Sermões

Assunto 9: Romanos

[Capítulo 8-1] Introdução ao Capítulo 8

O capítulo 8 talvez pode ser descrito como o mais importante capítulo do Livro de Romanos. Por meio dos vários temas que são apresentados neste capítulo, Paulo nos revela como a obra da Justiça de Deus é maravilhosa.
O primeiro tema é: “Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus”. (Romanos 8:1). Isso significa que independente do quanto sejamos vulgares e degradados em nossa carne, a Justiça de Deus nos liberta de todos os nossos pecados.
O segundo tema é: “Porquanto o que fora impossível à lei, no que estava enferma pela carne, isso fez Deus”. (Romanos 8:3). Isso significa que Jesus Cristo, levando todos os nossos pecados sobre Si com Seu batismo e Sua morte na Cruz, salvou as pessoas de seus pecados e do julgamento porque elas não podiam seguir a Lei dada por Deus por meio da carne. Jesus veio a esta Terra e levou todos os pecados da humanidade de uma vez por todas com Seu batismo por João, para que pudesse levar todos os pecados do mundo em Sua Cruz, ser crucificado nela e ressuscitar dos mortos para salvar todos aqueles que creem nesta verdade. Todas as obras de nosso Senhor Jesus foram para cumprir a Justiça de Deus e salvar os pecadores de seus pecados, em obediência à vontade de nosso Deus Pai.
O terceiro tema é: “Porque os que se inclinam para a carne cogitam das coisas da carne; mas os que se inclinam para o Espírito, das coisas do Espírito”. (Romanos 8:5). Isso significa que quando decidimos crer em Deus, devemos crer Nele não pelos nossos próprios pensamentos, mas seguindo a Palavra de Deus.
O quarto tema é: “Vós, porém, não estais na carne, mas no Espírito, se, de fato, o Espírito de Deus habita em vós”. (Romanos 8:9). Aqueles que creem na Justiça de Deus receberam o Espírito Santo em seus corações e se tornaram filhos de Deus. Isso também significa que você não pode se tornar filho de Deus só porque você frequenta a Igreja sempre.
O quinto tema é: “Assim, pois, irmãos, somos devedores, não à carne como se constrangidos a viver segundo a carne”. (Romanos 8:12). Este tema nos fala que aqueles que foram salvos de todos os seus pecados pela fé no evangelho de nosso Senhor Jesus, que cumpriu a Justiça de Deus, não podem ser devedores da carne e seus escravos.
O sexto tema é: “Porque não recebestes o espírito de escravidão, para viverdes, outra vez, atemorizados, mas recebestes o espírito de adoção, baseados no qual clamamos: Aba, Pai”. (Romanos 8:15). Porque aqueles que creem em Deus receberam o Espírito Santo, agora eles podem chamar Deus Pai, "Aba, Pai".
O sétimo tema é: “O próprio Espírito testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus. Ora, se somos filhos, somos também herdeiros, herdeiros de Deus e coerdeiros com Cristo”. (Romanos 8:16-17). Aqueles que creem na Justiça de Deus são aqueles que receberam o Espírito Santo e se tornarão, junto com Cristo, herdeiros do Seu Reino do Céu.
O oitavo tema é: “Porque sabemos que toda a criação, a um só tempo, geme e suporta angústias até agora”. (Romanos 8:22). Este texto nos fala que mesmo os crentes na Justiça de Deus enfrentam sofrimentos neste mundo, juntamente com as outras criaturas, mas também nos diz que no próximo mundo não haverá mais dor ou sofrimento.
O nono tema é: “E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou”. (Romanos 8:30). Aqui o texto fala que Deus chamou os pecadores em Seu Filho Jesus Cristo e que os tornou Seus filhos, levando todos os seus pecados de uma vez com a Sua Justiça.
Finalmente, o décimo e último tema é: “Quem intentará acusação contra os eleitos de Deus? É Deus quem os justifica”. (Romanos 8:33). Ninguém pode julgar os filhos de Deus que receberam o Espírito Santo como presentes por sua libertação do pecado, pela fé na Justiça de Deus.
Esses dez temas são as linhas básicas de Romanos capítulo 8. Nós agora os examinaremos em detalhes como nosso debate principal.