vai bem porque o Senhor está conosco. Nós podemos realizar as obras dos jutos porque o Senhor se agrada de nós e porque Ele está conosco. Proclamar o evangelho jamais seria possível se o Senhor não estivesse conosco.
 
 
O Senhor Fez Uma Promessa aos Seus Discípulos, os Justos
 
O Senhor deu um mandamento aos Seus discípulos: “Vão e façam discípulos de todas as nações. E façam exatamente o que Eu lhes disse. Ensinem os seus discípulos e observem todas essas coisas. E Eu estarei sempre com vocês. Trabalhem pela fé”. O Senhor dá força aos justos quando as coisas estão difíceis para que eles não parem a justa obra, castiga-os quando estão orgulhosos e os ajuda sempre.
Você crê no evangelho da água e do Espírito no qual Jesus eliminou todos os pecados dos pecadores dessa terra? Se você crê, por favor, preste atenção à promessa de Deus agora. Depois de Jesus salvar todos os pecadores dignos de receber a salvação nesse mundo, Ele acabará com ele. Ele vai inaugurar o Reino Milenial com os justos renovando a terra, modificando totalmente este mundo depois de 1000 anos, e fará com que os justos entrem no novo céu e nova terra que é o Paraíso eterno. O Senhor disse que Ele não levaria os justos até Ele nos dar o Reino eterno. “Eu estou com os justos. Eu cumprirei Minha vontade estando ao lado deles.”
E Jesus nos prova que Ele estará com os justos até a consumação dos séculos. É por isso que o Senhor trabalha aos poucos com os justos. Apesar de nós justos nascidos de novo termos limites, nós ainda proclamamos o evangelho sem cessar, e só poderemos fazer as coisas no futuro porque o Senhor guarda o nosso coração a fim de que vivamos pela fé e nos dá forças para prosseguir.
Por causa da Sua ajuda nós podemos crer no evangelho da água e do Espírito até o fim. Nós estamos tão exaustos que se fizermos algo mais, parece que iremos morrer. Mas o Senhor pega nosso pavio de vida e o acende. Mesmo se eu dormir, o Senhor não dorme, e mesmo se eu não trabalhar, o Senhor não descansa, mas continua trabalhando. E parece mesmo que se eu estiver trabalhando sozinho, eu já teria perdido a vontade de viver. Eu tenho um temperamento muito forte. Por isso, se eu começar algo e não for bem feito, eu acabo desistindo dele. Mas ao ver como o evangelho está sendo pregado no mundo inteiro, eu não tenho como negar que o Senhor está trabalhando comigo.
Aqueles que não nasceram de novo se comovem quando falam em línguas, mas o que eles fazem realmente não é falar em línguas. Eles só ficam rosnando como fazem os cachorros. Mas você e eu não somos enganados por esses mentirosos, não temos compromisso algum com o mundo, protegemos o evangelho da água e do Espírito, e podemos pregá-lo porque o Senhor está sempre conosco e nunca nos abandona. Do mesmo modo, o Senhor mostra aos justos se Ele estará com eles ou não. “Vocês verão se Eu estarei com vocês ou não. Eu trabalharei com os justos até a consumação dos séculos.”
 
 
Há Muitas Ocasiões em Que os Justos se Sentem Desencorajados
 
O Senhor fez uma promessa aos Seus discípulos: “E darei a vocês Minha autoridade e o trabalho que precisa ser feito. Mas Eu o farei com vocês até a consumação dos séculos. E vocês verão que Eu farei isso com vocês.” Foi isso que Ele prometeu. Portanto, os justos não devem temer. Há muitas ocasiões em que nos sentimos desencorajados porque às vezes somos levados pelas nossas imperfeições e pelas fraquezas da nossa carne, mas quando isso acontece, nós voltamos nosso coração para Deus com fé, levantamos nossos olhos, e assim podemos ver que o Senhor trabalha com os justos. Às vezes eu quero fazer a obra sozinho, mas eu fico com medo de fazer isso. E mesmo que eu trabalhe somente com os meus pastores, nós temos medo de fazer isso sozinhos também. Mas já que cremos que o Senhor trabalha conosco nós continuamos a fazer a Sua obra sendo fortalecidos por Ele. Aquele que crê no evangelho da água e do Espírito também crê no Senhor.
Eu realmente não interfiro na obra que foi confiada aos nossos obreiros. Eu só digo a eles: “Façam isso vocês mesmos. E façam bem. Vocês estão fazendo isso para Deus. Ou vocês estão fazendo isso para alguém ver? Vocês estão fazendo a minha obra? Não, vocês estão fazendo a obra de Deus.” É isso que eu digo. Já que estamos fazendo a obra de Deus, nós somos fiéis à obra que Ele nos confiou, não importa o que os outros digam. Eu creio no Senhor eu acredito que Ele nos guarda e nos usa, e que Ele é glorificado através de nós quando fazemos a obra e pregamos o evangelho da água e do Espírito nessa terra. E já que eu creio no Senhor, eu confio nos servos de Deus que nasceram de novo da água e do Espírito e nos santos que são leigos também. E mesmo que alguns irmãos estejam agindo como crianças mimadas e espiritualmente imaturas, eu não me preocupo muito porque eu creio que em breve eles se tornarão pessoas de fé.
Irmãos, nós podemos fazer isso sozinhos, mas é o Senhor que nos usa para fazer a Sua obra. O Senhor trabalha comigo e com todos os santos, por isso, eu creio que se a intenção do seu coração não mudar, Deus colocará Sua mão sobre eles e os guiará da maneira mais correta. Então, por crer que Ele fará isso, há ocasiões em que eu não me preocupo muito realmente. Eu creio que já que estamos trabalhando com o Senhor, as bênçãos virão sobre aqueles que viverem segundo a Sua vontade, mas se alguém não fizer a Sua vontade e agir com imaturidade, Ele tirará todas as bênçãos que deu a eles.
Toda autoridade nos Céus e na terra pertence ao Senhor, e Ele deu essa autoridade aos discípulos que nasceram de novo da água e do Espírito. Sendo assim, devemos viver para fazer a vontade do Senhor. E é por isso que estamos pregando este evangelho aos pecadores. Se eles quiserem receber essas bênçãos também, eles têm que reconhecer os discípulos de Jesus e ouvir muito bem o que eles dizem. Se eles não ouvirem o que dizem os discípulos, eles não receberão essas bênçãos.
Irmãos, quando alguém está muito fraco, eu o visito e o encorajo com boas palavras. Mas se a pessoa não estiver fraca, e sim com frieza e teimosia no coração, eu apenas a deixo para lá. Todavia, você tem que entender que às vezes nossas fraquezas são muito malignas diante de Deus. E é algo maligno se você der lugar totalmente à sua fraqueza e não quiser se libertar disso. O Senhor salvou aqueles que são fisicamente fracos com o evangelho da água e do Espírito e deu a eles uma fé poderosa. E já que o Senhor nos deu a fé para que possamos falar com ousadia a quem quer que seja, não podemos deixar de pregar esse poderoso evangelho aos pecadores. O certo é que os justos vivam com o Senhor exaltando a obra que Jesus fez por eles, sendo gratos a Ele por ela e buscando ter suas necessidades supridas por Ele. O Senhor está comigo e com os justos que nasceram de novo, Ele estará com todos nós até a consumação dos séculos.
O Senhor disse: “E certamente estou convosco todos os dias, até à consumação do século.” Ele disse que nos mostraria se estaria ou não conosco. Nosso Senhor tem estado conosco até agora? Sim. Você tem visto todos os dias que o Senhor tem estado contigo desde que você recebeu a salvação, não tem? Eu também tenho visto isso. Eu tenho visto isso inúmeras vezes. No futuro você também vera isso inúmeras vezes. Portanto, basta você negar a si mesmo e seguir ao Senhor. Se quisermos realizar nossos desejos e deixar o Senhor de lado, Ele nos repreenderá e sofreremos muito até a morte, mas se entregarmos nossa vida ao Senhor e procurarmos fazer a Sua vontade, de agora em diante Ele cuidará de tudo para nós. Ele fará o melhor para nós.
Fazer discípulos de todas as nações pregando a Palavra do Senhor é a obra que os justos terão que fazer nos últimos dias. A nossa obra é ir pelo mundo inteiro pregando o evangelho a todas as pessoas. É por isso que nós fomos à Yanbian, na China, e o pregamos em todo mundo também dando testemunho do evangelho da água e do Espírito a todas as pessoas.
O Senhor abriu uma porta chamada internet para pregarmos o evangelho em lugares onde não podemos estar pessoalmente. Ele não nos deu essa obra e simplesmente esqueceu; Ele está sempre conosco e trabalha através de nós. Nós não estamos pregando o evangelho para que nossa denominação venha a crescer. Nós estamos obedecendo ao mandamento do Senhor que diz que devemos fazer discípulos de todas as nações. O Senhor nos mostra que Ele está conosco até a consumação dos séculos e nos ajuda.
Você já deve ter pensado o que deve fazer nesses últimos dias. Sim. Nós temos que pregar o evangelho da água e do Espírito a todos neste mundo. Nós temos que ensinar às pessoas o que o Senhor nos mandou, ter fé no coração e guardar a Sua Palavra até o fim. Pregar o evangelho no mundo inteiro é o mesmo que guardarmos a nossa fé. O Senhor trabalha com todos os que guardam Sua Palavra, Ele os protege os ajuda e os exalta. É isso que o nosso Senhor faz. Portanto, há duas coisas que temos que fazer; temos que guardar o evangelho do Seu batismo e pregá-lo a todas as pessoas para que elas sigam a Palavra do Senhor. Vocês entendem isso?
Nós fomos salvos pela Sua Palavra. O Senhor nos deu a Palavra da justiça. A bíblia diz: “Lâmpada para os meus pés é a tua palavra, e luz para o meu caminho” (Salmo 119:105). Nosso dever é obedecer a Palavra do Senhor. Eu acho que é fácil levar uma vida de fé. É só vivermos segundo o que disse o Senhor, segundo o que Ele nos mandou. Nós devemos fazer planos? Não. Devemos apenas realizar os planos que Ele nos deu. Se fizermos apenas isso já será suficiente. Não há nenhum plano que devemos fazer em particular. Basta fazermos discípulos em meio as pessoas que estão ao nosso redor, como disse o Senhor: “Portanto, ide e fazei discípulos de todos os povos”.
  
 
Faça com que Todos Sejam Discípulos de Jesus Cristo
 
Pregue o evangelho do batismo e do sangue de Jesus a todos neste mundo, e ajude-os a crer nele e a seguir ao Senhor. E aqueles que têm pernas fortes devem ir aos lugares distantes para dar testemunho do evangelho a todos os pecadores. E você também deve ensinar àqueles que ouvirem o evangelho de você a pregar o evangelho do Seu batismo de modo bem claro quando eles o pregarem aos pecadores também. Ensine as pessoas de modo bem claro para que quando elas receberem a salvação e anunciarem o evangelho às outras pessoas, elas não esqueçam do batismo de Jesus.
Vocês já sabem que o Senhor estará com vocês até a consumação dos séculos, e é assim que vocês devem viver. Deus está conosco basta apenas fazermos o que Ele nos mandou, pois vemos a cada dia com nossos próprios olhos que Ele está sempre conosco. Se quisermos seguir a Palavra de Deus, devemos apenas estar sempre com Ele. É muito fácil seguir este mandamento. Isso é fácil ou difícil para vocês? É fácil. Às vezes pensamos que é difícil pregar o evangelho, mas na verdade é muito fácil. Basta pregarmos o evangelho que o Senhor já completou por nós.
Eu sempre digo que nós é que devemos seguir ao Senhor. Nós temos uma vida de fé quando confiamos nEle. Ele não se agrada quando deixamos nossa vida de fé e nos opomos à Sua vontade. Nós temos que viver colocando o Senhor, que é o nosso comandante, em primeiro lugar. Se o Senhor for muito rápido, devemos ir rápido também; se Ele descansar, nós temos que descansar com Ele; e mesmo que Ele vá bem devagar, numa velocidade de 50 km por hora, olhando para uma montanha bem distante, não devemos dizer: “Senhor, se tu quiseres ir mais rápido, podes ir”. Nós temos que acompanhar Seus passos e andar a 50 km por hora com Ele. Mas se dissermos: “Senhor, isso é muito difícil para mim. Por favor, saia do meu caminho. Eu quero ir primeiro”, Ele não ficará feliz. Você sabe o que o Senhor dirá então? Ele dirá: “Eu posso ver que você de fato não conhece seu lugar.”
Irmãos, nosso dever é estar ao lado do Senhor e ir com Ele aonde quer que Ele vá. Isso é a única coisa que Ele nos pede. Ele nos pede para concentrarmos nossos esforços na proclamação do evangelho. Nós não temos mais nada a fazer a não ser fazer isso muito bem. Ele não te diz em nenhum lugar que você vai ficar rico ou que você vai ter uma vida feliz. Ele apenas diz: “Já que Eu cuidarei de tudo o que você precisa, concentre seus esforçoes na proclamação do evangelho. Se você fizer isso, Eu vou te ajudar. Eu vou te guiar. Mas se você não proclamar o evangelho, Eu não poderei estar contigo porque Eu não estarei feliz”. A vida de fé é algo muito simples.
Irmãos, não pensem que a vida de fé é difícil. Não pensem que seguir ao Senhor é difícil. Vocês têm que entregar seu coração ao evangelho, e mesmo que vocês queiram algo, vocês têm que abrir mão disso por amor ao evangelho. Irmãos, vocês entendem isso não entendem? Não finjam que vocês são melhores do que as pessoas das outras igrejas. A única coisa que temos que fazer é seguir o Senhor passo a passo.
Todas as palavras do Senhor são promessas que Ele nos fez. Primeiro, Ele nos disse: “Eu lhes darei poder.” Segundo, Ele disse: “Ide e fazei discípulos de todas as nações pregando este evangelho para eles.” Terceiro, Ele disse: “Nunca corrompa o evangelho”. Quarto, Ele disse: “Eu estarei com vocês. Não se preocupem. Façam apenas o que Eu disse a vocês pela fé.” Estas foram as últimas palavras do Senhor. E algo que temos sempre que nos lembrar é que devemos andar com Deus.
Sejam fiéis em todas as circunstâncias e vivam para o evangelho. Um filho de Deus nascido de novo não deve ter outro propósito senão viver para proclamar o evangelho. Não pensem em nada mais. O Senhor dos justos estará com Seus discípulos até a consumação dos séculos.

Eu sou muito grato ao Senhor.